Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

O ANO PROMETE

The Boys, Stranger Things e Marvel: 10 séries para ficar de olho em 2021

Divulgação/Prime Video e Netflix

Montagem com Jack Quaid em cena de The Boys e Millie Bobby Brown em cena de Stranger Things

Jack Quaid em The Boys e Millie Bobby Brown em Stranger Things; dupla deve retornar em 2021

ANDRÉ ZULIANI

andre@noticiasdatv.com

Publicado em 29/12/2020 - 6h55

Depois de várias séries terem suas produções afetadas pelo novo coronavírus neste ano, 2021 deve guardar fortes emoções para os fãs de cultura pop. A partir de janeiro, terá início uma maratona de estreias e retornos que devem dominar as discussões das redeis sociais. Da chegada de WandaVision aos hits The Boys e Stranger Things, o cardápio será muito atraente.

Primeira série ligada ao Universo Cinematográfico da Marvel a estrear no Disney+, WandaVision carrega enormes expectativas daqueles que acompanham as aventuras dos Vingadores desde Homem de Ferro (2008). Na sequência, chegam Falcão e o Soldado Invernal e Loki --uma surra de heróis para os que passaram 2020 na abstinência de uma boa luta entre o bem e o mal.

Grande sucesso do Prime Video neste ano, The Boys começa as gravações de sua terceira temporada no início de 2021. Assim como nos anos anteriores, os novos episódios devem chegar à plataforma no fim do ano --caso não sofra com problemas por conta do novo coronavírus.

Líder disparada na guerra do streaming, a gigante Netflix tem em seu catálogo inúmeros títulos que movimentam o público. Com a estreia de Cobra Kai logo no primeiro mês, o restante do ano será marcado pela ansiedade dos seus assinantes para as chegadas das novas temporadas de Stranger Things e The Crown.

Sempre lembrada nas principais premiações da TV, a HBO reserva dois grandes retornos para 2020: o drama teen Euphoria, com Zendaya, e a vencedora do Emmy Succession, que após levar a estatueta na principal categoria, ganhou uma nova legião de fãs à espera de sua terceira temporada.

Uma das maiores séries da década, The Walking Dead tem seu final marcado para 2022. Em 2021, no entanto, chega a primeira parte de sua 11ª e última temporada para dar início às despedidas. Há ainda a volta de The Handmaid's Tale, que passou batido por 2020, mas retorna com tudo no ano que vem.

Muitas produções ficaram de fora da relação, como Ozark, The Marvelous Mrs. Maisel, Killing Eve e o carro-chefe do Disney+, The Mandalorian. E isso significa apenas que 2021 promete ser ainda mais empolgante do que os fãs de cultura pop imaginavam.

Abaixo, confira a lista preparada pelo Notícias da TV de 10 séries para ficar de olho em 2021:

DIVULGAÇÃO/DISNEY+

O casal Feiticeira Escarlate e Visão

WandaVision

A série marca o início do Universo da Marvel compartilhado com o Disney+. Se nas atrações exibidas pela Netflix (Demolidor, Jessica Jones) e na TV aberta norte-americana (Agents of Shield), as referências aos Vingadores eram mais sutis, agora elas serão totalmente correlacionadas.

WandaVision trará de volta os heróis Feiticeira Escarlate (Elizabeth Olsen) e Visão (Paul Bettany), além de muitos outros personagens apresentados nos cinemas. Kevin Feige, presidente do Marvel Studios, confirmou que os eventos da série terão ligação direta com a trama de Doutor Estranho 2 e Homem-Aranha 3. Para os fãs que passaram 2020 sem nenhum filme do estúdio, 2021 começará empolgante.

DIVULGAÇÃO/DISNEY+

Falcão e o Soldado Invernal no Disney+

Falcão e o Soldado Invernal

Segunda série da Marvel a estrear no Disney+, Falcão e o Soldado Invernal contará as consequências da "aposentadoria" do Capitão América (Chris Evans) após Vingadores: Ultimato (2019).

Na trama, seus parceiros leais, Falcão (Anthony Mackie) e Soldado Invernal (Sebastian Stan) precisarão enfrentar o Barão Zemo (Daniel Brühl), o vilão de Capitão América: Guerra Civil (2016), além da aparição de uma nova ameaça, o Agente Americano (John Walker).

DIVULGAÇÃO/HULU

June está de volta em 2021

The Handmaid's Tale

Vencedora do Globo de Ouro de melhor série drama em 2018, The Handmaid's Tale não teve novos episódios em 2020, o que deixou a ansiedade dos fãs ainda maior para a chegada da quarta temporada e a continuação da luta de June (Elisabeth Moss) contra as forças de Gilead.

O novo ano ainda não chegou, mas o serviço de streaming Hulu já confirmou que uma quinta temporada está em produção. Uma data de estreia para os episódios inéditos deve ser anunciada nos primeiros meses do ano.

DIVULGAÇÃO/AMC

O retorno triunfal de Maggie

The Walking Dead

O próximo ano reserva fortes emoções para quem acompanha a saga de humanos contra zumbis desde a estreia de The Walking Dead, há 11 anos. Depois de resgatar parte do prestígio da série com os elogiados nono e décimo anos, a showrunner Angela King confirmou que a 11ª temporada colocará um ponto-final na história iniciada por Rick Grimes (Andrew Lincoln).

A última temporada terá 24 episódios e será dividas em duas partes, com a última leva estreando apenas em 2022. Apesar do adeus, os amantes da franquia poderão continuar acompanhando a história de dois dos personagens mais importantes da série: Daryl (Norman Reedus) e Carol (Melissa McBride) estrelarão um spin-off focado na dupla.

A trama do ano derradeiro deve apresentar a Commonwealth, maior comunidade de humanos nas HQs que inspiraram a série, além de marcar o retorno triunfal de Maggie (Lauren Cohan), que deu as caras no final da 10ª temporada.

DIVULGAÇÃO/DISNEY+

O vilão Loki na série do Disney+

Loki

Vilão (ou anti-herói?) mais adorado do Universo Marvel, o deus da trapaça Loki ganhará uma série para chamar de sua em 2021. Apesar de ter dado adeus em Vingadores: Guerra Infinita (2018), o personagem vivido por Tom Hiddleston retornará com uma versão alternativa na trama.

O primeiro trailer foi divulgado pelo Disney+, mas não foi o bastante para responder as várias perguntas feitas pelos fãs desde que a produção foi anunciada. De certo, há apenas as confirmações de que Owen Wilson, Richard E. Grant, Gugu Mbatha-Raw e Sophia Di Martino integrarão o elenco.

DIVULGAÇÃO/NETFLIX

A dupla favorita dos fãs: Steve e Dustin

Stranger Things

Um dos maiores sucessos da história da Netflix, Stranger Things foi outra série que deixou os fãs órfãos de novidades em 2020. Em 2021, isso deve mudar, já que os trabalhos de produção para a vindoura quarta temporada estão adiantados.

Poucos detalhes da trama foram revelados, e assim deve ser até o lançamento de um primeiro trailer --que, espera-se, tratá também a data de estreia. Por se tratar de uma produção que requer acabamentos e detalhes aperfeiçoados com efeitos especiais, o trabalho de pós-produção costuma levar mais tempo. Por isso, Eleven (Millie Bobby Brown) e seus amigos só devem retornar no segundo semestre.

DIVULGAÇÃO/prime video

O temível Capitão Pátria de The Boys

The Boys

Única série do Prime Video a fazer frente a produções da rival Netflix, The Boys consolidou com sua segunda temporada o sucesso iniciado no lançamento da primeira, ainda em 2019. A história de heróis desvirtuados e sem caráter saiu das HQs para o streaming e conquistou os fãs.

Após um final chocante do segundo ano, a terceira temporada passou a ser pedida pelo assinantes da plataforma nas redes sociais desde que o último episódio foi disponibilizado. O showrunner Eric Kripke já confirmou que a produção começa no início de 2021, e uma série derivada focada em uma universidade para pessoas com superpoderes também foi oficializada.

O terceiro ano ainda terá o reforço de Jensen Ackles, o Dean Winchester de Supernatural (2005-2020), como o novo vilão Soldier Boy. Se mantiver a mesma qualidade das temporadas iniciais, The Boys tem tudo para voltar a roubar o destaque para si.

DIVULGAÇÃO/NETFLIX

Gillian Anderson como Margaret Thatcher 

The Crown

The Crown não ficou mais de um ano sem episódios novos, mas isso não significou que a chegada de sua quarta temporada era menos desejada pelos assinantes da Netflix. Os novos episódios finalmente apresentaram a princesa Diana (1961-1997) e Margaret Thatcher (1925-2013), e a espera resultou na melhor temporada da produção até aqui.

Os novos episódios também marcaram a despedida do elenco encabeçado por Olivia Colman como a rainha Elizabeth. Na quinta e sexta temporada, ela sairá para dar lugar a Imelda Staunton, que assumirá o protagonismo ao lado de Jonathan Pryce (Philip), Lesley Manville (Margaret) e Elizabeth Debicki (Diana).

DIVULGAÇÃO/HBO

A premiada Zendaya em Euphoria

Euphoria

A história da adolescente viciada em drogas Rue Bennett não só conquistou público e crítica, como também rendeu o Emmy de melhor atriz de série drama para Zendaya, atriz que iniciou a carreira em produções com foco no público infantil no Disney Channel.

O sucesso do drama da HBO ainda rendeu dois episódios especiais, gravados de forma anônima durante o período de quarentena, enquanto a segunda temporada não chega com tudo para manter o nível em 2021.

DIVULGAÇÃO/HBO

Jeremy Strong e Brian Cox em Succession

Succession

Falar das qualidades das produções da HBO parece chover no molhado, mas Succession merece destaque por sua jornada curiosa no mundo do entretenimento. Apesar de contar com nomes conhecidos em Hollywood como Brian Cox e Jeremy Strong, a série estreou sem muito alarde, mas acabou chamando a atenção de público e crítica no decorrer de primeiro ano.

Na segunda temporada, o que era uma série elogiada se tornou um dos grandes produtos do canal pago. O sucesso foi tanto que Succession abocanhou prêmios importantes no Emmy e no Globo de Ouro deste ano, inclusive o de melhor série dramática.

Com um currículo desses, o vindouro terceiro ano não poderia ser menos aguardado por quem já se apaixonou pela vida absurda da família Roy nem por aqueles que ficaram curiosos para saber do que se trata o mais novo hit da HBO.


Leia também


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

O que você quer ver no retorno de Amor de Mãe?