Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

VOLTA AO TRABALHO

Após paralisação, Grey's Anatomy marca início das gravações da 17ª temporada

DIVULGAÇÃO/ABC

Dentro de uma sala de cirurgia, os atores Chris Carmack e Jake Borelli ouvem o diretor Kevin McKidd em Grey's Anatomy

Kevin McKidd, de blusa preta, dirige Chris Carmack e Jake Borelli na 16ª temporada de Grey's Anatomy

JOÃO DA PAZ

Publicado em 2/9/2020 - 15h43

A série Grey's Anatomy marcou para a próxima semana o início das gravações da 17ª temporada. O drama médico sai de uma quarentena de seis meses provocada pela pandemia do novo coronavírus (Covid-19), que forçou a trama protagonizada por Ellen Pompeo a cortar quatro episódios programados para encerrar a leva anterior.

O retorno da atração hospitalar mais popular da TV é aguardado com grande expectativa, porque há curiosidade sobre como o surto viral, ainda sem cura, será abordado. A doença em si e seu impacto na sociedade vão ganhar destaque logo no primeiro episódio da nova temporada. Os diálogos desse capítulo serão lidos pelo elenco, virtualmente, nesta quinta-feira (3), segundo o site TV Line.

A princípio, Krista Vernoff, showrunner de Grey's Anatomy, não queria inserir o coronavírus na trama. "Para mim, era uma questão de fadiga. E pensei que as pessoas precisavam de um alívio no meio dessa crise sanitária", justificou em entrevista para o podcast TV's Top 5, da revista The Hollywood Reporter.

Contudo, médicos consultores da produção a convenceram do contrário. "Eles me explicaram que seria irresponsável ignorar, no principal drama hospitalar da TV, a maior crise sanitária dos últimos tempos", disse a produtora.

Fora tudo isso, Grey's Anatomy vai retornar com a 17ª temporada sem a certeza de como será o futuro. A série ainda não foi renovada nem cancelada. O que se sabe é que a atração vai durar até o ponto em que Ellen Pompeo dizer "basta!" --a atriz está no ano final do seu atual contrato.

Como alento para os fãs, os atores Kim Raver, Kevin McKidd e Camilla Luddington, todos do elenco fixo, assinaram contratos para mais três anos nos papéis de Teddy Altman, Owen Hunt e Jo Karev, respectivamente. Pode ser um indício de que o fim não esteja tão próximo.

Exibida no Brasil pelo Sony Channel, Grey's Anatomy é objeto de uma batalha cerrada na guerra dos streamings. A 16ª temporada, ainda inédita nas plataformas, foi anunciada para este mês pelo Globoplay (sem data definida) e pelo Prime Video (para o dia 15). Enquanto isso a Netflix, que tem as outras 15 temporadas, não anunciou quando essa leva chega por lá.

Leia também


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

O que você espera ver na TV em 2021?