CINCO PERGUNTAS

Novo romance para Meredith? O que vem por aí na 17ª temporada de Grey's Anatomy

IMAGENS: DIVULGAÇÃO/ABC

Com um avental de médico, Richard Flood conversa com Ellen Pompeo, com uma roupa mais despojada, em cena de Grey's Anatomy

Richard Flood e Ellen Pompeo na 16ª temporada de Grey's Anatomy; seria Cormac o próximo romance de Meredith?

JOÃO DA PAZ - Publicado em 10/07/2020, às 07h00

Após um intervalo de três meses em relação aos Estados Unidos, o público brasileiro viu Grey's Anatomy dar adeus à 16ª temporada, exibida no Sony Channel. Foram muitos dramas em 21 episódios, e chegou o momento de projetar o que vem pela frente. Será que Meredith Grey (Ellen Pompeo) vai encontrar um novo amor de uma vez por todas?

Essa é uma das cinco perguntas mais importantes que a 17ª temporada de Grey's Anatomy precisa responder. Também estão na lista: com quem Teddy Altman (Kim Raver) vai ficar? O que acontecerá com Andrew DeLuca (Giacomo Gianniotti)? E a coitada da Jo Karev (Camilla Luddington), qual será seu futuro? E como a série vai narrar o caso de tráfico humano e temas contemporâneos de viés social?

Por enquanto, a rede ABC e os roteiristas não encaram a próxima leva de episódios como a derradeira. A preparação segue normal, sem um fim iminente próximo.

A engajada Krista Vernoff, showrunner da série, promete abordar assuntos quentes da sociedade, desde questões raciais à pandemia do novo coronavírus (Covid-19). Só não adiantou se os principais personagens vão terminar a 17ª temporada vivos.

Confira o que vem por aí na próxima temporada de Grey's Anatomy:

Meredith mais quem?

A mocinha de Grey's Anatomy embarcou em romances atribulados desde a perda do seu "McDreamy" Derek Shepherd (Patrick Dempsey). São tantos rolos que a própria Ellen Pompeo se cansou, principalmente quando foi encurralada em um triângulo amoroso um tanto quanto gratuito. 

Ela e Andrew estão rompidos, embora Meredith esteja presente ao lado dele em um momento delicado de sua vida. E nessa temporada surgiu o pediatra Cormac Hayes (Richard Flood), aprovado pela amiga Cristina Yang (Sandra Oh). Ele convidou Meredith para um drinque no fim da 16ª temporada. Ela recusou, alegando cansaço, mas pediu um convite em outra oportunidade. Será Cormac o escolhido?

Um alívio para Andrew

Na jornada da 16ª temporada, Andrew DeLuca chegou ao final como um herói, salvando a vida do querido cirurgião Richard Webber (James Pickens Jr.). Soma-se a isso o faro de detetive apurado ao suspeitar (com razão) de uma paciente vítima de tráfico humano. Apesar de tudo isso, ele é escanteado e sofre com críticas tanto da família quanto de dentro do trabalho.

Há uma história boa para ser destrinchada aqui, a dos problemas mentais de Andrew, uma bipolaridade supostamente herdada do pai. Resta saber como Grey's Anatomy vai tratar o cirurgião residente. Uma saída no horizonte seria um caminho positivo, pois infortúnio foi o que ele mais experimentou, desde suspensão no trabalho a risco de demissão e fim de namoro.

Greg Germann e Kevin McKidd em Grey's Anatomy; cordialidades só até a segunda página 


Dona Teddy e seus dois namorados

Quando o assunto em Grey's Anatomy é vida amorosa complicada, Teddy ganha a disputa com folga. Ela estava prestes a se casar com Owen Hunt (Kevin McKidd), pai de sua filha, quando teve um encontro sexual quente com Tom Koracick (Greg Germann), a quem disse que amava. Ela acabou abandonada no dia do casamento, cancelado em cima da hora por Owen.

E aí, com quem ela vai ficar, definitivamente? Há um elemento fora dessa equação. O fã de Grey's Anatomy descobriu que Teddy tem uma sexualidade fluida. O nome de sua filha com Owen, Alison, é em homenagem a uma ex-namorada. Pode ser que o "cara certo" para Teddy seja uma mulher. Nada mais Grey's Anatomy do que isso.

Esqueceram da Jo

Tudo bem, boa parte da primeira metade da 16ª temporada foi dedicada ao drama de Jo Karev (Camilla Luddington). Mas depois que recebeu a notícia de que Alex (Justin Chambers) a trocou por outra, mais especificamente por Izzie (Katherine Heigl), a história da cirurgiã deu uma esfriada.

Vale lembrar uma coisa. Na carta de despedida de Karev, o ex-maridão deixou as ações do hospital Grey Sloan que pertenciam a ele para Jo. O que significa que agora ela é rica, uma reviravolta para quem sofreu tanto na vida, morando em um carro e sendo vítima de violência doméstica. O potencial para Jo é enorme, e ela tem tudo para entrar no rol dos principais médicos da trama.

Temas relevantes

Assim como reviravoltas absurdas e casos de pacientes bizarros, Grey's Anatomy já acostumou seus fãs com uma pegada engajada na série, que sempre procura explorar temas relevantes e atuais.

A showrunner Krista Vernoff adiantou que o tráfico humano, abordado rapidamente nesta temporada, será retomado na nova leva de episódios. Essa parte da trama estaria nos episódios que foram cancelados por conta do coronavírus.

Leia também

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site. Também não serão aceitos comentários com links e propaganda de produtos, serviços e dietas.

Enquete

Qual é seu programa favorito gravado na quarentena?

Últimas notícias

Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook