Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

FUTURO NO STREAMING

Após caça-níqueis no cinema, Star Wars ganha nova esperança no Disney+

FOTOS: Divulgação/Lucasfilm

Montagem com Daisy Ridley em cena de Star Wars: A Ascensão Skywalker (2019) e Pedro Pascal em cena de The Mandalorian

Daisy Ridley em Star Wars: A Ascensão Skywalker (2019) e Pedro Pascal em The Mandalorian

ANDRÉ ZULIANI

andre@noticiasdatv.com

Publicado em 4/5/2021 - 6h50

Os fãs de Star Wars celebram nesta terça-feira mais um 4 de maio, considerado o dia mundial da saga criada por George Lucas, com uma realidade muito diferente dos anos anteriores. Após 11 filmes lançados para o cinema, duas animações, uma série live-action, um universo expandido com obras literárias e prestes a completar 44 anos, a franquia parece guardar seu futuro mais promissor para o Disney+.

Entre 2015 e 2019, o estúdio do Mickey lançou um filme da franquia por ano. Com exceção de Han Solo: Uma História Star Wars (2018), todos tiveram bom desempenho nas bilheterias, mas a recepção controversa entre fãs e críticos acabou os rotulando como caça-níqueis: projetos que priorizaram o lucro em vez da qualidade. Isso fez com que a estratégia para o futuro fosse repensada.

Em dezembro de 2020, Kathleen Kennedy, presidente da Lucasfilm, revelou uma série de novas produções da Star Wars que continuarão a expandir o universo apresentado pela primeira vez no Episódio 4 - Uma Nova Esperança (1977). Das 10 atrações anunciadas pela executiva, apenas uma tem estreia prevista para os cinemas.

O sucesso conquistado com The Mandalorian, somado à expansão do Disney+ para outros mercados além dos Estados Unidos, transformou a primeira série live-action de Star Wars em um fenômeno. A segunda temporada foi recompensada com uma indicação inédita ao Globo de Ouro deste ano.

Mando e Boba Fett em The Mandalorian

Com a produção estrelada por Pedro Pascal (e o Baby Yoda) como carro-chefe, o Disney+ será a casa de nada menos do que outras seis séries live-action situadas no mesmo universo de Star Wars.

Atrações como Ahsoka Tano, The Book of Boba Fett e Rangers of the New Republic terão ligações direta com The Mandalorian, enquanto Obi-Wan Kenobi, Andor, Lando e The Acolyte irão retomar personagens e acontecimentos vistos anteriormente nos filmes de Star Wars.

Entre as animações, há The Bad Batch, spin-off de Clone Wars (2008-2014; 2020), uma produção centrada em personagens apresentados na série original que estreia nesta terça no Disney+, e A Droid Story, focada nos androides R2-D2 e C-3PO ao lado de um novo herói inédito no universo da franquia.

O que sobrou para os cinemas?

Por se tratar de uma franquia bilionária, os projetos de Star Wars para as telonas dificilmente seriam descartados: Rogue Squadron, filme que terá Patty Jenkins (Mulher-Maravilha) na direção, tem estreia marcada para 25 de dezembro de 2023.

Poucos detalhes sobre a produção foram revelados, mas é esperado que a trama seja focada em grupo de pilotos X-Wing ligados de alguma maneira a Luke Skywalker (Mark Hamill). Nos próximos meses, novidades sobre quem formará o elenco devem ser anunciadas.

Para a parcela de fãs que amou o controverso Star Wars: Os Últimos Jedi (2017), uma trilogia derivada da franquia principal que teria o diretor Rian Johnson por trás do projeto parece ainda estar nos planos da Lucasfilm. Apesar das escolhas criativas questionadas por parte do público, caso o longa seja confirmado, o cineasta ainda teria futuro no universo especial.

Há ainda um projeto que teria o envolvimento de Kevin Feige, chefão do Marvel Studios e líder criativo de todas produções envolvendo o MCU. Michael Waldron, criador e showrunner de Loki para o Disney+, teve o seu nome envolvido em rumores para assumir a criação do roteiro.


Leia também

Web Stories

+
Dez anos após o fim de Smallville, veja como está o elenco da sérieDe cuidadora de cachorros a musa sertaneja: Como está Juliette fora do BBB21Salve-se Quem Puder: Última semana da reprise tem chantagem, reencontro perigoso e revelaçãoPower Couple Brasil 5 aposta em casais polêmicos e promete barraco e confusãoPereirão, Lurdes e Edilásia Sardinha: veja 7 mães marcantes das novelas brasileiras

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

Você está animado para a nova temporada do No Limite?