Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok
None - JOÃO COTTA/TV GLOBO

Nanda Costa

Nanda Costa é uma atriz e cantora nascida em 24 de setembro de 1986 em Paraty (RJ). Ela é mulher da percussionista Lan Lanh, de quem espera gêmeas.

A atriz deu seu primeiro passo na carreira quando saiu da cidade natal, no extremo Sul do estado do Rio de Janeiro, aos 14 anos. Sozinha, foi morar na capital paulista para estudar teatro.

As portas na televisão foram abertas quando fez um curso do diretor Wolf Maya. Depois disto, conquistou sua primeira personagem em novelas: Madá, em Cobras & Lagartos (2006), de João Emanuel Carneiro.

"Eu tinha vindo de uma temporada de seis anos dificílimos em São Paulo. Na época achava distante e quase impossível entrar em uma novela da Globo. Cursava a escola de atores do Wolf Maya em São Paulo quando a Márcia Andrade, produtora de elenco, me ligou a pedido do Wolf me convidando para a novela", relembrou a atriz em entrevista ao site Glamurama.

Depois de outras participações na TV, Nanda Costa estreou no horário nobre como Soraia em Viver a Vida (2009), de Manoel Carlos. O convite foi feito pelo diretor Jayme Monjardim.

No ano seguinte, fez uma jovem atriz na minissérie Clandestinos: o Sonho Começou (2010). Na novela Cordel Encantado (2011), de Duca Rachid e Thelma Guedes, foi Lilica, empregada da casa do coronel Cabral (Reginaldo Faria).

A primeira protagonista de Nanda Costa veio em Salve Jorge (2012), de Gloria Perez, quando fez Morena. A personagem foi mãe ainda adolescente e virou vítima do tráfico de pessoas na Turquia. A mocinha foi rejeitada por sua personalidade "fraca", e isso acabou afetando a atriz.

"A Morena era uma mocinha vinda da favela. Uma menina que foi traficada para fazer programa. Cheguei a gravar 76 cenas em um dia, o que foi muito exaustivo. Também não estava acostumada a receber tantas críticas", disse a artista à revista Marie Claire.

Ainda em novela das nove, Nanda Costa interpretou Tuane em Império (2014), de Aguinaldo Silva. A personagem representou uma virada de chave entre os papéis da atriz. "Ela tem um marido rico e não trabalha. Geralmente, fiz mulheres batalhadoras, guerreiras, que não tinham esse foco. Eu fiquei pensando: ela não trabalha? Isso é tão distante pra mim", contou ao Terra.

Em Pega Pega (2017), de Claudia Souto, foi Sandra Helena, uma camareira que participa do roubo ao local onde trabalha. Ao longo da trama, o quarteto de bandidos que compôs junto com Thiago Martins, Marcelo Serrado e João Baldasserini  roubou o protagonismo da história.

"Eu queria falar da importância dessa personagem na minha vida, porque eu sempre tive muito medo de falar sobre minha sexualidade, e a Sandra Helena me trouxe uma alegria, uma leveza. Ninguém em nenhum momento questionou a minha sexualidade", revelou ao Notícias da TV prestes a reestrear com a reprise da novela.

Na época da primeira exibição, Nanda Costa assumiu seu namoro com Lan Lanh e, consequentemente, sua bissexualidade.

No ano seguinte, fez Maura em Segundo Sol (2018), de João Emanuel Carneiro. Na novela, chamou atenção por representar uma personagem também bissexual, que ficou com o coração dividido entre uma mulher e um homem.

Em Amor de Mãe (2019), de Manuela Dias, viveu Érica, filha da protagonista Lurdes (Regina Casé). As gravações da novela foram interrompidas pela pandemia do coronavírus, mas terminadas em novembro de 2020.

Sobre o papel, Nanda Costa confessou que trouxe a ela uma experiência nova: a de ter muitos irmãos. "Foi muito legal estar numa família grande. Os almoços, os cafés. Na segunda fase teve essa parte ruim de a gente não poder comer devido aos protocolos. Mas foi bonito termos concluído esse trabalho mesmo diante de todas as dúvidas", contou, ao jornal O Globo, a atriz, que tem apenas uma irmã mais nova.

Nanda Costa no cinema

O primeiro papel de Nanda Costa no cinema foi em Sexo com Amor? (2008), filme de Wolf Maya. No ano seguinte, estreou em três produções: Bezerra de Menezes - O Diário de um Espírito (2009), Carmo (2009) e Um Homem Qualquer (2009).

Mas a atriz foi aclamada pela crítica em seu filme seguinte, Sonhos Roubados (2010). Por viver a protagonista Jéssica, venceu quatro prêmios como melhor atriz:

  • Festival do Rio
  • Festival de Cinema Brasileiro de Paris
  • Brazilian Film Festival of Miami
  • Festival de Biarritz

Depois, foi novamente premiada como melhor atriz, mas no Festival de Cinema de Paulínia pela atuação em Febre do Rato (2011). Os outros trabalhos de destaque foram Love Film Festival (2014), Apaixonados - O Filme (2016) e Entre irmãs (2017).

A estreia na carreira internacional foi com Monster Hunter (2020), filme gravado na África do Sul. Na produção, Nanda Costa enfrentou o desafio de falar em esperanto quando encarnava a personagem Lea.

"Eu só decorei e falei. No filme, eu contraceno com uma japonesa e com um alemão que falam esperanto, então a ideia era ter o sotaque de cada lugar", contou à Folha de S.Paulo.

Na música

Nanda Costa também segue carreira na música enquanto se divide entre a televisão e o cinema. Desde 2013, faz parte da banda Batida Nacional junto com sua mulher, Lan Lanh. Com o grupo, lançou dois álbuns: Magia Digital (2015) e O Fruto (2017).

Além de cantora, também compõe. A música Aponte, que está na abertura do filme Entre Irmãs (2017) na voz de Maria Bethânia, foi escrita por ela.

Vida pessoal

Nanda Costa nasceu em Paraty (RJ) e foi criada pela sua mãe, Patrícia Campos, já que o pai a abandonou quando ainda era bebê. Ela ainda cresceu junto com seus avós maternos e tem uma irmã dez anos mais nova.

Incentivada pelo seu avô, aos 14 anos mudou-se para a capital paulista com objetivo de cursar o ensino médio e estudar teatro. Primeiro, morou com uma tia, que morreu no ano seguinte. Depois, foi para a casa de uma tia avó, que logo voltou a Paraty. O único jeito de continuar em São Paulo foi morando em um pensionato religioso.

Nanda Costa é casada com Lan Lanh desde 2019. As duas começaram a namorar em 2014, mas o relacionamento só veio a público quando a atriz se assumiu bissexual, em 2018. Após um tratamento de fertilização in vitro, a Nanda conseguiu engravidar e está esperando gêmeas

Principais papéis de Nanda Costa na TV

AnoProduçãoPersonagem
2006Cobras & LagartosMadá
2009Viver a VidaSoraia
2011Cordel EncantadoLilica
2012Salve JorgeMorena
2014ImpérioTuane
2017Pega PegaSandra Helena
2018Segundo SolMaura
2019Amor de Mãe Érica

Personagens


Galeria de fotos de Nanda Costa


Últimas notícias de Nanda Costa


Últimas notícias