Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

MONSTER HUNTER

Nanda Costa confessa nervosismo em estreia em Hollywood: 'Igual a primeira vez'

Divulgação/Sony Pictures

Nanda Costa em cena do filme Monster Hunter

Nanda Costa em cena de Monster Hunter; atriz participou de painel na CCXP Worlds para falar sobre o filme

ANDRÉ ZULIANI

andre@noticiasdatv.com

Publicado em 4/12/2020 - 21h25

Após ganhar fama nas novelas da Globo, Nanda Costa seguiu os passos de Rodrigo Santoro e começou a buscar seu espaço em produções de Hollywood. Ela atuou em Monster Hunter, filme baseado no game homônimo, dirigido por Paul W.S. Anderson e estrelado por Milla Jovovich --mesma dupla da adaptação para o cinema de Resident Evil. Para a atriz brasileira, a experiência foi como voltar ao início da carreira.

"Sem dúvida foi uma coisa muito potente em minha vida", disse Nanda em participação no painel do longa na CCXP Worlds. "Para uma garota de Paraty que sonhava eu atuar em novelas, é como se fosse o meu primeiro filme de novo. Por ser internacional, pela expectativa".

Para se adaptar ao novo trabalho, a atriz de 34 anos disse que fez uma preparação completa de treinos para acostumar o corpo à rotina de um filme de ação.

"Busquei um treinamento ótimo. Fiz muay thai, treinei lutas. Quando cheguei lá, estava pronta para o que eles quisessem. Estava super a fim", declarou.

Apesar dos treinos, Nanda confessou ter sentido um frio na barriga quando viu o restante do elenco se pendurando em guidastes para filmar uma das cenas. Mesmo com medo, ela disse que recusou o uso de dublê.

"O Paul [diretor] me levou para uma sala de treinamento com vários guindastes, os atores todos pendurados. Ele disse que, se eu estivesse com medo, tinha uma dublê para me substituir. Mas eu não quis perder a oportunidade, quis fazer e me joguei", afirmou ela.

Surpresa e acolhimento

De acordo com Nanda, o que mais lhe surpreendeu ao participar de uma produção como Monster Hunter foi o pouco uso de tela verde (técnica de efeito visual para criar imagens que não estão em cena).

"Eu imaginei que fosse tudo tela verde, mas eles criaram cenários imensos. Tinha fogo, poças gigantes, canhões de areia. Acho que apenas 20% do filme foi em tela verde. Gravei pouquíssimo no estúdio", contou.

A escolha da produção de usar cenários reais e a construção de um set gigante ajudou a performance do elenco na hora de "encarar" os monstros vilões do filme, na opinião da brasileira.

"Os monstros são muito parecidos com os do game. Nos ajuda a usar a imaginação. Você já sabe como ela é. Eu olhava para um lugar, imaginava o monstro, e a gente o projetava", explicou a atriz.

Para ela, a experiência no set com Milla e Paul não poderia ter acontecido de maneira melhor. Isso lhe ajudou a se sentir acolhida em sua primeira experiência em Hollywood: "Eles são uma família, nos receberam muito bem. A Milla é muito generosa, eles são um time. Foi muito gratificante".

Assista abaixo a uma cena de Monster Hunter com Nanda Costa divulgada na CCXP Worlds: 


Leia também

Web Stories

+
Vômito, narrador ridículo e ‘xerecada’: Cinco momentos engraçados das OlimpíadasBárbara, Kelvin e Medina: Atletas brasileiros se envolvem em tretas nas OlimpíadasAna ou Manuela? Saiba quem fica com Rodrigo no final de A Vida da GenteComo Rayssa Leal e Douglas Souza: Cinco atletas das Olimpíadas que você deve seguirTraição de Pyong Lee e treta de Nadja Pessoa: Ilha Record promete estreia acalorada

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

Qual a melhor cobertura dos Jogos Olímpicos de Tóquio?