Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

RESUMÃO

Votação no Power Couple rende briga no intervalo e alfinetadas; confira o que rolou

REPRODUÇÃO/PLAYPLUS

Rod está sentado, usa boné preto e camiseta preta; Márcia está ao lado do marido, usa camiseta branca e jaqueta jeans azul

Rod Bala e Márcia Fellipe durante a formação da D.R. desta quarta-feira (9) no Power Couple

REDAÇÃO

redacao@noticiasdatv.com

Publicado em 10/6/2021 - 2h29

O clima ficou pesado na noite desta quarta-feira (9) no Power Couple Brasil 5. Nina Cachoeira discutiu com Jonathan Costa e Carolina Santos durante o intervalo comercial do programa, enquanto Márcia Fellipe alfinetou seus desafetos do jogo depois de ser acusada por JP Mantovani na edição ao vivo. 

Assim que a formação de mais uma D.R. começou, Fábio Castro e Daniele Hypólito tiveram que escolher um poder para surpreender o restante da casa. O dançarino e a ginasta optaram por selecionar Carolina e Jonathan para receberem voto com peso dois.

Apesar da importância do Casal Power na dinâmica mais esperada da semana, a votação começou a pegar fogo graças aos casais que costumam movimentar a competição com alfinetadas e conflitos.

Matheus Yurley resolveu falar tudo o que estava entalado a respeito de Li Martins e JP. O marido de Mari Matarazzo escolheu votar na ex-Rouge e no modelo com a justificativa de que os dois haviam feito um jogo duplo com outro casal do reality. "Eles comentaram comigo sobre um casal e depois eles estavam trocando ideia com esse mesmo casal", apontou o influenciador. 

Durante sua explicação, Matheus também reclamou do fato de JP ter ido fazer comentários com Deborah Albuquerque no dia que a atriz estava na D.R. contra MC Mirella e Dynho Alves. Naquela ocasião, o marido de Li contou a ex-Ronaldinha que um certo participante havia tirado sarro dela e de seu marido, Bruno Salomão.

Apesar de não ter tido seu nome revelado por JP na ocasião, Yurley desenterrou o assunto para usar como justificativa de voto. "Ele falou disso, falou que ele tinha falado [para a Deborah], ele disse que só falou que alguém estava zoando, mas se ele sabia que era eu [que estava brincando], então, provavelmente, ele deve ter falado [o meu nome para alguém]", explicou. 

Com cara de poucos amigos, Li deu uma resposta mais contida ao comentário feito por Matheus. "Não vou nem discutir. Teve uma coisa que eu ouvi uma vez da Carol e eu vou guardar para o resto da vida: 'Compreender é diferente de concordar'. Eu compreendo a opinião de todo mundo aqui, mas eu não preciso brigar e deixar de falar com alguém por não concordar com certas coisas. Eu não vou nem discutir, eu respeito o voto dele", comentou a cantora.

JP também rebateu a fala de Yurley sobre ter feito fofoca para Deborah. "Foi uma coisa que aconteceu mesmo. Quando as pessoas torcem umas pelas outras, às vezes as pessoas brincam e tem gente torcendo pela pessoa que vai sair [do programa]. Eu acho um pouco indelicado isso, eu prefiro ficar quieto para não chatear ninguém que está torcendo por outra pessoa. Eu tive a hombridade de falar isso para ele, que eu não falei [para a Deborah] que foi ele [que havia feito a brincadeira]", respondeu o modelo.

Mágoa vira voto 

O clima também ficou tenso entre Rod Bala, Márcia e JP. Ao anunciar seu voto na ex-Rouge e no modelo, Rod precisou explicar o porquê de estar votando no casal. "A última vez que a gente voltou da D.R. estava tudo bem, de noite, indo  dormir olhei para ele [JP], e ele [olhou] com a cara fechada, depois disso, pronto, ninguém mais se falou", justificou o produtor musical. 

Adriane Galisteu deu o direito de resposta ao marido de Li. O modelo, então, confirmou que de fato havia ficado chateado com Rod Bala pela atitude que ele e Márcia tiveram ao deixar a Suíte Power bagunçada para a chegada de Deborah Albuquerque e Bruno Salomão.

"A gente não concordou com a atitude do quarto da Deborah e do Bruno. O quarto estava imundo, achei jogo baixo. Quando ele entrou na sala, eu olhei para ele mesmo. Eu não vou ficar discutindo. Se a atitude foi dele, eu não gostei, não concordei", disparou JP.

Irritada com o comentário, Márcia ironizou a situação. "A casa é cheia de câmeras, então, essa imundice, com certeza, está filmada. Eu tenho certeza que a turma lá fora está conferindo toda essa imundice que eles estão colocando no jogo sujo deles", respondeu a cantora de forró.

Briga no intervalo

Antes do intervalo comercial, Nina e Filipe Duarte anunciaram o voto em Carol e Jonjon. A loira relembrou sua briga com a adversária de jogo para justificar a escolha.

"Nós tivemos um problema com um casal aqui, já está resolvido, só que na semana passada nós quase fomos para a D.R. por causa disso. Três casais resolveram votar na gente", disse Nina, sem finalizar a frase, mas referindo-se aos votos de Geórgia Frölich, Bibi Paolillo e Carol, junto de seus respectivos maridos. 

Assim que o programa ao vivo saiu do ar, Carol e Jonjon resolveram tirar satisfação com Nina e Filipe. "Eu não tenho nada a ver com três votos que você tomou", reclamou Jonathan. "Você brigou com a Bibi, e a Bibi votou em vocês, não tem nada ver comigo", completou Carol. 

Em outro trecho da discussão, Nina aumentou o tom de voz e acusou Jonjon de fazer um sinal negativo para ela. "Você tá falando de coisas que eu não tô fazendo. Eu tô olhando para você e você tá querendo botar palavras na minha boca mais uma vez", reclamou o empresário. 

Fechando com chave de ouro 

Para encerrar a votação, Matheus também bateu de frente com Bruno ao vê-lo defender Li e JP. O médico acusou outros participantes de combinarem votos para atingir a ex-Rouge e o modelo no lugar de votarem nele e em Deborah. 

"Tô achando uma covardia imensa o que estão fazendo com a Li e JP, porque eram votos que eram nossos e estão sendo passados para eles. Não sei o porquê dessa estratégia de juntar todo mundo para votar em um [casal] só", avaliou Salomão. 

Matheus balançou a cabeça para demonstrar sua insatisfação com o comentário feito por Bruno. "Ele tá querendo falar como todos aqui. O meu voto é o meu voto, ninguém tá interferindo no meu voto, não. Votei, dei minha justificativa, então ele não tem que ficar falando nada, não. Votei no JP por conta de uma parada que eu vi [Li e JP] falando mal de um casal, a gente estava perto, e depois eles estavam junto com o casal puxando papo e eu não acho 'da hora' isso. Então, não fale por mim", disparou o influenciador. 

Confira alguns momentos da formação de D.R. a seguir:


Saiba tudo sobre reality shows com o podcast O Brasil Tá Vendo

Ouça "#42 - Está valendo a pena assistir De Férias com o Ex?" no Spreaker.


Inscreva-se no canal do Notícias da TV no YouTube para conferir nossos boletins diários sobre BBB21


Últimas de Power Couple Brasil 5

Leia também

Web Stories

+
De Fernanda Montenegro a Sônia Braga: Cinco atrizes que entraram para a históriaDe série com Liniker a nova temporada de Elite: Confira os lançamentos da semanaBastidores de O Diabo Veste Prada tiveram atriz deprimida e look vetado, saiba maisJuliette, Zico e Anitta: Sete celebridades que viraram tatuagens de fãsOportunidade de brilhar: Cinco PCDs que atuaram na TV brasileira

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

O que você achou da saída antecipada de Faustão da Globo?