Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

BELEZA NÃO PÕE MESA

Em Gênesis, Lúcifer joga Jacó nos braços de Raquel: 'Acredita em amor à primeira vista?'

FOTOS: BLAD MENEGHEL/RECORD

A atriz Thaís Melchior está com um vestido vermelho, longo, e um turbante no topo da cabeça que permite aos seus cabelos ficarem soltos como a Raquel em cena de Gênesis

Raquel (Thaís Melchior) em Gênesis; jovem será usada pelo diabo para afrontar os planos de Deus

DANIEL FARAD

vilela@noticiasdatv.com

Publicado em 7/7/2021 - 6h00

Lúcifer (Igor Rickli) vai cruzar o caminho de Jacó (Miguel Coelho) para afastá-lo dos planos de Deus em Gênesis. Cheio de lábia, ele incentivará o jovem a trocar a fé de Lia (Michelle Batista) pelos atributos físicos de Raquel (Thaís Melchior). "Você acredita em amor à primeira vista?", disparará o protagonista ao se deparar com a prima na novela bíblica da Record.

Rebeca (Martha Mellinger) enviará o caçula para uma temporada na casa de Labão (Heitor Martinez) a fim de evitar uma tragédia. Esaú (Cirillo Luna) vai jurar o próprio irmão de morte ao descobrir que ele tomou a bênção de Isaque (Henrique Pagnoncelli) em seu lugar.

O ruivo enviará Akia (Augusto Zacchi) para dar cabo do irmão no meio do deserto, mas Jacó conseguirá escapar do atentado nas cenas que serão exibidas a partir desta sexta (9). Ele ainda vagará durante dias pelas areias escaldantes até dar de cara com Avner --mais um dos disfarces do antagonista interpretado por Igor Rickli.

Jacó aceitará a ajuda do príncipe das trevas para chegar até Harã e passará dias a andar em círculos no folhetim de Camilo Pellegrini, Stephanie Ribeiro e Raphaela Castro.

Apesar das artimanhas, o diabo não conseguirá evitar o encontro entre Lia e o neto de Abraão (Zécarlos Machado). A menina fugirá de casa depois de um casamento desfeito no altar e esbarrará justamente com o primo. "Nunca vi olhos tão meigos. E ao mesmo tempo, tão tristes", dirá o rapaz, encantado pela moça coberta por véus da cabeça aos pés.

Lia (Michelle Batista) em Gênesis

Obra do diabo

Lúcifer rapidamente arranjará uma desculpa para arrastar Jacó para longe de Lia e levá-lo até os campos em que Raquel cuida das ovelhas da família. "A gente já deu várias voltas, Avner. Mas acho que não passamos por aqui ainda. Acho que estamos na direção certa", vibrará o garoto, ao avistar alguns pastores logo à frente.

"Meus irmãos. Por favor, vocês são de Harã. Conhecem Labão, filho de Naor [Jorge Pontual]? Sou sobrinho dele. Vim de Canaã", perguntará o nobre. "É só seguir ao norte. Não tem erro", explicará o servo, antes de ser interrompido bruscamente pela personagem de Thaís Melchior.

"Quem é esse aí?", questionará ela, cheia de curiosidade. "Sou Jacó. Filho de Isaque e Rebeca. Neto de Abraão. Já ouviu falar do meu pai", acrescentará o menino.

Com um discreto gesto, Lúcifer invocará os seus demônios para arrancarem o véu de Raquel bem na frente do protagonista interpretado por Miguel Coelho. "Acredita em amor à primeira vista? Com os meus pais foi assim", emendará o escolhido de Deus, embasbacado com os traços da moça.

Gênesis é uma adaptação livre do primeiro livro da Bíblia. O folhetim é dividido em sete fases e, atualmente, a Record exibe a sexta --Jacó. Além dos spoilers, o Notícias da TV publica o resumo da novela bíblica.


Saiba tudo sobre os próximos capítulos das novelas com o podcast Noveleiros

Ouça "#64 - Luna vai do céu ao inferno em Salve-se Quem Puder!" no Spreaker.


Inscreva-se no canal do Notícias da TV no YouTube e assista a vídeos com revelações do que vai acontecer em Gênesis e outras novelas.


Últimas de Gênesis


Resumos Semanais

Resumo da novela Gênesis: Capítulo de 22 de novembro

Segunda, 22/11 (Capítulo 220) 
Lúcifer é impedido de invadir festa de Israel. Herit anuncia gravidez a Shereder. Judá se redime por ter vendido José. Asenate chora de felicidade ao lado do governador-geral do Egito. Deus surge em discurso final. Abumani surpreende ... Continue lendo

Leia também

Enquete

Pantanal perde audiência: novela está chata?

Mais lidas


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.