Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

REQUINTE DE CRUELDADE

Em Amor de Mãe, Thelma debocha da cara de Lurdes e avisa: 'Você teve que morrer'

REPRODUÇÃO/TV GLOBO

A atriz Adriana Esteves caracterizada como Thelma, ela tem expressão de descontrole e segura uma arma com as duas mãos em cena de Amor de Mãe

Thelma (Adriana Esteves) revela detalhes sobre falsa morte para sua refém em Amor de Mãe

REDAÇÃO

redacao@noticiasdatv.com

Publicado em 29/3/2021 - 22h21

Thelma (Adriana Esteves) vai torturar Lurdes (Regina Casé) com requinte de crueldade na reta final de Amor de Mãe. Depois de trancá-la em uma jaula imunda, a comerciante revelará à babá que seus filhos acreditaram piamente que ela foi vítima de um crime macabro na novela das nove. "Você teve que morrer", disparará a mau-caráter.

A comerciante mostrou que está disposta a tudo para evitar que Danilo (Chay Suede) descubra que é, na verdade, o filho que a nordestina procura há mais de duas décadas no folhetim de Manuela Dias. Ela chegou a queimar um corpo com ácido e a misturar os restos mortais a um chumaço de cabelo da babá para enganar a polícia.

A sogra de Camila (Jéssica Ellen) não pensará duas vezes antes de contar à "amiga" que ela foi até mesmo velada virtualmente pela família nas cenas que serão exibidas a partir desta terça (30).

Fora de si, Thelma explicará à mãe de Érica (Nanda Costa) que precisou dar um basta na aflição de seus herdeiros, já que eles viveriam uma agonia constante caso houvesse indícios de que ela ainda estivesse viva.

"Eles não estão mais te procurando porque o seu corpo foi encontrado num casebre que pegou fogo. Você teve que morrer. Era o único jeito de acabar com o sofrimento de seus filhos", emendará a antagonista de Adriana Esteves.

Lurdes ficará chocada com o grau de desumanidade da rival, que continuará com a sua ladainha. "É isso que você queria? Cadê o amor de mãe? Imagina esses coitadinhos nessa agonia para o resto da vida, que nem você ficou com o Domênico?", espezinhará a vilã.

Ela ainda deixará claro que é melhor a protagonista de Regina Casé se comportar no cativeiro, caso não queria realmente ser derretida por substâncias químicas. "Mas é uma morte temporária. Pensa bem, Lurdes. Você podia ter morrido de verdade", ameaçará a dona da Tasca do Passeio.

Amor de Mãe voltou ao ar somente para mostrar como termina a saga de Lurdes. A fase final tem 23 capítulos ao todo e se despedirá do público em 9 de abril. Depois, a Globo terá outra reprise no horário nobre: Império (2014), trama escrita por Aguinaldo Silva.

A inédita Um Lugar ao Sol, com Cauã Reymond interpretando gêmeos, foi adiada para estrear no segundo semestre deste ano devido ao agravamento da pandemia da Covid-19.


Você pode ouvir mais sobre Amor de Mãe e todas as novelas da Globo pelo link abaixo, no 52º episódio do podcast Noveleiros, do Notícias da TV. Também disponível no Spotify, no Deezer, na Apple Podcasts e no Google Podcasts.

Ouça "#52 - Sandro vira justiceiro na reta final de Amor de Mãe" no Spreaker.


Inscreva-se no canal do Notícias da TV no YouTube e assista a vídeos com revelações do que vai acontecer em Amor de Mãe e outras novelas.


Últimas de Amor de Mãe


Resumos Semanais

Resumo da novela Amor de Mãe: Capítulo de 6 de abril

Terça, 6/4 (Capítulo 122)
Penha chega para resgatar Álvaro. Danilo sonda Thelma sobre o sítio. Raul e Sandro se desesperam ao não conseguir falar com Vitória. Nuno revela a Danilo que Thelma deixou o hospital com outro bebê nos braços ... Continue lendo

Leia também

Enquete

Com quem Irma merece ficar em Pantanal?

Mais lidas


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.