EMILIO DANTAS

De traficante odiado a protagonista apagado: Ator sofre com maldição do mocinho

Reprodução/TV Globo

Beto Falcão (Emílio Dantas) foi manipulado do começo ao fim de Segundo Sol, da Globo - Reprodução/TV Globo

Beto Falcão (Emílio Dantas) foi manipulado do começo ao fim de Segundo Sol, da Globo

REDAÇÃO - Publicado em 30/12/2018, às 06h24

Emilio Dantas vinha brilhando na Globo com os malvados que interpretou até entrar em cena como o cantor de axé Beto Falcão em Segundo Sol. Manipulável, o protagonista começou a história inspirado no ídolo Michael Jackson e terminou sem sequer ter direito a última sequência da novela. A trama foi encerrada com um esquete de Gorete (Thalita Carauta) e Clóvis (Luis Lobianco) em alto-mar.

Beto Falcão faz parte da maldição dos mocinhos. Alguns atores já sofreram com isso como Dantas. Ele não foi o único. O músico é um papel fora da curva que o ator vinha traçando. Dantas foi bem como vilão de Além do Tempo (2015), e roubou a cena com o traficante Rubinho, de A Força do Querer (2017). 

Murilo Benício, Malvino Salvador e Cauã Reymond sabem bem o que é passar por isso. Quando estava para estrear em A Regra do Jogo, em 2015, Reymond até brincou com o "mocinho enxaqueca" que faria. "Vocês precisam ter paciência. Agora levo um grande elefante branco nas costas. Estou sempre com dor de cabeça em todos os capítulos", disse ao Notícias da TV.

Eriberto Leão, por exemplo, deu duro para fazer Pedro, de Insensato Coração (2010), não ficar marcado como o bobão da história. O protagonista cheio de virtudes era cego em relação ao irmão, Leó (Gabriel Braga Nunes), o grande vilão.

Já Márcio Garcia, em Caminhos das Índias (2009), nem conseguiu emplacar como par da mocinha. Bahuan foi rejeitado, deixando o posto de galã da trama para Raj (Rodrigo Lombardi). Lombardi, por sinal, fez um mocinho banana em Salve Jorge (2012), o Théo.

O pior é que o sucessor de Beto Falcão está indo no mesmo caminho. Gabriel (Bruno Gagliasso), de O Sétimo Guardião, é passivo, lento demais. A sua falta de ação já começou a irritar.

Aliás, a novela de João Emanuel Carneiro premiou os protagonistas com personagens fracos. Giovanna Antonelli, mesmo ganhando o troféu Melhores do Ano, do Domingão do Faustão, como melhor atriz de novela em 2018, não conseguiu alçar Luzia a um outro patamar a não ser de burra. Tomara que Luz (Marina Ruy Barbosa) escape disso. A era das mocinhas sofredoras é coisa do passado.

Tudo sobre

Globo

Últimas de Segundo Sol

Resumos semanais

Resumo da novela Segundo Sol: Capítulo de 7 de novembro

A Globo não divulgou os resumos dos últimos cinco capítulos da novela das nove. O Notícias da TV publica com exclusividade o resumo do capítulo desta quarta (7). Quarta, 7/11 (Capítulo 153)
Laureta tenta negar ser a mãe de ... Continue lendo

Outras novelas

Leia também

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site. Também não serão aceitos comentários com links e propaganda de produtos, serviços e dietas.

Enquete

Você está gostando de Amor de Mãe?

Últimas notícias

Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook