Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

FIM DE CONTRATO?

'Não aguento mais essas fake news', diz Dennis Carvalho sobre demissão da Globo

João Cotta/TV Globo

Dennis Carvalho sorri com as mãos no bolso usando camisa preta em frente a uma parede amarela-mostarda

O diretor Dennis Carvalho afirma que renovou seu contrato com a Globo por mais dois anos

REDAÇÃO

redacao@noticiasdatv.com

Publicado em 6/4/2021 - 21h12

Dennis Carvalho, diretor da Globo, se pronunciou sobre a especulação de que não teria seu contrato renovado após o fim do acordo vigente. "É completamente mentira isso. Eu renovei o meu contrato faz um mês, por mais dois anos. Não aguento mais essas fake news", afirmou ele ao Notícias da TV na noite desta terça-feira (6).

A Globo também negou a possibilidade de saída do diretor. "Essa informação não procede. Dennis Carvalho é nosso contratado", informou a emissora por meio de sua assessoria de comunicação.

O primeiro trabalho de Dennis Carvalho na Globo foi atuando em Roque Santeiro (1975). Já como diretor ele estreou dois anos depois, na novela Sem Lenço, Sem Documento (1977). Desde então, tem acumulado dezenas de produções da emissora.

Os trabalhos mais recentes foram em Segundo Sol (2018), Rock Story (2016) e Babilônia (2015), em que além de dirigir também interpretou o personagem Lauro.

Entre alguns de seus trabalhos mais lembrados estão as novelas Dancin' Days (1979), Vale Tudo (1988), O Dono do Mundo (1991) e Celebridade (2004) e as séries Malu Mulher (1979, como ator), Anos Rebeldes (1992), Sai de Baixo (1996-2002) e JK (2006).

Diversos atores, apresentadores e autores deixaram a emissora nos últimos anos, como Aguinaldo Silva, Benedito Ruy Barbosa, Bruno Gagliasso, Bianca Bin, Leandro Hassum e Otaviano Costa.

Em um ano marcado pela paralisação nos estúdios, pelo adiamento de eventos esportivos e pela queda nas receitas publicitárias, a Globo fez ajustes em seus gastos para terminar 2020 "no azul". Com cortes de gastos, demissões, renegociação de contratos, rescisão de acordos de grandes eventos de futebol e crescimento do Globoplay, a GCP (Globo Comunicação e Participações) teve um lucro de R$ 167,8 milhões no ano passado.

De acordo com o balanço financeiro oficial divulgado em 26 de março, apesar da queda de 11% na receita líquida, de R$ 14,1 bilhões em 2019 para R$ 12,5 bilhões em 2020, a empresa escapou do prejuízo.


Inscreva-se no canal do Notícias da TV no YouTube e confira o nosso boletim diário com os principais destaques do dia


Leia também


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

Você gostou do final de Amor de Mãe?