Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

CRIME VIRTUAL

Datena é vítima de golpista no WhatsApp e ameaça abandonar aplicativo: 'Não presta'

REPRODUÇÃO/BAND

José Luiz Datena no Brasil Urgente, da Band, em 28 de janeiro de 2021

José Luiz Datena no Brasil Urgente, da Band, nesta quinta-feira (28); nome do apresentador usado em golpe

REDAÇÃO

redacao@noticiasdatv.com

Publicado em 28/1/2021 - 20h31

José Luiz Datena se tornou vítima de estelionatários que estão usando seu nome em um golpe no WhatsApp. O apresentador denunciou o caso em uma reportagem no Brasil Urgente, da Band, nesta quinta-feira (28). Por se sentir lesado, ele ameaçou abandonar o aplicativo de mensagens. "Não presta para quase nada", disparou.

O comunicador de 63 anos virou protagonista de uma reportagem de seu próprio noticiário por causa de criminosos virtuais, que estão usando seu nome para aplicar golpes. Uma pessoa ainda não identificada criou um usuário falso no aplicativo com a foto de Datena. 

O golpista age como se fosse o apresentador e usa a conta para pedir contatos telefônicos de empresários e políticos a pessoas próximas de Datena. Um ex-ministro e uma secretária estadual foram contactados pelo meliante, que tenta usar o prestígio do funcionário da Band como vantagem.

"Queria saber porque esses caras estão perguntando o telefone de políticos e artistas. Algum objetivo têm. Fizeram isso comigo, mas estão fazendo com milhares de pessoas", observou o jornalista.

Duas pessoas procuradas pelo farsante duvidaram da abordagem e entraram em contato com Datena. Assim, o golpe foi descoberto e encaminhado para Osvaldo Nico Gonçalves, diretor do Dope (Departamento de Operações Policiais Estratégicas), da Polícia Civil. "Eles estão rastreando quem é o picareta", comentou o comunicador.

De acordo com a reportagem de Marcelo Moreira, do Brasil Urgente, as autoridades alertam que criminosos virtuais podem ir além de pedir contatos telefônicos. O próximo passo pode ser pedir dinheiro às vítimas ou tentar extorqui-las. Assim que o responsável for identificado, ele pode responder por crime virtual e dano à imagem do apresentador.

Datena: golpista usa foto do apresenador para obter telefones de políticos e artistas

Datena, que se viu como vítima no Brasil Urgente, admitiu que não queria ter sido o protagonista da história. "Pedi para não citarem meu nome na matéria, mas botaram umas dez vezes", disse ao vivo.

"Estão usando o meu nome e o de muita gente. Desconfie quando você recebe uma mensagem mesmo que você conheça, se tiver algo estranho na mensagem. O cara pode hackear seu telefone, pegar informações de outras pessoas que serão incomodadas por esse hacker. Sabe-se lá com qual objetivo", ressaltou.

O jornalista se mostrou temeroso diante das técnicas usadas pelos bandidos. "Precisa saber se o cara é um brincalhão, criminoso ou alguém do crime organizado. Verdadeiras quadrilhas virtuais estão agindo por aí. O meu nome foi detalhe. Não paro de receber ligações: 'Datena, esse telefone é seu mesmo?' ou 'recebi uma mensagem esquisita pedindo informação de outras pessoas' e 'você tem o telefone do ministro tal?'", denunciou.

Diante do caso de polícia em que se viu envolvido, Datena ameaçou abandonar o serviço de mensagens. "Para dizer a verdade, estou quase cortando esse barato de WhatsApp. Estou quase cortando essa porcaria, quase tirando esse aplicativo do meu telefone. Primeiro que não chega uma notícia boa nesse aplicativo. Depois, que não presta para quase nada", finalizou.

Confira a íntegra do Brasil Urgente desta quinta-feira: 


Leia também

Web Stories

+
A Fazenda 13: Sem barracos, Liziane frustra público e é eliminada; veja trajetóriaComo Lázaro Ramos e Taís Araujo: 7 casais formados nos bastidores da GloboSex Education vai ter 4ª temporada? Veja cinco curiosidades sobre a sérieA Fazenda 13: Surto na baia e barraco com ofensas marcam primeira semana do realityQuem é Alanis Guillen? Conheça a Juma Marruá do remake de Pantanal

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

Além de Pantanal, qual novela antiga merecia um remake?