Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

APÓS UM ANO E MEIO

Carla Vilhena se demite da CNN Brasil e rejeita ida para RedeTV!: 'Nunca'

REPRODUÇÃO/CNN BRASIL

A apresentadora e jornalista Carla Vilhena no Visão CNN, da CNN Brasil,

Carla Vilhena no Visão CNN, da CNN Brasil, em 8 de março; apresentadora deixou o canal

REDAÇÃO

redacao@noticiasdatv.com

Publicado em 14/3/2022 - 15h15
Atualizado em 14/3/2022 - 16h38

Carla Vilhena se demitiu da CNN Brasil nesta segunda-feira (14). A jornalista anunciou sua saída do canal de notícias nas redes sociais e rejeitou a ideia de ir para RedeTV!. "Nem agora, nem nunca", escreveu a agora ex-âncora do Visão CNN. Antiga apresentadora da Globo, a comunicadora estava na CNN brasileira desde outubro de 2020.

O Notícias da TV procurou a CNN Brasil, e a concorrente da GloboNews na TV paga confirmou a decisão da funcionária:

A CNN Brasil comunica que a jornalista Carla Vilhena, apresentadora do telejornal Visão, desligou-se da empresa nesta segunda-feira (14/3). A CNN agradece à profissional pelo empenho e talento dedicados ao canal e deseja todo sucesso em seus próximos desafios profissionais.

Demitida da Globo em janeiro de 2018, Carla Vilhena foi contratada pela CNN Brasil dois anos e nove meses depois. Com isso, o canal havia reforçado seu elenco de ex-jornalistas da emissora da família Marinho. A princípio, Carla atuaria no mesmo projeto multiplataforma que Márcio Gomes e Gloria Vanique (ambos ex-Globo).

Carla Vilhena apresentava o Visão CNN e sua última edição na bancada foi em 8 de março, terça-feira da semana passada.

Em agosto de 2021, a âncora foi criticada nas redes sociais por cobrar o uso de máscaras dos afegãos que viralizaram em um vídeo em que aparecem correndo atrás de aviões para fugir de Cabul, capital do Afeganistão, após o retorno do Talibã. O nome da jornalista foi parar nos assuntos mais comentados do Twitter na ocasião. 

Confira a publicação de Carla Vilhena: 


Leia também

Enquete

Pantanal perde audiência: novela está chata?

Mais lidas


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.