Jussie Smollett

Na cara de pau, ator de Empire envolvido em escândalo se candidata ao Emmy

Divulgação/Fox

Jussie Smollett na quinta temporada de Empire; ator de 36 anos decidiu arriscar e se inscrever ao Emmy - Divulgação/Fox

Jussie Smollett na quinta temporada de Empire; ator de 36 anos decidiu arriscar e se inscrever ao Emmy

JOÃO DA PAZ - Publicado em 12/06/2019, às 05h24

Protagonista de um dos maiores escândalos da década em Hollywood, do qual saiu com a imagem arranhada, Jussie Smollett teve a cara de pau de se inscrever no Emmy de 2019. Aos 36 anos, ele visa uma indicação inédita como ator coadjuvante de série dramática, em uma disputa que inclui nomes do nível de Peter Dinklage (Game of Thrones), Jonathan Banks (Better Call Saul) e Bobby Cannavale (Homecoming), entre outros.

Além de encabeçar um escândalo que começou muito sério e acabou virando piada (de mau gosto), Smollett foi chutado de Empire, retirado abruptamente dos episódios finais da quinta temporada e excluído de toda a sexta e última temporada.

No drama musical, o ator interpretou Jamal, um talentoso cantor de black music que chocou o mundo do entretenimento ao assumir sua homossexualidade publicamente. Smollett também é gay na vida real.

Em janeiro deste ano, Smollett alegou ter sido atacado por dois homens em Chicago, no que definiu como um crime de ódio e homofobia. Após uma longa investigação, a polícia local concluiu que ele mesmo tinha armado tudo. Em março, Smollett teve o caso contra ele arquivado com o fim das 16 acusações.

Outros caras de pau

Jussie Smollett teve o trabalho de preencher vários requisitos técnicos e ainda desembolsar US$ 225 (R$ 866) para se inscrever entre os candidatos a uma indicação ao Emmy. Mesmo sabendo que tem zero chances de disputar a estatueta em sua categoria. Porém, ele é apenas um entre dezenas de atores caras de pau, sem perspectiva nenhuma de indicação, que também tentam a sorte no Oscar da TV.

Atores de séries fracassadas, canceladas na primeira temporada, têm sem dúvida uma excelente autoestima ao se inscreverem para o Oscar da TV. É o caso de Michael Cudlitz (o Abraham de Walking Dead), protagonista de The Kids Are Alright (2018-2019), e Sean Penn, vencedor de dois Oscars, que busca ser lembrado pela flopada The First (2018).

Natalie Morales tem mais chances de concorrer como atriz convidada em série de comédia, como a maluca Anne de Santa Clarita Diet (2017-2019), do que como a protagonista de Abby's (2019), primeira sitcom de multicâmera da história da TV americana filmada em estúdio ao ar livre.

A atriz Michaela McManus, da derrubada The Village (2019), deseja entrar na categoria mais acirrada do Emmy: a de melhor atriz de drama. Como um exemplo de rara sensatez, a excelente Melissa Benoist, estrela de Supergirl, não se inscreveu para o Oscar da TV nessa mesma categoria.

Contudo, se a protagonista da série da prima do Superman foi prudente, seu colega de cena, Mehcad Brooks, está na lista dos candidatos a ator coadjuvante de drama.

Em tempo: um ator de Supergirl que até tem alguma chance (remota) de beliscar uma vaga é Jon Cryer. O destino pode colocá-lo na briga pela estatueta de ator convidado de série dramática. Ele foi excelente na quarta temporada da série como Lex Luthor, um dos vilões mais clássicos das histórias de heróis. Seria uma rara indicação para a nanica rede The CW, que exibe a série nos Estados Unidos.

Leia também

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site. Também não serão aceitos comentários com links e propaganda de produtos, serviços e dietas.

Enquete

Com quem Maria da Paz deve ficar em A Dona do Pedaço?

Últimas notícias

Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook