Transição difícil

Virou zumbi? Ex-atores de Walking Dead fracassam em novos trabalhos

Montagem/Divulgação/ABC

Michael Cudlitz em The Kids Are Alright e Lauren Cohan em Whiskey Cavalier, séries canceladas pela ABC - Montagem/Divulgação/ABC

Michael Cudlitz em The Kids Are Alright e Lauren Cohan em Whiskey Cavalier, séries canceladas pela ABC

JOÃO DA PAZ - Publicado em 14/05/2019, às 05h23

Os últimos dias foram tenebrosos para ex-astros de Walking Dead. Lauren Cohan (a Maggie) e Michael Cudlitz (o Abraham) tiveram suas séries Whiskey Cavalier e The Kids Are Alright canceladas depois de uma única temporada. Eles engrossam a lista de atores que deixaram o drama zumbi e ainda não se encontraram em novos trabalhos.

O caso de Lauren é menos grave, pois existe a possibilidade de ela retornar à atração que a consagrou; afinal, Maggie continua bem viva em TWD. Mas parece pouco provável que ela reapareça com destaque em muitos episódios. Assim, é bom a atriz procurar uma nova empreitada ou torcer para alguma outra plataforma, seja TV aberta, canal pago ou streaming, ressuscitar Whiskey Cavalier (Warner).

Sem seu impecável cavanhaque ruivo, Cudlitz apostou em uma comédia ao aceitar ser o protagonista de The Kids Are Alright. Ele viveu Mike Cleary, o patriarca de uma família irlandesa e católica. Ao lado da mulher, Mike cuidava de oito filhos em meados da década de 1970, em Los Angeles.

Emily Kinney, a Beth, também está no time daqueles que não se acharam no vasto mundo das séries americanas. Desde sua saída do drama zumbi, em 2015, ela esteve no elenco fixo de duas séries que foram canceladas na temporada de estreia: Conviction (2016-2017) e Ten Days in the Valley (2017-2018). Nos últimos quatro anos, suas atuações mais interessantes foram como atriz convidada, seja em Flash ou em Masters of Sex (2013-2016).

Integrante do elenco coadjuvante de Proven Innocent, outra série cancelada nos últimos dias e que não passou da primeira temporada, Laurie Holden, a Andrea, tem esse ponto negativo pós-The Walking Dead em seu currículo. Para balancear o fiasco, ela mandou muito bem no drama The Americans (2013-2018), como a mulher de Stan Beeman (Noah Emmerich), um agente do FBI.

Mais vítima do sistema do que qualquer outra coisa, Jon Bernthal (o policial Shane da primeira temporada) perdeu seu papel do anti-herói Justiceiro (2017-2019), na série homônima da Netflix, após o corte total das séries da Marvel que eram atrações da gigante do streaming. Ele tinha um bom papel em mãos, e foi tão convincente em suas aparições em Demolidor (2015-2018) que acabou ganhando uma aventura própria.

Vale ressaltar ainda as duas participações hilárias que Bernthal fez na temporada final de Unbreakable Kimmy Schmidt (2015-2019), também na Netflix. Ele se despiu da cara amarrada para dar vida ao doce Ilan, que flertou com Titus (Tituss Burgess) --mas cheio de segundas intenções, nada românticas.

divulgação/CBS

A atriz Sonequa Martin-Green reina plenamente como protagonista de Star Trek: Discovery


Quem se deu bem

Entre aqueles atores que conquistaram o carinho dos fãs de The Walking Dead, Sonequa Martin-Green, a Sasha, foi a que se saiu melhor depois de largar o drama zumbi. A atriz dá show em Star Trek: Discovery (Netflix), série para a qual ela foi escalada assim que seu fim foi decretado em Walking Dead. A atração de ficção científica é sucesso e já está renovada para a terceira temporada.

O simpático Steven Yeun, que deu vida ao Glenn, emplacou diversos trabalhos como dublador de animações, como a recém-lançada Tuca & Bertie, na Netflix. Como ator em cena, ele fez um episódio do revival de Além da Imaginação, que se inspira no clássico homônimo exibido nos anos 1960.

Intérprete do vilão Governador, David Morrissey fez The Missing, a primeira temporada de Britannia e estará em Good Omens, nova série do Prime Video, o streaming da Amazon. Chad L. Coleman, o Tyrese, também achou um bom papel na interessante All American, como pai do protagonista da trama. E Lawrence Gilliard Jr., o Bob, vive um policial em The Deuce (HBO), que vai chegar ao fim após a terceira temporada.

Leia também

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site. Também não serão aceitos comentários com links e propaganda de produtos, serviços e dietas.

Enquete

Qual sua novela preferida atualmente?

Últimas notícias

Notícias da TV
Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook