ALFRED PENNYWORTH

Excesso de séries de heróis faz mesmo personagem ter três atores diferentes

Fotos: Divulgação

Jack Bannon vai viver Alfred em nova série, enquanto Sean Pertwee faz o mordomo em Gotham - Fotos: Divulgação

Jack Bannon vai viver Alfred em nova série, enquanto Sean Pertwee faz o mordomo em Gotham

LUCIANO GUARALDO - Publicado em 20/10/2018, às 05h22

A invasão de heróis na TV americana chegou a tal ponto que as histórias em quadrinhos, material de inspiração para as séries, se esgotaram. Assim, um mesmo personagem pode dar as caras em mais de uma produção. O caso extremo é Alfred Pennyworth, mordomo do Batman, que vai aparecer em três atrações interpretado por três atores diferentes.

Atualmente, o inglês Sean Pertwee dá vida ao mordomo de Bruce Wayne na série Gotham, exibida no Brasil pela Warner e nas madrugadas da Globo. O drama mostra a vida do jovem Bruce (David Mazouz) e da sua trajetória até virar o Batman, e também acompanha os futuros vilões que enfrentarão o Homem-Morcego

Gotham chegará ao fim na quinta temporada, prevista para o início de 2019. Mas Alfred não sumirá da televisão. Ele será o protagonista de Pennyworth, drama do canal Epix que começa a ser gravado na próxima segunda (22), na Inglaterra. A nova série mostrará a juventude de Alfred, ex-integrante do Serviço Aéreo Especial britânico que é contratado para trabalhar com o pai de Bruce, Thomas Wayne.

O papel principal de Pennyworth ganhou um intérprete nesta semana. Jack Bannon, do filme O Jogo da Imitação (2014), viverá o mordomo na nova produção, que chega à TV apenas no ano que vem. O responsável pelo desenvolvimento de Pennyworth, o produtor Bruno Heller, também é o homem por trás de Gotham.

Alfred ainda apareceu (ou melhor, falou) em uma terceira produção. A série Titans, que mostra um Robin (Brenton Thwaites) violento e boca-suja, apresentou sua versão do famoso mordomo no segundo episódio, lançado na sexta-feira (19) no DC Universe. Precisando de ajuda, o ex-menino prodígio sacou seu celular e ligou para Alfred, que apoiou o jovem herói, a contragosto de seu patrão.

Pennyworth também já foi um personagem fixo na fracassada série Birds of Prey (2002-2003), interpretado por Ian Abercrombie (1934-2012), e esteve na clássica série cômica do Batman (1966-1968), vivido por Alan Napier (1903-1988). Como se não bastasse, no Universo Cinematográfico da DC, o premiado Jeremy Irons já apareceu em dois filmes diferentes na pele do mordomo.

divulgação/the cw

Heróis reunidos para o crossover de 2017 de Flash, Arrow, Supergirl e Legends of Tomorrow

Mercado saturado?
A repetição de personagens aponta para uma saturação do mercado de super-heróis. Afinal, atualmente há nada menos do que 16 séries baseadas nos poderosos dos quadrinhos da Marvel e da DC Comics (isso sem contar produções como iZombie ou Lucifer, que nasceram nas HQs mas não se enquadram no gênero).

Ainda estão em desenvolvimento outras 15 novas atrações, como Patrulha do Destino (derivada de Titans), a própria Pennyworth e uma sobre a Batwoman, que aparecerá no crossover anual de Arrow, Flash e Supergirl para depois ganhar uma série própria (vivida pela australiana Ruby Rose, ex-Orange Is the New Black).

Apesar da oferta em excesso, o público consome as atrações com voracidade. Afinal, mesmo com tantas produções, apenas sete delas foram canceladas nos últimos três anos: o maior vexame foi Inumanos, que durou apenas oito episódios. Na sexta (19), a Netflix anunciou o fim de Luke Cage, segunda série que do gênero que ela encerra em uma semana.

Leia também

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site. Também não serão aceitos comentários com links e propaganda de produtos, serviços e dietas.

Enquete

Qual novela a Globo deve reprisar depois de Novo Mundo?

Últimas notícias

Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook