NA ATIVA

De fiscal do mar a madrasta: Por onde andam cinco atores da franquia Chicago

Divulgação/NBC

Com unifome de paramédica, Monica Raymund consola Lauren German, com avental de paciente, na série Chicago Fire

Monica Raymund e Lauren German na primeira temporada de Chicago Fire; ambas seguiram caminhos diferentes

JOÃO DA PAZ - Publicado em 29/05/2020, às 05h11

Monica Raymund, conhecida pelo papel de Gabriela Dawson em Chicago Fire, vive uma personagem interessante em seu retorno para a TV. No drama policial Hightown (Starzplay), ela é uma fiscal do mar. Já Sophia Bush, ex-Chicago P.D., tem em mãos um papel mais tradicional: é uma madrasta em Love, Victor, atração da Hulu rejeitada pelo Disney+.

Essas são duas das atrizes que passaram pela franquia Chicago, ambas nas suas respectivas atrações desde o primeiro episódio. Há outros rostos familiares dos fãs espalhados em séries como Lucifer (Lauren Graham) e You (Charlie Barnett).

Por sua vez, o ídolo Jon Seda está para voltar à ativa um ano após deixar P.D., como protagonista de uma produção da rede NBC, a mesma que exibe a franquia Chicago nos Estados Unidos.

No Brasil, as três séries (Fire, P.D. e Med) podem ser vistas no canal Universal TV. No streaming, Fire está no Globoplay e no Prime Vídeo. Já Med faz parte do catálogo da plataforma da Globo, e P.D. só aparece no serviço da Amazon. O trio de dramas ainda é atração da Record na TV aberta.

Confira por onde andam cinco atores marcantes da franquia Chicago:

divulgação/NBC/Starz

Monica Raymund largou Chicago Fire para viver uma mulher problemática no drama Hightown


Monica Raymund

Vinte meses após deixar Chicago Fire, a atriz Monica Raymund voltou à TV como protagonista do drama policial Hightown, que entra com episódios inéditos todo domingo no streaming Starzplay. Integrante do elenco original, ela foi a paramédica e bombeira Gabriela Dawson durante seis temporadas --e depois disso fez uma participação especial na série popular.

Agora, ela é uma fiscal do mar em Hightown, a problemática agente Jackie Quiñones. Ela vive na farra, usando drogas e saindo com todo tipo de mulher, enquanto trabalha de dia policiando a baía de Cape Cod (Estado de Massachusetts), de olho em pescas ilegais de lagostas. Certa vez, após varar a noite na diversão, ela encontra uma jovem morta na beira do mar e acha um novo propósito para a sua vida: resolver esse caso, mesmo que esteja fora de sua alçada.

Divulgação/NBC/Fox

Depois de ser uma paramédica em Chicago Fire, Lauren German virou detetive em Lucifer


Lauren German

Leal parceira de Monica Raymund em Chicago Fire, Lauren German foi a paramédica Leslie Shay em duas temporadas (mais três aparições especiais) no drama. Assim como Monica, Lauren fez parte do primeiro elenco da atração; as duas eram inseparáveis, seja em cena ou nos bastidores. A diferença é que a personagem da loira morreu em Fire.

Lauren saiu em 2014 para emplacar outro sucesso no ano seguinte. Ela deixou os primeiros socorros de lado para ser a detetive Chloe Decker na série Lucifer, disponível na Netflix. A série sobre o entediado diabo (vivido por Tom Ellis), que se cansa do inferno e resolve dar uma volta na Terra, está em sua quinta temporada --as gravações foram interrompidas devido à pandemia da Covid-19.

divulgação/Reprodução/nbc/Netflix

Bombeiro novato em Chicago Fire, Charlie Barnett passou por nove séries, entre elas You


Charlie Barnett

Série com um bando de machos bombeiros brincalhões, Chicago Fire precisava de um novato para ser o alvo da zoeira. E Charlie Barnett assumiu esse papel logo no primeiro episódio (ficou até a terceira temporada --saiu da trama vivo). Como Peter Mills, ele foi encorajado pelos veteranos a dar uma cantada em Leslie (Lauren), acreditando que ela estava o paquerando. Ele caiu na pegadinha dos caras: a loira era lésbica e deu um fora no bombeiro.

Em um período de cinco anos, Barnett passou por nove séries, incluindo até uma aparição em Orange Is the New Black (2013-2019). Na Netflix, ele também apareceu em outras três atrações: Boneca Russa, Crônicas de San Francisco e You. O trabalho mais recente dele foi em Arrow (2012-2020).

divulgação/NBC/Hulu

Cansada de Chicago P.D., Sophia Bush deu adeus ao drama e entrou na série teen Love, Victor


Sophia Bush

Uma das despedidas mais sentidas pelos fãs da franquia Chicago foi a de Sophia Bush, estrela de P.D. que atuou na série policial da primeira até a quarta temporada. Ela pediu as contas e confessou em entrevistas que estava insatisfeita com o ambiente de trabalho, sentia-se isolada e esgotada (cansaço físico e psicológico). Sua última aparição como a detetive Erin Lindsay foi em 2017.

Depois disso, Sophia não se comprometeu com nenhum trabalho a longo prazo, topando apenas pequenos papéis, de dublagens até passagens breves, como fez em This Is Us. Dois anos após deixar P.D., a atriz aceitou fazer a série Love, Victor, adaptação do filme Com Amor, Simon (2018). Ele será uma madrasta, líder de uma organização não-governamental em prol dos direitos das mulheres. Love, Victor seria do streaming Disney+, mas estreia dia 19 nos EUA na plataforma Hulu.

divulgação/NBC

Jon Seda em cena do seu último episódio em Chicago P.D.; ator fará uma nova série na NBC


Jon Seda

Outro adeus dolorido da franquia foi o de Jon Seda, o detetive Antonio Dawson em 115 episódios de Chicago P.D. (seis temporadas). O público o acompanhou desde Chicago Fire e durante a breve duração de Chicago Justice (drama sobre advogados cancelado). A saída dele se enquadra no clichê "limitações criativas". A verdade é que não havia mais espaço para Dawson crescer sem mexer com a jornada do seu superior, o chefão sargento Hank Voight (Jason Beghe).

Seda pegou um ano de férias e está pronto para voltar a trabalhar. Em março, ele foi escalado para o piloto da série La Brea, da NBC (casa da franquia Chicago nos EUA). O ator viverá um ex-militar chamado Benjamine Glass, na trama misteriosa sobre um misterioso buraco gigante que se abre em Los Angeles e divide famílias. La Brea está na lista de séries afetadas pelo novo coronavírus e ainda não foi gravada.

Leia também

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site. Também não serão aceitos comentários com links e propaganda de produtos, serviços e dietas.

Enquete

Qual novela a Globo deve reprisar depois de Novo Mundo?

Últimas notícias

Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook