AGUINALDO SILVA

Frustrado, autor escreve fim de O Sétimo Guardião e questiona se valeu a pena

Fabiano Battaglin/TV Globo

Aguinaldo Silva, autor de O Sétimo Guardião: novela teve problemas antes mesmo de estrear na Globo - Fabiano Battaglin/TV Globo

Aguinaldo Silva, autor de O Sétimo Guardião: novela teve problemas antes mesmo de estrear na Globo

REDAÇÃO - Publicado em 04/05/2019, às 09h07

O autor Aguinaldo Silva escreveu na madrugada deste sábado os momentos finais de O Sétimo Guardião. Mas os problemas da novela das nove da Globo deixaram o novelista por trás de sucessos como Tieta (1989) e Senhora do Destino (2004) frustrado com o atual trabalho. Em seu perfil no Twitter, ele questionou se tanto esforço valeu a pena.

"Muitas vezes na vida escrevi a palavra 'Fim'... E ela, para mim, sempre significou 'recomeço'. Hoje, mais uma vez a escrevi: 'Fim'! E agora me pergunto, como naquela canção de Ivan Lins: vai valer a pena ter sobrevivido?", publicou ele na rede social, fazendo referência à música Começar de Novo.

Acostumado a receber elogios por suas novelas na Globo, Silva viveu o outro lado da moeda com O Sétimo Guardião. A trama sobre os protetores de uma fonte mágica tem sido muito criticada, por apresentar uma história que não faz o menor sentido --mesmo para os padrões do realismo fantástico.

A audiência também deixa a desejar: até o momento, a novela tem média de 28,6 pontos na Grande São Paulo, um índice muito baixo para uma faixa do principal horário da Globo. Em 31 de dezembro, conseguiu registrar o pior ibope de uma novela das nove da história da emissora: apenas 15,2 pontos.

Sua antecessora, Segundo Sol (2018), marcou 33,4 --e já não tinha sido um sucesso estrondoso. O Outro Lado do Paraíso (2017), de Walcyr Carrasco --rival de Aguinaldo Silva na Globo-- teve um desempenho quase dez pontos acima da atual: saiu do ar com média de 38,2, e se aproximou dos 50 pontos na reta final, enquanto Guardião patina na casa dos 30 a duas semanas do seu desfecho.

Até o elenco da novela parece descontente por estar envolvido com o projeto. Atores pediram para sair do projeto no meio, e ficaram esperançosos de que seus personagens morreriam nas mãos do serial killer de Serro Azul.

Bruno Gagliasso, o mocinho, chegou a curtir publicações no Twitter que falavam mal da trama. Depois, o ator enfrentou um problema de saúde e se ausentou das gravações, o que forçou o autor a reescrever vários capítulos da história.

O público se mostrou muito mais interessado nos bastidores da novela do que nela mesma. Afinal, enquanto o triângulo amoroso entre Gabriel (Gagliasso), Luz (Marina Ruy Barbosa) e Júnior (José Loreto) não empolgou ninguém, por trás das câmeras o casamento de Loreto ficou abalado por um suposto interesse do ator na ruiva.

Lilia Cabral, intérprete da vilã Valentina, também teria se desentendido com a mocinha de O Sétimo Guardião durante uma gravação noturna, e deu um sermão na jovem atriz por ter atrasado os trabalhos de toda a equipe. Marina negou o conflito.

Mas os problemas da novela começaram antes mesmo de ela estrear. Aluno da master class que Aguinaldo Silva deu para treinar novos autores, o escritor mineiro Silvio Cerceau foi à Justiça para ser reconhecido como um dos criadores da sinopse de O Sétimo Guardião --a trama quase foi abortada e substituída por outro projeto.

Para Silva, fica o consolo de que seu martírio está perto de chegar ao fim: a novela exibe seu último capítulo no dia 17, cedendo a faixa mais nobre da Globo para A Dona do Pedaço, de Walcyr Carrasco. Mas terá valido a pena?

Últimas de O Sétimo Guardião

Resumos semanais

Resumo da novela O Sétimo Guardião: Capítulos de 16 a 18/5

Sexta, 17/5 (Capítulo 161) A Globo não divulgará o resumo do último capítulo de O Sétimo Guardião. Sábado, 18/5
Reexibição do último capítulo de O Sétimo Guardião.


Os capítulos de O Sétimo Guardião são fornecidos pela Globo e ... Continue lendo

Outras novelas

Leia também

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site. Também não serão aceitos comentários com links e propaganda de produtos, serviços e dietas.

Enquete

Você gostou da escolha de Maju Coutinho para o Jornal Hoje?

Últimas notícias

Notícias da TV
Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook