Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

VÍCIO EM SEXO

Douglas Silva volta às novelas para assediar nora e tratar tara sexual

REPRODUÇÃO/INSTAGRAM

Douglas Silva está sentado, com aos mãos nas pernas e posando ao lado de uma mesa

Douglas Silva será um sambista viciado em sexo de Todas as Flores, de João Emanuel Carneiro

CARLA BITTENCOURT, colunista

carla@noticiasdatv.com

Publicado em 7/6/2022 - 6h45

Terceiro colocado no BBB 22, Douglas Silva está de volta à Globo. O ator foi escalado para viver um personagem bem diferente do bandidão Marconi de Amor de Mãe (2019) em seu próximo trabalho em novelas. Ele será um sambista viciado em sexo em Todas as Flores. A trama foi escrita por João Emanuel Carneiro para o horário das nove, mas acabou rebaixada e estreará no Globoplay.

Como o núcleo cômico da história perdeu espaço na novela em comparação com a ideia original do autor, a trama abordará a compulsão de forma séria. Na novela, Oberdan não conseguirá resistir a um rabo de saia, o que acaba criando muitas tensões com a mulher, Jussara (Mary Sheila), que descobrirá as traições do marido e o botará para fora de casa.

Oberdan vai se tratar e descobrir que seu vício em sexo é uma doença que pode ser tratada. Um fato novo, no entanto, vai acabar atrapalhando a mudança do pagodeiro. Seu filho, Celinho (Guthierry Soero), quer se casar virgem e arruma uma namorada no melhor estilo gostosona.

Sabendo da situação do filho e da possível futura nora, Oberdan precisará resistir à tentação de cruzar o tempo todo com Brenda (Heloisa Honei), que circulará seminua pela casa na tentativa de seduzir o namorado. A presença de Brenda vai abalar o tratamento do sogro e sua relação com a mulher.

A novela --que antes chamaria Olho por Olho-- está prevista para entrar na plataforma no fim do ano e terá blocos semanais de capítulos lançados para os assinantes.

Mais sobre Todas as Flores

Antes de estrear, a novela tem sido assunto recorrente por causa das mudanças que sofreu desde que foi aprovada, em janeiro de 2020. Conforme informado pelo Notícias da TV, João Emanuel Carneiro está desanimado com o rumo da produção, prevista para ir ao ar em horário nobre mas substituída por Travessia, de Gloria Perez.

De acordo com fontes ligadas à novela, Carneiro já disse que sente que sua novela foi rebaixada dentro da Globo por ter perdido espaço na TV aberta para virar produto do Globoplay.

O elenco também precisou ser alterado devido aos inúmeros adiamentos, o que deixou o autor com a sensação de não estar sendo prestigiado pela emissora e pelos artistas. O nome Olho por Olho --escolhido por ele-- também foi vetado.

Para piorar, sua história será fatiada para manter o número de assinantes do Globoplay em alta após o BBB em 2023. Todas as Flores terá sua primeira parte exibida no último trimestre de 2022, entre outubro e dezembro. Serão disponibilizados 45 capítulos em blocos semanais. A segunda leva entrará na plataforma entre abril e junho do ano que vem. A produção começará a ser rodada em julho. Ao todo, serão 85 capítulos.

Nicolas Prattes protagonizará o folhetim e será um garçom em busca de vingança. O rapaz aceitará assumir a autoria de um crime em troca de uma boa quantia de dinheiro, mas acabará sendo enganado. 

A novela também terá Sophie Charlotte, Leticia Colin e Regina Casé no elenco. Sophie interpretará uma jovem cega e será maltratada pela irmã (Leticia) e a mãe (Regina). 


Saiba tudo sobre os próximos capítulos das novelas com o podcast Noveleiros:

Ouça "#104 - Jove e Juma se separam em Pantanal!" no Spreaker.


Inscreva-se no canal do Notícias da TV no YouTube e assista a vídeos com revelações de Pantanal e outras novelas:


Últimas de Todas as Flores

Leia também

Enquete

Qual o personagem mais chato de Pantanal?

Mais lidas


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.