Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

vício em jogo

A Dona do Pedaço: Régis ganha segunda chance, mas tem recaída e fica na pior

Reprodução/TV Globo

Régis (Reynaldo Gianecchini) aposta em cassino em A Dona do Pedaço

Régis (Reynaldo Gianecchini) voltará a perder todo o dinheiro no cassino em cena de A Dona do Pedaço

REDAÇÃO

Publicado em 7/11/2019 - 8h04

Depois de pagar o agiota com quem fez dívida de jogo, Régis (Reynaldo Gianecchini) cairá em tentação de novo e perderá tudo em A Dona do Pedaço. Maria da Paz (Juliana Paes) acreditará na redenção do ex-marido e o ajudará a reabrir a importadora de vinhos, mas ele não conseguirá se manter longe do vício em apostas.

A mocinha descobriu que o filho de Gladys (Nathalia Timberg) deu dinheiro escondido para ela abrir sua confeitaria e prometeu devolver o empréstimo e ajudar o personagem de Reynaldo Gianecchini com o prêmio que recebeu após vencer o reality show de confeitaria.

Depois de sair da cadeia, Régis tentará provar que é um novo homem para reconquistar a protagonista. Ele decidirá se reerguer sem nenhuma trapaça e procurará Maria da Paz para pedir auxílio.

"Cê disse que podia me arrumar um empréstimo pra comprar vinhos de novo... Eu não posso reabrir a importadora sem estoque", dirá o ex-golpista.

"Não é empréstimo. Cê me deu dinheiro escondido pra eu abrir esta confeitaria aqui. Agora, eu tou pagando minhas dívidas. Ganhei o Best Cake, tou fazendo propaganda e tou vendendo tanto bolo que nem dou conta. Eu vou transferir o dinheiro pra você agora. Faço do celular mesmo", afirmará a mocinha.

"Eu nem sei como agradecer... Vou retomar tudo", prometerá Régis, esperançoso. Mais tarde, o agiota do cassino clandestino procurará o irmão de Lyris (Deborah Evelyn) na loja de vinhos.

"Isso aqui tá quase vazio", afirmará Mesquita (Evandro Mello). "Eu tive muitos problemas. Mas graças a Deus fiquei livre. Inclusive já fui lá no cassino depois, paguei a dívida que tinha com você", responderá o ex-playboy.

"Podia estar rico se tivesse jogado aquele dinheiro", provocará o bandido. O personagem de Reynaldo Gianecchini dirá que tomou juízo e não pretende mais apostar. "Eu consegui algum dinheiro. Vou comprar um novo estoque, vou levando até conseguir me refazer", afirmará Régis.

"É muito mais fácil arriscar na roleta. Eu sinto que hoje você ganharia muito. Eu tenho essa intuição, sabe. Sei quando alguém tá com sorte", insistirá o agiota. "Mesquita, eu não vou jogar. Não posso perder o único dinheiro que tenho pra me refazer", cortará o filho de Gladys.

Tentação

"Não sabe pensar em estratégia, Régis? Você joga 10% do que tem. Só arrisca isso: 10%. Se ganhar, continua. Se perder, para. E só vai arriscando o que ganhar", continuará o dono do cassino. Régis não vai resistir à tentação e voltará a jogar.

O ex-amante de Josiane (Agatha Moreira) até tentará não apostar todo o dinheiro, mas Mesquita o influenciará. "Tá segurando muito, Régis. Não vê que tá com sorte? Então, aproveita essa maré... Se arrisca mais", provocará o agiota.

"Eu vou arriscar tudo. Vou botar todo meu dinheiro em fichas. Hoje o vermelho tá me dando sorte. Vermelho 12. Eu boto todas as fichas no vermelho 12", dirá o dono da importadora de vinhos.

A bola da roleta cairá no preto 13, e Régis desabará. "Não... Não é possível. Eu perdi... Perdi tudo", lamentará o ex-marido de Maria da Paz nas cenas previstas para irem ao ar a partir da próxima quarta-feira (13).


Inscreva-se no canal do Notícias da TV no YouTube e assista a vídeos com revelações exclusivas de A Dona do Pedaço e de outras novelas!

Últimas de A Dona do Pedaço


Resumos Semanais

Resumo da novela A Dona do Pedaço: Capítulos de 20 a 22/11

Quarta, 20/11 (Capítulo 159)
Amadeu consegue a redução de pena para Jô. Fabiana garante a Evelina e Antero que se tornará freira. Chega o dia do casamento de Evelina e Antero. Cornélia presenteia Marlene com um vestido branco e Evelina ... Continue lendo

Leia também

Enquete

Pantanal perde audiência: novela está chata?

Mais lidas


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.