Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

INDIGNAÇÃO

Rafinha Bastos se revolta contra Jair Bolsonaro e detona: 'Deixa sem presidente'

Reprodução/Instagram

Montagem com os rostos de Rafinha Bastos e Jair Bolsonaro

Rafinha Bastos e Jair Bolsonaro; humorista criticou conduta do presidente durante pandemia

REDAÇÃO

redacao@noticiasdatv.com

Publicado em 17/3/2021 - 18h32

Rafinha Bastos usou os stories de seu perfil no Instagram nesta quarta-feira (17) para criticar Jair Bolsonaro. Ele não se conforma com a gestão do presidente em relação à pandemia de Covid-19 e ao atraso do país na vacinação. "Bota o [vice-presidente Hamilton] Mourão nessa merda. Foda-se. Tira, bota qualquer um. Não bota ninguém, deixa sem presidente. Puta que pariu!", reclamou o humorista.

O ex-CQC demonstrou irritação ao comparar a vacinação no Brasil em relação a outros países, como os Estados Unidos, onde morou recentemente para investir em sua carreira de stand-up.

"Cheio de amigo meu comediante com 30, 35 anos, postando foto vacinado, já. E nós aqui. Não é que não podemos pensar na vacina - não temos nem perspectiva de quando poderemos ir a um restaurante", desabafou Rafinha Bastos.

Até o momento, os Estados Unidos já administraram ao menos a primeira dose de vacina contra Covid-19 em cerca de 110 milhões de pessoas. No Brasil, os vacinados são cerca de 10 milhões. O ator Terry Crews, de Todo Mundo Odeia o Chris, tem 52 anos e se vacinou em 2 de março.

Recentemente, Rafinha Bastos reativou o programa Ilha de Barbados, que faz em parceria com Cauê Moura. A atração do YouTube havia sido interrompida desde as acusações de pedofilia a PC Siqueira. No lugar de PC, têm participado do programa famosos como Maurício Meirelles, Felipe Castanhari, Lucas Inutilismo e Bruna Louise.


Inscreva-se no canal do Notícias da TV no YouTube e confira o nosso boletim diário com os principais destaques do dia


Leia também

Enquete

Pantanal perde audiência: novela está chata?

Mais lidas


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.