Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

BEST-SELLER

Ex-BBB Gil do Vigor relembra infância difícil em livro: 'Dor, sofrimento e fome'

Reprodução/TV Globo

Gilberto Nogueira chora durante participação no BBB21

Gilberto Nogueira chora durante participação no BBB21; antes de "vigorar", economista sofreu muito'

REDAÇÃO

redacao@noticiasdatv.com

Publicado em 22/5/2021 - 7h45

Apesar de ter mostrado muita alegria durante sua participação no BBB21, Gilberto Nogueira revelará um lado bem mais tenso em seu livro. Na obra Tem que Vigorar!, que será lançada em 10 de junho, Gil do Vigor reviverá sua infância difícil: "Não consigo me lembrar de nada muito feliz. Estão gravados em minha mente brigas, problemas, dor, sofrimento e fome".

A declaração está na orelha da publicação, adiantada por Anna Luiza Santigo no jornal O GloboA obra, anunciada no último dia 14, teve mais de 5 mil cópias vendidas no período de pré-lançamento e já está na lista de best-sellers da Amazon. Com o selo da Globo Livros, a biografia tem 128 páginas e custa R$ 29,90.

"Sei que existem muitos 'Gils' pelo Brasil. Mas, como este livro é sobre minha vida, não tem como falar do Gil do Vigor sem tratar daquele menino assustado, que precisou criar um mundo muito próprio para poder sobreviver. E foi isso o que fiz na minha infância: sobrevivi", conta Nogueira na orelha.

"E, apesar de toda a dificuldade, eu vigorei! Estudei muito, não deixei meus sonhos morrerem e, em 2021, realizei um dos maiores: entrar para o Big Brother Brasil", continua ele, que revela que o reality foi fundamental para ele se entender como pessoa.

Finalmente me aceitei por completo e deixei o programa recebendo muito amor dos brasileiros. E é isso o que eu conto aqui: meu caminho para a aceitação e para a vitória. De coração, espero que você goste --e, se eu puder levar alguma inspiração para você, tudo terá valido a pena.

Tem que Vigorar! traz a história de vida do pernambucano e conta com depoimentos de sua mãe, Jacira Santana, de Xuxa Meneghel e de Deborah Secco, fãs assumidas de Gil durante o BBB21.

A publicação também abordará diversas etapas da trajetória do economista, como o tempo em que foi missionário mórmon e as situações em que passou dificuldade financeira com sua família, além de sua descoberta como homem gay.

As fotos da capa foram feitas no dia 18, em um estúdio em São Paulo. "Foi muito bom escrever. Muita luta, muita batalha, em nome de Jesus. Ah, tem muita cachorrada, né? A cachorrada está sempre no livro, na vida, nas relações", assegurou o ex-BBB, usando seus bordões, ao compartilhar as fotos em suas redes sociais.

"Em Tem Que Vigorar!, Gil conta seus momentos preferidos no BBB21, da infância pobre em Pernambuco e revela as dificuldades que passou na vida, como quando teve que morar na rua. Fala também dos momentos de violência do pai contra a mãe, sua relação com a fé e a igreja, de como a educação o salvou e a descoberta da sexualidade e seu processo de autoconhecimento e aceitação", explicou a Globo Livros, em nota.

A publicação começou a ser desenvolvida na primeira quinzena deste mês, pouco depois de Gilberto ser eliminado do BBB21. Ele deixou o reality como quarto colocado, mas recebeu um tratamento digno de campeão na Globo. O economista, inclusive, já foi contratado pela emissora.

Confira abaixo a capa de Tem Que Vigorar!:


Leia também

Enquete

Você gostou do primeiro mês de Um Lugar ao Sol?

Web Stories

+
Traída, enganada e desprezada: 7 vezes em que Bárbara quebrou a cara em Um Lugar ao SolMansão nova, presença VIP e publis: Saiba tudo sobre a carreira de Deolane BezerraÚltima temporada de La Casa de Papel: Após o fim, série já tem spin-off confirmadoFicção virou realidade: Casa de Esqueceram de Mim é aberta ao público; veja fotosDivórcio, tragédia e treta: 5 notícias que peões de A Fazenda 13 não sabem

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas