Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

BLOGUEIRA DA LEI

Quem é Fayda Belo, advogada que ganhou o apelido de Annalise Keating na web?

REPRODUÇÃO/INSTAGRAM e ABC

Montagem de fotos com a advogada Fayda Belo (à esquerda) e a personagem Annalise Keating (Viola Davis) na série How to Get Away with Murder (2014-2020)

Fayda Belo (à esq.) atua como advogada criminalista igual à Annalise Keating (Viola Davis)

KELLY MIYASHIRO

kelly@noticiasdatv.com

Publicado em 3/7/2021 - 6h40

Advogada criminalista, preta e carismática, Fayda Belo ganhou o apelido de "Annalise Keating brasileira" nas redes sociais por se parecer com e agir como a personagem de Viola Davis na série How to Get Away with Murder (2014-2020). A capixaba de Cachoeiro de Itapemirim tem viralizado na web por ensinar seus seguidores a usar a lei para se defender dos mais variados crimes.

Ao Notícias da TV, Fayda conta que se sente cada vez mais realizada com o sucesso que tem conquistado na internet, além de ser muito fã da primeira atriz negra a vencer um Emmy e também da série que foi exibida pelo Sony Channel e atualmente está disponível na Netflix.

Só no TikTok, a advogada acumula mais de 500 mil seguidores e 6,4 milhões de likes nos vídeos em que cita com precisão trechos da Constituição e do Código Penal. No Instagram, ela conversa carinhosamente com seus "crimelovers", apelido carinho que deu aos fãs. 

"Eu fico honrada que falam isso: 'Você é a nossa Annalise Keating'. Eu sou muito fã da Viola Davis. Eu vi a série sem banho [direto], entrou uma temporada, já estou assistindo; vi um capítulo, já quero o próximo. Porque eu sou apaixonada nela, essa série é tudo pra mim (risos)", brinca.

"Por conta disso, eu fico realmente vaidosa, orgulhosa e muito honrada toda vez que alguém diz que eu sou a Annalise Keating do Brasil. Realmente, é uma honra muito grande. Porque a Viola Davis, além de ser uma grande atriz, tem uma história muito forte que se parece muito com a minha, então é muita honra", se emociona a antiga estagiária da Defensoria Pública.

Em uma das gravações publicadas recentemente, a "Annalise brasileira" avisa ao apresentador Sikêra Jr., da RedeTV!, que ele praticou o crime de homofobia ao declarar que gays são pedófilos e abusadores sexuais. "Você sabe o que é abuso sexual infantil? É manter relações sexuais ou qualquer ato libidinoso com crianças. Tá no [artigo] 217-A do Código Penal", ensina ela.

"Agora, o que talvez você não saiba é que 87% das pessoas que praticam esse crime horroroso são homens héteros. Sim! Não é a comunidade LGBTQIA+ que tem tirado a inocência das nossas crianças. São cidadãos de bem como o senhor, membros da família tradicional brasileira", continua Fayda no vídeo.

"Alerto que imputar falsamente um crime a alguém é calúnia. Ofender a reputação dos outros é difamação. Agora, praticar, induzir ou incitar a discriminação através dos meios de comunicação em decorrência da orientação sexual, desde 2019, é crime de homofobia. Com pena de até cinco anos. Preciso lembrá-lo: do presídio, não dá apresentar programa de televisão", conclui a advogada na gravação. 

@faydabelo

Homofobia é crime! ##mesdoorgulholgbt##homofobia🌈🚫##faydabelo##BeijosIconicos##Capcut##podenao##crimesvirtuais

♬ Beggin' - Måneskin

Diferentemente da protagonista de How to Get Away with Murder, Fayda não tenta defender assassinos ricaços, mas sim pessoas que merecem um tratamento justo do sistema judicial brasileiro. 

Formada como advogada e pós-graduada em Direito Processual Penal, ela montou o próprio escritório de advocacia e trabalha principalmente na defesa de mulheres e crianças vítimas de violência doméstica, crimes ligados ao gênero e também de discriminação racial.

"No meu ofício, também atuo muito ao lado do Ministério Público quando se trata de homicídio com vítimas mulheres, o feminicídio. Tenho um escritório, uma equipe e rodo o Brasil com os meus clientes. Em alguns casos, faço pro bono, que é quando a vítima não tem recursos financeiros, então eu também ajudo de graça", resume.

Quem é Fayda Belo?

Fayda Belo nasceu na mesma terra do cantor Roberto Carlos: Cachoeiro de Itapemirim, no Espírito Santo. "Aqui eu nasci, cresci, estudei em escola pública, fiz a minha graduação em Direito graças a uma bolsa do Prouni [Programa Universidade para Todos], fui aprovada no exame da Ordem [dos Advogadosdo Brasil] com nota máxima e, atualmente, administro o Fayda Belo Advocacia", explica.

Defensora das minorias na vida real, Fayda acredita que levar seus conhecimentos jurídicos às pessoas que não têm acesso a elas pelas redes sociais é um dever seu como advogada e profissional do Direito, além de ser divertido também.  

"Quando a gente pensa em Justiça, em Direito, a população acha que é algo muito distante, então, a minha ideia é alertar as pessoas sobre os direitos que elas têm, de uma maneira simplória, com uma linguagem simples, de forma com que alguém que não entenda o Direito possa compreender a mensagem. Esta dando muito certo, e eu estou adorando", confessa. 

@faydabelo

@astravadavida receba minha solidariedade. Homofobia é crime! ##Capcut##homofobia##podenao##faydabelo##crimesvirtuais##violenciadegenero##crimesreais

♬ memories - Maroon 5

"Eu sempre fui muito afeta a ajudar os outros, fiz estágio na Defensoria Pública, lugar onde ia muita gente humilde. E aí veio esse afeto de querer ajudar os outros, então eu ajudo online, ajudo em grupos de mulheres e negros, comunidade surda também. E a gente segue fazendo o que é pra ser feito, que é levar o Direito ao povo, já que ele está muito longe da população", diz.

Casada há 15 anos, a advogada é mãe de dois filhos, avó de um neto e, surpreendentemente, também é gaga. "Mas faço tratamento com a fonoaudióloga e tenho avançado bastante!", comemora a nova queridinha das redes sociais. 

View this post on Instagram

A post shared by Fayda Belo (@faydabelo)


Inscreva-se no canal do Notícias da TV no YouTube para conferir nossos boletins diários, entrevistas e vídeos ao vivo


Leia também

Web Stories

+
Vômito, narrador ridículo e ‘xerecada’: Cinco momentos engraçados das OlimpíadasBárbara, Kelvin e Medina: Atletas brasileiros se envolvem em tretas nas OlimpíadasAna ou Manuela? Saiba quem fica com Rodrigo no final de A Vida da GenteComo Rayssa Leal e Douglas Souza: Cinco atletas das Olimpíadas que você deve seguirTraição de Pyong Lee e treta de Nadja Pessoa: Ilha Record promete estreia acalorada

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

Qual a melhor cobertura dos Jogos Olímpicos de Tóquio?