Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok
Almir Sater caracterizado como Eugênio na nova versão de Pantanal (2022) - JOÃO MIGUEL JÚNIOR/TV GLOBO

Almir Sater

Almir Eduardo Melke Sater é um cantor, compositor, violeiro, instrumentista e ator brasileiro. Além de ser conhecido pelas músicas de sucesso no mundo sertanejo, ele ainda atuou em novelas como A História de Ana Raio e Zé Trovão (1991), O Rei do Gado (1996) e Bicho do Mato (2006).

Esteve também nas duas versões de Pantanal. Ele atuou como Trindade na trama exibida em 1990 na extinta TV Manchete e viveu Eugênio no remake produzido pela Globo em 2022.

Onde Almir Sater nasceu?

O artista nasceu em Campo Grande, no Mato Grosso do Sul, em 14 de novembro de 1956. Desde os 12 anos já tocava violão e se interessava pela música e pelos sons da natureza.

Aos 20 anos, foi estudar Direito no Rio de Janeiro, mas desistiu de seguir a carreira como advogado. Voltou para a cidade natal e formou com um amigo a dupla Lupe e Lampião --adotando Lupe como nome artístico.

Após o fim da parceria, começou a estudar com mais afinco a viola de 10 cordas. Mudou-se para São Paulo em 1979 com o objetivo de investir na carreira solo.

Quais as melhores músicas de Almir Sater?

Em 1981, Sater gravou o primeiro disco, Estradeiro, com a participação de Tetê Espíndola, Alzira Espíndola e Paulo Simões. Fez ainda parte da Geração Prata da Casa, movimento que uniu expoentes da música sul-mato-grossense no início dos anos 1980.

O artista coleciona um vasto número de composições e canções de sucesso. Ele fez parcerias com Renato Teixeira e Paulo Simões e escreveu letras que viraram símbolo do cancioneiro regional-popular, como por exemplo as conhecidas Tocando em Frente, Chalana e Cabecinha no Ombro.

Nos anos 1990, o cantor ganhou três prêmios Sharp com as canções Moura (como melhor música instrumental e solista) e como coautor de Tocando em Frente (como melhor canção).

Almir Sater e Renato Teixeira lançaram em 2015 o álbum AR, com dez músicas inéditas compostas pela dupla. Pelo projeto, os artistas ganharam os prêmios de melhor dupla regional no Prêmio da Música Brasileira e de melhor álbum de música regional ou de raízes brasileiras no Grammy Latino. A faixa D de Destino, composta por Almir, Paulo Simões e Renato, também foi indicada ao prêmio de melhor canção em língua portuguesa do Grammy.

Os amigos de longa data ainda gravaram outro álbum, intitulado +AR. Lançado em 2018, o disco tem dez canções inéditas, como Flor do Vidigal, Quando a Gente Chama, Vira caipira e Eu, Você e um Violão.

O projeto foi premiado no Grammy Latino como melhor álbum de música de raízes da língua portuguesa e eleito pelo júri da APCA (Associação Paulista de Críticos de Arte) um dos 25 melhores discos brasileiros lançados no primeiro semestre de 2018.

Almir Sater em Pantanal

Em 1986, o cantor iniciou uma comitiva que explorou o Pantanal ao lado de Paulo Simões, Zé Gomes, Zuza Homem de Mello (1933-2020) e Raimundo Alves Filho. Eles fizeram registros fotográficos e pesquisaram o modo de vida dos moradores da reunião. O projeto batizado como Comitiva Esperança deu origem a um documentário.

Já em 1990, Almir Sater estreou como ator na novela Pantanal, escrita por Benedito Ruy Barbosa e exibida pela Manchete. Na primeira versão da trama, deu vida ao misterioso peão Trindade. Fez muito sucesso com a música Um Violeiro Toca, incluída na trilha sonora do folhetim.

O artista foi escalado para atuar também no remake da história em 2022. Na nova versão, Almir interpretou o chalaneiro Eugênio, uma figura mítica que se abriga na planície alagada.

O veterano ainda conduziu o elenco da novela pelas gravações no Mato Grosso do Sul e abriu a sua fazenda para os atores e a equipe se sentirem em casa na região. "Foi uma surpresa ver dezenas de pessoas da Globo despencar até lá em casa com essa ideia de reviver Pantanal. O pantaneiro é muito isolado, então fica feliz quando chega visita. É uma emoção muito grande viver isso de novo", afirmou em entrevista ao Notícias da TV.

Filhos de Almir Sater

O cantor é pai de Gabriel, Ian e Bento Sater.

O primogênito seguiu os passos do pai no sertanejo e ainda contracenou com o artista em Pantanal (2022). No remake da novela, Gabriel foi escalado para interpretar o boiadeiro Trindade (papel que foi de Almir na versão exibida em 1990); enquanto o veterano viveu Eugênio na adaptação de Bruno Luperi.

Filhos de Almir com Ana Paula Sater, Ian e Bento preferem levar uma vida longe dos holofotes e são mais discretos nas redes sociais. Os dois já fizeram parte da banda de rock Suburbia.

Ex-mulher de Almir Sater

O violeiro foi casado com Selene Albuquerque Sater entre 1980 e 1981. Gabriel Sater é fruto do primeiro relacionamento do artista. Desde 1992, ele é casado com Ana Paula, com quem teve os outros dois filhos.

Novelas do Almir Sater

  • Pantanal (1990) - Xeréu Trindade
  • A História de Ana Raio e Zé Trovão (1991) - Azelino Santos Ferreira (Zé Trovão)
  • O Rei do Gado (1996) - Aparício (Pirilampo)
  • Bicho do Mato (2006) - Mariano Ferreira Trindade
  • Pantanal (2022) - Chalaneiro Eugênio

Filmes do Almir Sater

  • Caramujo Flor (1988)
  • As Bellas de Billings (1987)
  • O Barato de Iacanga (2019)

Redes sociais do Almir Sater

O artista usa as redes sociais para divulgar seus trabalhos. Veja os números dele, até março de 2022.

Quem é o autor da música Ando Devagar?

Conhecida pelos versos "Ando devagar porque já tive pressa e levo esse sorriso porque já chorei demais", a música Tocando em Frente foi composta por Almir Sater e Renato Teixeira. A canção foi gravada pela primeira vez por Maria Bethânia em 1990.

Como Almir Sater compôs a música Tocando em Frente?

Durante uma participação no programa Viola Minha Viola, o sertanejo contou para Inezita Barroso (1925-2015) como ele e Renato Teixeira escreveram a canção durante um jantar em 1990.

Sater estava na casa do amigo e pegou o violão de Chico Teixeira, que ainda era criança na época. Ele começou a dedilhar algumas notas enquanto Renato escrevia os versos rapidamente.

Almir afirmou que, no início, não percebeu a grandiosidade da letra, já que a canção surgiu de repente: "Às vezes as coisas que vem muito fácil na vida da gente, não damos muito valor, por isso eu não percebi a mensagem da música".

Qual é a idade do Almir Sater?

65 anos.

Qual é o signo do Almir Sater?

Escorpião.

Qual é a altura do Almir Sater?

1,83 metros.

Por onde anda Almir Sater?

O cantor leva uma vida tranquila em sua fazenda em Mato Grosso do Sul.

Almir Sater jovem e hoje

Veja uma foto de Almir Sater jovem na época de A História de Ana Raio e Zé Trovão (1991) e outra do artista atualmente:

Almir Sater jovem e mais idoso


Personagens


Galeria de fotos de Almir Sater

Maria Bruaca (Isabel Teixeira) e Eugênio (Almir Sater) em Pantanal; chalaneiro incentiva amiga
Trindade (Gabriel Sater) e José Lucas (Irandhir Santos) vão duelar por Irma (Camila Morgado)
Policiais militares tietaram Almir Sater em blitz rural no Pantanal; grupo relembrou Eugênio
Gabriel Sater e Almir Sater deram vida a Trindade em Pantanal; hoje, o pai interpreta Eugênio
Almir e Gabriel Sater em roda de viola na novela Pantanal: Pai e filho viveram o peão Trindade
Observado por Enrique Diaz, Almir Sater toca violão em cena do remake de Pantanal
Almir Sater no papel do chanaleiro Eugênio na novela Pantanal: ator gera curiosidade no público
Almir Sater interpreta Eugênio em Pantanal; artista também está na trilha sonora da novela
Eugênio (Almir Sater) em Pantanal; cantor também fez a primeira versão da novela na Manchete
Almir Sater esteve na versão original de Pantanal; a música é uma das armas da Globo na faixa
Estrela da novela original, Almir Sater viverá o chalaneiro Eugênio no remake de Pantanal
Juliana Paes em ensaio fotográfico; atriz ficou nervosa ao cantar com Almir Sater no Pantanal
Almir Sater ajudou Renato Goés a conhecer parte do Pantanal; ator começou gravações na região
Almir Sater em publicação para seu Instagram; cantor teve avião roubado

Últimas notícias de Almir Sater


Últimas notícias