Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

COVID-19

Sertanejo Cleber desabafa sobre estado grave de Cauan: 'Parece um pesadelo'

Reprodução/TV Globo

Fernando Máximo, irmão do cantor Cauan, de máscara, e Cleber, dupla do sertanejo, de barba e camiseta azul escuro

Fernando Máximo, irmão do cantor Cauan, e Cleber, dupla do sertanejo, no Encontro com Fátima Bernardes, desta quinta (20)

REDAÇÃO

Publicado em 20/8/2020 - 10h54

Cleber, parceiro de Cauan, fez um desabafo sobre a saúde do cantor, internado em estado grave em Goiânia, com Covid-19. "Parece um pesadelo", declarou no Encontro com Fátima Bernardes, da Globo, desta quinta-feira (20). O sertanejo alertou o amigo a procurar um médico, pois já estava com sintomas da infecção há três dias, mas não foi atendido.

"Parece um pesadelo para a gente, porque o Cauan é alto-astral demais, é a alegria da dupla. Ele é confiante demais e achou que a doença não ia evoluir muito. Ele me falou que estava com febre já no terceiro dia, e eu falei que ele tinha que procurar o médico, mas ele estava tranquilo achando que estava tudo bem", afirmou.

O sertanejo disse ainda que também testou positivo para a doença, mas que não teve sintomas. "A gente se encontrou poucas vezes, tivemos duas lives e ensaiamos antes delas. Eu fiquei mais no sítio com a minha família. Inclusive, eu também fui contaminado, mas fiquei assintomático", completou.

Após vir à tona uma declaração de Cauan debochando da gravidade da Covid-19 em março, Cleber disse que o cantor se mostrou preocupado: "A gente sempre se falava por telefone, e ele estava super preocupado, principalmente por causa dos pais dele, e estava se cuidando bastante".

Fernando Máximo, irmão de Cauan e médico que está cuidando dele, também participou do programa matinal e reiterou que o estado de saúde do cantor é grave.

"O Cauan ainda é um paciente muito grave, não consegue ficar nem um minuto sequer sem oxigênio, mas graças a Deus houve uma discreta melhora. Os exames de laboratório estão estáveis, o que é uma vitória para a gente", afirmou ele, que desmentiu uma fake news envolvendo o estado de saúde de Cauan.

Fernando se recuperou da doença, após ficar sete dias na UTI e dez no quarto do hospital, e disse que a enfermidade é uma espécie de "loteria". "A doença é muito imprevisível. Porque meus pais, por serem idosos, estão no grupo de risco, e tiveram sintomas leves. Já nós dois, que não estamos em nenhum grupo de risco e somos saudáveis, ficamos pior", encerrou.

Leia também


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

O que você achou do início do BBB21?