Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

APAGÃO

Netflix perde 21 atrações da Disney em um único dia; confira a lista

REPRODUÇÃO/MARVEL/PIXAR

Chris Evans faz cara de bravo ao encarar vilão no filme Capitão América 2; e a personagem Tristeza aparece abatida em Divertida Mente

Chris Evans em Capitão América 2: O Soldado Invernal e a personagem Tristeza na animação Divertida Mente

JOÃO DA PAZ

Publicado em 30/8/2020 - 6h45

Na terça (1º), a Netflix vai perder 21 atrações da Disney de uma só vez. A debandada é mais uma etapa na decisão da dona do Mickey Mouse de retirar da gigante do streaming as suas produções, que incluem filmes da Marvel, séries dos estúdios ABC e animações da Pixar. Isso porque a plataforma Disney+ será lançada no Brasil em novembro.

A saída da Disney do serviço que é o seu maior rival acontece com força há um ano, quando se deu a primeira fase do apocalipse. Enquanto preparava a estreia do próprio streaming, a Disney licenciou as suas atrações para outros concorrentes, como o Prime Video, que ficou com o plantel dos heróis Marvel e toda a saga Star Wars, que antes estava disponível na Netflix.

Quatro longas do chamado MCU (Universo Cinematográfico da Marvel) deixam a Netflix em 1º de setembro: Thor (2011), Os Vingadores (2012), Capitão América 2: O Soldado Invernal (2014) e Homem-Formiga (2015). Ficam por lá apenas os filmes do Homem-Aranha, cujos direitos pertencem à Sony, e não à Disney.

Entre as animações da Pixar, dão adeus sucessos como Procurando Nemo (2003) Os Incríveis (2004), Carros (2006) e Divertida Mente (2015). As duas primeiras partes da franquia de As Crônicas de Nárnia também estão de saída, e o mesmo ocorre com a série infantil K.C. Undercover (2015-2018), protagonizada por Zendaya.

Como o streaming Disney+ vai imitar no Brasil o modelo americano e montará um catálogo familiar (leia-se: nada de programas com muito sexo e violência), todas essas atrações citadas vão estar na nova plataforma, que estreia em 17 de novembro. Já as séries voltadas a um publico mais adulto serão negociadas à parte.

Entram nessa categoria as produções dos estúdios ABC, como Station 19 e Agents of Shield, também inseridas nesse pacotão de excluídos da Netflix. Outras tramas importantes da ABC, como Scandal (2012-2018) e Once Upon a Time (2011-2018) saem dia 25. Com suas sete temporadas, Scandal está disponível no Globoplay.

Fica a expectativa sobre o futuro dos dramas Grey's Anatomy e How to Get Away with Murder na Netflix. A gigante sofreu um baque e tanto ao perder a exclusividade do drama médico para os rivais Prime Video e Globoplay, que anunciaram a série completa, incluindo a disponibilidade da 16ª temporada, ainda inédita no streaming.

Oficialmente, a Netflix não se posiciona sobre as séries que saem do serviço. O máximo que a empresa faz é deixar um aviso na aba Detalhes, que pode ser acessada na página principal de cada atração.

Veja as 21 atrações da Disney que deixam a Netflix dia 1º

Agents of Shield (série)
A Guarda do Leão (animação)
As Crônicas de Nárnia - O Leão, a Feiticeira e o Guarda-Roupa (filme)
As Crônicas de Nárnia - Príncipe Caspian (filme)
A Proposta (filme)
Capitão América 2: O Soldado Invernal (filme)
Carros (animação)
Carros 2 (animação)
Divertida Mente (animação)
Duck Tales - Os Caçadores de Aventura (animação)
Homem-Formiga (filme)
K.C. Undercover (série)
Os Incríveis (animação)
Os Vingadores (filme)
Princesinha Sofia (animação)
Procurando Dory (animação)
Procurando Nemo (animação)
Station 19 (série)
The Kids Are Alright (série)
Thor (filme)
Up - Altas Aventuras (animação)

Outras atrações da Disney de saída em setembro:

Dia 2
Os Novos Vingadores – Heróis do Amanhã (animação)

Dia 25
Once Upon a Time (série)
Runaways (série)
Scandal (série)


Inscreva-se no canal do Notícias da TV no YouTube e assista a vídeos com revelações sobre o mundo das celebridades e novelas!

Leia também


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

O que você achou do Disney+?