Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

MELHORES PARA JOGOS RETRÔ

TVs de tubo resistem no mercado e custam até R$ 4,4 mil; saiba quem compra

FOTOS: REPRODUÇÃO

Retrogamer se diverte com jogo retrô na TV de tubo

Estevam tem quatro TVs de tubo em casa: melhor experiência com os videogames do passado

EDUARDO BONJOCH

edubonjoch@gmail.com

Publicado em 23/4/2022 - 6h15

Longe das lojas desde 2014, as TVs de tubo continuam sendo procuradas por um público bem específico: os fãs de videogames do passado, chamados de retrogamers. Com idade entre 30 e 55 anos, eles são capazes de gastar até R$ 4,4 mil para ter em casa um televisor desse tipo com tela plana da icônica linha Sony Wega, referência de qualidade a partir da segunda metade dos anos de 1990.

Achar uma TV dessas de segunda mão em bom estado não é fácil --por isso, o preço tão caro. Em 2020, aconteceu um fato inusitado: vários lotes de TVs Sony Wega sem uso e preservadas em suas embalagens foram à leilão em Brasília, o que inflacionou o mercado.

Com lotes arrematados por cerca de R$ 500, alguns desses televisores ainda podem ser encontrados à venda em sites como Mercado Livre, por preços que variam de R$ 1,5 mil a R$ 4,4 mil.

Com 29 polegadas e fabricada em 2006/2007, a TV mais cara à venda é a de modelo KV-29FA310, com subwoofer acoplado à parte superior do gabinete. Segundo o anúncio, vem com controle remoto e manual originais e pesa 25 quilos. O grande diferencial das TVs de tubo da Sony era a tecnologia exclusiva Trinitron, mais avançada para exibir imagens de alta qualidade com maior brilho, contraste e convergência de cores.

Leilão de TVs Sony Wega: preços dispararam

Se, para você, parece loucura pagar R$ 1 mil por uma grande e desengonçada TV de tubo, saiba que a maioria dos retrogamers não abre mão de um televisor desse tipo. Para eles, essa é a melhor opção para jogar Enduro, River Raid e Pac-Man, clássicos do Atari 2600 nos anos de 1980; ou algum título da franquia Mario Bros., carro-chefe do Super Nintendo na década de 1990.

"Na hora de jogar os games do passado, a melhor experiência é sempre com uma TV de tubo, porque os videogames da época foram feitos para esse tipo de aparelho; a resolução, o formato da tela e a qualidade da imagem são imbatíveis", afirma Luis Estevam, do canal RetroGamer Brasil. Ele tem uma coleção com mais de 50 consoles diferentes, que se revezam nas telas de quatro TVs de tubo de 15 a 21 polegadas.

Segundo ele, o lado nostálgico também tem muito valor. "O retrogamer gosta muito de recriar a mesma atmosfera do passado, preservando os equipamentos da época", afirma. "Além disso, sempre há perda de qualidade e distorção da imagem nas telas finas, o que acaba prejudicando a diversão."

Cherin Reis: diferença do tubo está na nitidez

Para Cherin Reis, conhecido como NT Games, ter uma TV Sony Wega em casa é o sonho de consumo de todo retrogamer. "É uma combinação de fatores, que vão da qualidade de imagem superior ao design moderno com tela plana, mais atraente em relação aos outros televisores de tubo", diz. Mas ele, que acaba de adquirir uma segunda TV de tubo, alerta. "Não é que o gráfico melhore nessas TVs, porque é impossível; a diferença está na nitidez."

E se quebrar?

Hoje em dia, consertar uma TV de tubo não é tão simples assim. Dependendo da marca e do modelo, pode ser que você nem consiga fazer o reparo. Além disso, várias assistências técnicas nem trabalham mais com esse tipo de produto.

"Infelizmente, está cada dia mais difícil encontrar peças de reposição", declara Celso Affini, do canal Defenestrando Jogos. "Se o problema for no próprio tubo, as chances de ter que encostar a TV são grandes", diz. Dos 33 videogames da coleção, que se alternam em uma TV LG de 21 polegadas, três, de diferentes gerações, são os queridinhos do retrogamer: o Atari 2600, o Mega Drive e o primeiro PlayStation, sucessos na década de 1990.  

De acordo com Estevam, a dica para não ficar na mão quando a TV quebrar é pesquisar e manter contato com três ou quatro técnicos de confiança, capazes de socorrer o retrogamer em casos de emergência. E isso vale tanto para os televisores como para os videogames, que também podem precisar de manutenção.

TUDO SOBRE

Videogames


Leia também

Enquete

Qual a melhor novela no ar atualmente?

Mais lidas


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.