Exclusivo

Que Meredith nos acuda! Nova temporada de Grey's Anatomy ficará de fora da Netflix

Imagens: Divulgação/ABC

Ellen Pompeo chora desesperada em episódio de Grey's Anatomy; 16ª temporada está fora da Netflix

Ellen Pompeo chora desesperada em episódio de Grey's Anatomy; 16ª temporada está fora da Netflix

JOÃO DA PAZ - Publicado em 29/11/2019, às 05h28

Exclusividade do Sony Channel, a 16ª temporada de Grey's Anatomy não estará disponível na Netflix, notícia que cai como uma bomba para os fãs e também para a plataforma, que tem o drama hospitalar como uma de suas maiores audiências entre o público brasileiro. Após ser exibida na TV paga, a atual leva de episódios ficará sem destino certo no mundo dos streamings.

O Notícias da TV confirmou com altas fontes no mercado da TV por assinatura que a 16ª temporada de Grey's Anatomy ficará de fora da gigante do streaming, que disponibiliza aos seus clientes as 15 primeiras temporadas da atração. Procurada, a Netflix não se posicionou oficialmente sobre essa perda.

Um destino provável dos episódios inéditos de Grey's Anatomy é o Prime Video, o streaming da Amazon. Afinal, a rival da Netflix havia anunciado em outubro que iria disponibilizar a série aos fãs. O Notícias da TV entrou em contato com a assessoria do Prime Video, que se limitou a responder "não temos essa informação no momento" ao ser questionada sobre quando o drama entrará no serviço.

A entrada de Grey's Anatomy no Prime Video seria parte de um acordo entre a Amazon e a Disney, que começou no mês passado e vai até setembro de 2020. A dona do Mickey Mouse entreou para o streaming dezenas de produções próprias, entre elas filmes de heróis sucesso de bilheteria (Capitã Marvel, entre outros), animações consagradas (como Toy Story) e séries. Grey's Anatomy está no pacote por ser uma produção dos estúdios da ABC, parte do grupo Disney.

Paralelamente a isso, produções da Disney estão saindo da Netflix aos montes. A debandada ganhou na internet o nome de Apocalipse da Disney. Em 15 de setembro, por exemplo, a série Lost (2004-2010) saiu da plataforma. Juntamente com ela, deram adeus cinco filmes da franquia Star Wars, entre outras atrações.

Chandra Wilson e Camilla Luddington em cena da 16ª temporada do drama Grey's Anatomy

Não seria surpresa também se a Disney segurasse a 16ª temporada de Grey's Anatomy para novembro do ano que vem, quando a plataforma Disney+ chega ao Brasil. Ter o drama médico seria um grande trunfo para atrair assinantes, ainda mais se o streaming também contar com as outras 15 temporadas.

Grey's Anatomy está no olho do furacão nessa guerra dos streamings, que brigam a tapas por conteúdo de tal calibre: são centenas e mais centenas de episódios consumidos por fãs fissurados pela trama, sejam eles novatos na história ou aqueles que acompanham tudo desde 2005. E ironicamente, é a boa e velha TV por assinatura quem sai ganhando com isso.

A exclusividade da 16ª temporada de Grey’s Anatomy no Sony Channel vai impulsionar ainda mais a série no canal. A nova leva de episódios inéditos estreia no Brasil em 14 de janeiro, às 21h. O fã brasileiro terá a certeza de que poderá ver os capítulos da trama de Shonda Rhimes sempre nas noites de terça, a partir do ano que vem. Já quem depende do streaming, ao menos por enquanto, está à deriva.

A 16ª temporada de Grey's Anatomy estreou nos Estados Unidos em setembro. Há 14 anos no ar, a atração é um fenômeno de audiência e atualmente é a terceira série mais vista na TV americana, entre o cobiçado público adulto (de 18 a 49 anos). O drama hospitalar protagonizado por Ellen Pompeo, a médica Meredith Grey, já foi renovado para a 17ª temporada.

Tudo sobre

Grey's Anatomy

Leia também

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site. Também não serão aceitos comentários com links e propaganda de produtos, serviços e dietas.

Enquete

O que falta para Amor de Mãe conquistar mais audiência?

Últimas notícias

Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook