Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

NOS EUA

Por causa do coronavírus, 17ª temporada de Grey's Anatomy é adiada

DIVULGAÇÃO/ABC

Com uma uniforme azul marinho de médica, Ellen Pompeo fica pensativa em cena da 16ª temporada de Grey's Anatomy

Ellen Pompeo na 16ª temporada de Grey's Anatomy; volta do drama foi adiada para depois de setembro

JOÃO DA PAZ

Publicado em 27/8/2020 - 16h01

A pandemia do novo coronavírus (Covid-19) bagunçou a programação da TV norte-americana, e Grey's Anatomy é mais uma vítima. A rede ABC anunciou nesta quinta-feira (27) a programação da fall season, temporada entre setembro e outubro, e o drama médico ficou de fora da primeira janela de exibição. A 17ª temporada não ganhou data de estreia.

Criada por Shonda Rhimes, a trama estreou em março de 2005, em um período do ano reservado para atrações nem tão atraentes assim. Aquelas mais faladas, ficam para a fall season. Devido ao sucesso instantâneo, seis meses depois saiu a segunda temporada. Desde então, Grey's Anatomy sempre voltou com novos episódios em setembro, sem falta.

Mas agora é diferente. A excepcionalidade do atual momento, com uma doença viral letal afetando todo o mundo, a indústria de entretenimento americana passa por apuros desde março, com trabalhos interrompidos no meio do caminho. Como ocorreu inclusive com Grey's Anatomy, forçada a cortar quatro episódios para terminar a 16ª temporada.

Hollywood está reaberta desde julho, porém negociações com sindicatos sobre como proceder em relação à obediência de protocolos sanitários e custeio das gravações não tem colocado as séries na ativa a todo vapor. Uma ou outra retornou, enquanto a maioria ainda tenta se acertar.

Nesse cenário de incertezas, as redes norte-americanas têm feito de tudo para preencher a programação da fall season, a principal do calendário. No caso da ABC, a aposta será em realities e game shows, alguns já prontos ou de fácil retomada. Na mesma faixa de horário de Grey's, às 21h das quintas, entrou Press Your Luck, por exemplo.

É esperado que em setembro a atração hospitalar ligue as câmeras. Dessa forma, será possível lançar os novos episódios em outubro mesmo ou novembro, na pior das hipóteses.

Concorrentes da ABC procuram seu jeito de fazer a histórica e complicada fall season de 2020. A Fox comprou séries e vai estrear atrações engavetadas. A CW jogou para janeiro do ano que vem as novas temporadas de suas séries já conhecidas e formou uma grade com programas adquiridos de terceiros.

Leia também


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

O que você achou do Disney+?