Por um triz

Crise do coronavírus livra personagem importante de Grey's Anatomy da morte

Divulgação/ABC

Dentro de um pronto-socorro, James Pickens Jr. e Chandra Wilson vestem avental de médico em Grey's Anatomy

James Pickens Jr. e Chandra Wilson na 16ª temporada de Grey's Anatomy; dupla está na série desde 2005

JOÃO DA PAZ - Publicado em 14/04/2020, às 16h37

Uma das produções afetadas pela crise do novo coronavírus (Covid-19), a série Grey's Anatomy foi obrigada a cortar quatro episódios da 16ª temporada. Um deles, logo o final, teria a morte de um personagem importante, fatalidade que abalaria as estruturas do drama hospitalar. Qual personagem seria a próxima vítima da atração?

Citando fontes próximas da produção, o site TV Line publicou nesta terça-feira (14) que um evento "cataclísmico" tiraria a vida de um personagem crucial para a trama. Uma das pessoas ouvidas disse que a cena em questão "seria explosiva". Procurada, a showrunner Krista Vernoff não confirmou nem negou essa informação.

A explosão no caso não é um sentido figurado. O final da 16ª temporada de Grey's Anatomy iria coincidir com o desfecho do terceiro ano de Station 19, série filhote do drama médico sobre bombeiros e que também tem Krista como responsável.

Como as gravações de Station 19 foram finalizadas antes da crise do coronavírus, quem assistir aos episódios finais terá uma noção do que ocorreria em Grey's.
Mortes de personagens grandes em acidentes é a cara da série, como já fez em outrora. Assim fica difícil prever quem seria a vítima, pois qualquer integrante do elenco poderia estar no meio dessa explosão. Apenas uma personagem é intocável.

Meredith Grey (Ellen Pompeo) seria a primeira fora da lista, já que ela é a protagonista. Sem Meredith não existe Grey's Anatomy, como a criadora da série, Shonda Rhimes, afirma constantemente. Fora ela, restam dois personagens ativos desde o primeiro episódio, exibido há 15 anos: Miranda Bailey (Chandra Wilson) e Richard Webber (James Pickens Jr.).

[Atenção: spoiler da 16ª temporada de Grey’s Anatomy]

A morte da primeira realmente seria explosiva, no sentido figurado da expressão. Miranda é quem faz o hospital Grey Sloan Memorial funcionar. Já o segundo quase partiu dessa para a melhor na temporada que se encerrou, ao enfrentar graves problemas de saúde. Nenhum médico conseguia achar uma solução. Aos 45 do segundo tempo, no episódio que serviu com o final da 16ª temporada, ele foi salvo.

Entre o time de personagens principais, três poderiam ser as vítimas por não protagonizarem histórias interessantes. É o caso de Maggie Pierce (Kelly McCreary) e Jackson Avery (Jesse Williams). A perda de Maggie encaixaria no termo "cataclísmico" porque afetaria profundamente Meredith, sua meia-irmã, e Richard, seu pai. O adeus de Catherine Fox (Debbie Allen), mulher de Richard e mãe de Jackson, também seria dolorido.

Krista e equipe vão ter longos meses pela frente para debater se continuam com o plano de matar um personagem importante na já confirmada 17ª temporada ou passam a borracha em tudo. Grey's Anatomy perdeu uma pessoa querida neste ano: Justin Chambers, mas o seu Alex Karev não morreu. O pediatra teve um final feliz, em uma fazenda no interior dos EUA ao lado grande amor de sua vida.

A 16ª temporada de Grey's Anatomy é exibida no Brasil pelo Sony Channel. Por enquanto, a série está em um hiato e volta com episódios inéditos no próximo dia 12. Na Netflix, estão disponíveis as 15 primeiras temporadas.

Leia também

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site. Também não serão aceitos comentários com links e propaganda de produtos, serviços e dietas.

Enquete

Na casa de que famoso você passaria a quarentena?

Últimas notícias

Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook