Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

GHOST

Como Power criou um universo próprio com quatro séries derivadas de uma vez

DIVULGAÇÃO/STARZ

Dentro de um tribunal, Method Man e Michael Rainey Jr. conversam durante a estreia de Power Book 2: Ghost

O ator Method Man com Michael Rainey Jr. em cena do primeiro episódio de Power Book 2: Ghost

JOÃO DA PAZ

Publicado em 16/9/2020 - 7h00

Encerrado em fevereiro após seis temporadas, o drama Power (2014-2020) copiou uma lição das produções de heróis, do cinema e da TV, e criou um universo próprio com a encomenda de quatro séries. A decisão inédita de anunciar todos esses projetos de uma só vez, usando personagens de peso como gancho, comprova a força da trama.

O modus operandi em Hollywood é uma atração popular, como NCIS, expandir sua presença aos poucos, série por série (atualmente a franquia tem três debaixo do guarda-chuva). A agressividade sem precedentes de Power mostra que o canal americano Starz confia no público fiel e na caneta da produtora Courtney Kemp, mentora de toda a saga. O primeiro dos filhotes já está no ar.

[Atenção: spoilers a seguir]

Com novos episódios disponíveis sempre aos domingos no streaming Starzplay, Power Book 2: Ghost segue colada aos eventos da série mãe. Após a morte do empresário da noite e político James St. Patrick, conhecido como o temido traficante de drogas Ghost, a família do criminoso tenta se manter de pé, sustentada no filho mais velho, Tariq (Michael Rainey Jr.), e na matriarca, Tasha (Naturi Naughton).

Tariq é o protagonista de Ghost, série que leva o nome do personagem morto. O título é de propósito, pois é como se o pai o atormentasse igual a um fantasma (ghost, em inglês), influenciando cada decisão que ele toma. O jovem entra na universidade, tem a missão de ficar longe do caminho errado e terminar o curso superior, para assim ter direito à fortuna deixada por James.

Esse spin-off é bem fincado em Power para fazer uma transição mais suave, resgatando personagens conhecidos do público. Mas ele também avança com a indrodução de novas caras, como uma família gângster chefiada pela durona Monet Tejada, vivida por Mary J. Blige. O elenco de Ghost 2 ainda conta com Method Man, na pele do advogado de Tariq, e Paige Hurd (a Tasha de Todo Mundo Odeia o Chris), vivendo uma colega universitária do jovem.

reprodução/instagram

Curtis Jackson, o 50 Cent, faz pose durante a gravação da série Power Book 3: Raising Kanan


De nostalgia a política

Em entrevista para o site da Entertainment Weekly, a criadora Courtney Kemp confessou que se inspirou no Universo Cinematográfico da Marvel para desenvolver o próprio mundo. A editora que pertence à Disney promove uma conexão extensa entre filmes e séries que usam vários personagens e histórias ligadas, replicando no cinema e na TV uma prática comum dos quadrinhos.

Courtney investe em séries diversificadas em sua criação, apostando em tramas ambientadas no passado ou que entram a fundo no mundo da política.

Em processo de gravação, Power Book 3: Raising Kanan vai acompanhar a trajetória inicial do jovem Kanan (interpretado por Curtis Jackson, o 50 Cent), que foi parceiro e mentor de Ghost em seus primeiros passos no mundo do crime. A pegada dessa série tende a ser mais transgressora por causa disso, com muitas drogas e polícia na Nova York do anos 1990.

O valente Tommy Eagan (Joseph Sikora), que foi de parceiro leal a inimigo de Ghost, será o protagonista do terceiro filhote, intitulado de Force. Depois da morte de James, Tommy foi parar em Los Angeles, absolutamente sem ninguém ao seu lado. Quem era importante para ele ou morreu ou o traiu. Esse projeto é o que apresentará mais novidades e promete ser o mais diferente da matriz.

E em Power Book 5: Influence, o tema será política. O ponto de partida é a campanha para governador de Nova York do maquiavélico Rashad Tate (Larenz Tate), ele que foi um inimigo ferrenho da versão civil de James St. Patrick. Rashad sabia que aquele cara que se comportava como um empresário do bem era um bandido perigoso. Aqui, Power entra com mais afã naquela busca pelo poder que chega com o voto da população.

Todas essas séries serão disponibilizadas no Brasil pelo Starzplay. Com o terceiro episódio a ser lançado no próximo domingo, Power Book 2: Ghost terá uma primeira temporada com dez capítulos. Power Book 3: Raising Kanan está programada para estrear no começo do ano que vem.

Leia também


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

Quem deve ser a nova Juma Marruá?