Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
X
Instagram
Youtube
TikTok

FOGO NO REININHO

Reis: Com Faustão longe da coroa, Record quer trono da Globo fora de São Paulo

BLAD MENEGHEL/RECORD

A atriz Silvia Pfeifer com cara de poucos amigos e caracterizada como Anainér em cena de Reis

Anainér (Silvia Pfeifer) em Reis; rainha dos filisteus é uma das vilãs da novela bíblica inédita

DANIEL FARAD e GABRIEL VAQUER

vilela@noticiasdatv.com

Publicado em 10/2/2022 - 6h45

A Record respira aliviada a menos de duas semanas do primeiro capítulo de Reis, que tem estreia prevista para o próximo dia 22. Se mantém como vice-líder mesmo com a audiência de A Bíblia abaixo dos patamares de Gênesis (2021) e já não considera Fausto Silva como uma ameaça. A briga com a Globo pelo primeiro lugar, porém, vai se dar fora do eixo Rio-São Paulo.

Segundo fontes do Notícias da TV, a emissora se planeja para aumentar ainda mais a presença nas praças em que já apresenta bons resultados. Uma delas é Salvador, em que o Balanço Geral Bahia lidera com frequência e com relativa folga.

A capital baiana, inclusive, foi uma das "fortalezas" da rede de Edir Macedo durante a estreia de Faustão na Band, em 17 de janeiro. O apresentador conseguiu melhorar os índices, com 4,0 pontos, mas não chegou nem perto de ameaçar a reapresentação dos folhetins bíblicos –com 10,0.

A Record até respondeu às provocações da concorrente ao dizer no mercado publicitário que a nova atração do comunicador foi "fogo de palha". O marido de Luciana Cardoso inegavelmente levantou o horário nobre da emissora do Morumbi, mas não o suficiente para brigar diariamente pelo topo.

Vitória, Belém e Manaus também estão entre as capitais em que Reis pode ter um desempenho melhor do que o esperado e até chegar, eventualmente, à primeira posição. Com uma porcentagem considerável de evangélicos, as cidades vão receber uma atenção especial durante o lançamento.

A trama, internamente, é bem avaliada pelos executivos, que esperam recuperar ao menos parte do espaço que perderam com o fim de Gênesis. A guerra pelo trono em São Paulo, porém, é muito mais complexa do que nas outras metrópoles.

Apesar de passar por uma crise no horário nobre, a Globo ainda mantém uma margem de vantagem que obrigaria a Record a dobrar os números de sua principal novela para encostar no ibope.

Procurada, a Record não respondeu até o fechamento desta reportagem.

O ator Fernando Pavão caracterizado como Elcana em Reis

Elcana (Fernando Pavão) em Reis

Cenário favorável

Reis sofreu com atrasos e erros de planejamento, mas será exibida em um cenário muito melhor do que o esperado pelos executivos. A Globo sofre para emplacar Quanto Mais Vida, Melhor! e não vê Um Lugar ao Sol reagir na reta final --mesmo com as estratégias pouco ortodoxas para reverter a fuga do público.

A favor da Record, a rival também foi obrigada a adiar em duas semanas a estreia do remake de Pantanal. Com isso, o folhetim de Lícia Manzo passou a dar novas dores de cabeça, com a perda de ganchos e episódios menores do que o esperado. Há ainda a possibilidade de alongar a produção por mais alguns capítulos por causa do avanço da ômicron.

A Bíblia também começou a reagir, e os índices enfim voltaram para os dois dígitos depois de 11 semanas. A marca coincide com o retorno de Os Dez Mandamentos (2015) ao ar, em uma versão a jato, que aparentemente agradou o público –repetindo o feito na terça (12) com 10,2 pontos.

Em terceiro lugar, o SBT não é visto como uma ameaça, uma vez que ainda se movimenta para lançar Poliana Moça em abril.


Inscreva-se no canal do Notícias da TV no YouTube e assista a vídeos com revelações do que vai acontecer nas novelas.


Resumos Semanais

Novela Reis: Resumo dos próximos capítulos da trama da Record - 27 a 31/5

Segunda, 27/5 (Capítulo 320)
Depois de resolver seu conflito familiar, Roboão inicia a preparação para uma reação ofensiva contra Jeroboão. Desesperada, Maaca aceita uma proposta tentadora. Terça, 28/5 (Capítulo 321)
Com todo o exército de Judá e Benjamin prontos para ... Continue lendo

Mais lidas


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.