Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
X
Instagram
Youtube
TikTok

MOCINHO DESPELADO

O que esperar de Renascer? Remake começa com ataque covarde e cruel

REPRODUÇÃO/TV GLOBO

O ator Humberto Carrão está caracterizado como José Inocêncio em cena que ele finca um facão no chão no remake de Renascer

José Inocêncio (Humberto Carrão) fincará facão aos pés de jequitibá-rei no remake de Renascer

MÁRCIA PEREIRA, colunista

marcia@noticiadastv.com

Publicado em 20/1/2024 - 21h00

O ponto de partida de Renascer é a chegada de José Inocêncio (Humberto Carrão/Marcos Palmeira) às terras onde ele fincará seu facão, sofrerá uma emboscada sangrenta e selará seu destino como o forasteiro que driblará a praga que assola as plantações de cacau. Após quase morrer nas primeiras cenas do remake da Globo, ele vai dar a volta por cima e rir de seus adversários coronéis.

O andarilho encarará o cenário adverso e decadente no Sul da Bahia nos anos 1990 na primeira fase da novela, que durará duas semanas. Ele se tornará o maior cacauicultor daquelas bandas, enquanto coronéis, verdadeiras cobras criadas, perderão tudo por causa de um fungo chamado vassoura-de-bruxa.

No remake, em vez de medir força contra a natureza, José Inocêncio se alia a ela, traindo suas convicções e ideais. Todos os coronéis vão rir da forma como o fanfarrão vai trabalhar.

Mas, enquanto os inimigos de José Inocêncio culparão o fungo pelo quadro trágico que se instaura na região cacauzeira, José Inocêncio dará duro de sol a sol com seus aliados, os tratando como colegas e não como peões miseráveis, diferentemente dos coronéis. 

Na estreia, no ar nesta segunda-feira (22), o público verá o jovem José Inocêncio perambular pelas tantas roças abandonadas até se deparar com um enorme pé de jequitibá. Diante da imponência da árvore, ele tomará a decisão que mudará sua vida.

"Aqui eu vou plantar o meu reino", dirá. Para sacramentar a promessa, ele cravará o facão até o cabo aos pés do jequitibá-rei. O gesto será solene, tendo somente a mata e os pássaros como testemunha.

"Enquanto o meu facão estiver aqui, fincado aos seus pés, nem eu nem você haveremos de morrer... Nem de morte matada... Nem de morte morrida!', disparará o mocinho na interpretação de Humberto Carrão. A frase é icônica, muitas pessoas que assistiram à versão original do folhetim em 1993 se lembra dessa cena.

De acordo com Bruno Luperi, autor que adapta a história criada por seu avô, Benedito Ruy Barbosa, o vento soprará como se a árvore aceitasse a alma de José Inocêncio como uma oferenda. "Essa é a saga do José Inocêncio, chegando à Bahia, se estabelecendo num contexto, criando seus filhos com dificuldades, essa é a história que vai ser contada", diz o roteirista, que afirma que sua função é atualizar a história, não recriá-la.

Não será tão fácil para José Inocêncio virar dono daquela terra. Ele sofrerá uma emboscada logo em seguida. Capangas do coronel Firmino (Enrique Diaz) vão despelar o protagonista. Eles farão um talho na lombar dele e o deixarão dependurado em uma árvore na frente do jequitibá-rei.

O comerciante Rachid (Gabriel Sater/Almir Sater), uma alma nobre e generosa, vai encontrar José Inocêncio nesse estado desesperador e se apavorará. O mocinho implorará para ser morto, de tanta dor que estará sentindo. Com um litro de cachaça, o ambulante vai esterilizar mãos, agulhas e linhas. Ele costurará a vítima com a própria pele antes de voltar a cair no mundo. 

"Já tinha visto muitas cenas, é uma novela icônica. Quando vi, eu fiquei maluco, eu tive certeza que eu queria fazer. É tudo muito lindo, misterioso, poderoso, intenso mesmo. José Inocêncio realmente é o máximo", resume Humberto Carrão, que passará o bastão para Marcos Palmeira no 13º capítulo.


Inscreva-se no canal do Notícias da TV no YouTube e assista a vídeos com revelações do que vai acontecer em Renascer e outras novelas:


Resumos Semanais

Renascer: Resumo dos capítulos da novela da Globo - 18 a 27/4

Quinta, 18/4 (Capítulo 76)
Sandra, João Pedro e Augusto enfrentam Egídio. José Inocêncio celebra a gravidez de Buba. Inácia critica a atitude de João Pedro e Augusto por terem ameaçado Egídio. José Inocêncio orienta Venâncio em como agir com Eliana, ... Continue lendo

Mais lidas


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.