Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
X
Instagram
Youtube
TikTok

SOFRIMENTO

Em Renascer, Buba explica rompimento com pais por ser trans: 'Matei o filho deles'

FOTOS: REPRODUÇÃO/TV GLOBO

Gabriela Medeiros em cena como Buba na novela Renascer

Buba (Gabriela Medeiros) em cena de Renascer; psicóloga sofrerá ao falar sobre sua família

DÉBORA LIMA

debora@noticiasdatv.com

Publicado em 29/3/2024 - 9h26

Buba (Gabriela Medeiros) não conterá a emoção ao falar sobre sua vida antes da transição de gênero em Renascer. A psicóloga desabafará com Teca (Lívia Silva) e explicará que foi expulsa de casa pelos pais. "Para a Buba nascer, eu matei o filho deles", sofrerá a mocinha na novela das nove da Globo.

Nos próximos capítulos, a amada de Venâncio (Rodrigo Simas) trará à tona lembranças do passado. Ela mexerá numa caixa cheia de fotos e objetos pessoais da infância e adolescência.

A jovem cairá no choro ao olhar as imagens da família. Teca, então, aparecerá no quarto e encherá a protetora de perguntas sobre as pessoas das fotos.

"Eram meus pais. Não, eles não estão mortos... Mas eu estou morta pra eles", soltará a mocinha, muito emotiva. "Para a Buba nascer, eu matei o filho deles", completará ela, citando uma fala dos genitores.

A desempregada ainda contará que o pai a escorraçou de casa e que não teve mais contato com a família desde que fez a transição de gênero. Teca consolará a amiga na cena.

Outros detalhes do passado de Buba aparecerão na história com a chegada de Galba Gogoia, Bianca Dellafancy e Gabriela Loran --que interpretarão Natasha, Janaína e Maitê na trama.

No capítulo previsto para ir ao ar em 12 de abril, as amigas de Buba decidirão organizar uma festa surpresa para ela. Teca logo embarcará na ideia e ajudará no preparo do evento.

Só que Venâncio ficará visivelmente incomodado com a presença das amigas da namorada. A psicóloga se entristecerá com o climão e mal aproveitará a festa.

Livia Silva abraça Gabriela Medeiros

Buba é acolhida por Teca em cena da novela

Buba de Renascer é trans na vida real?

Assim como a personagem da novela da Globo, Gabriela Medeiros é uma mulher transexual. Aos 22 anos, a atriz faz sua estreia nos folhetins já com uma missão importante e cheia de representatividade.

A paulistana também é desenhista, poeta e gosta de fotografar pessoas. Ela começou a fazer Teatro aos 14 anos, mas parou com as aulas na época do vestibular. Cursou Psicologia --mesmo curso de Buba na adaptação de Bruno Luperi-- e trabalhou durante um tempo no mercado financeiro.

Só que a paixão pelas artes falou mais alto, e ela decidiu largar tudo para se dedicar à atuação. Gabriela também está no elenco de Vicky e a Musa, série do Globoplay na qual vive Daniela.

O remake de Renascer decidiu mudar a identidade de gênero de Buba, já que na primeira versão da trama ela era chamada de hermafrodita --termo pejorativo para designar pessoas intersexo, aquelas que nascem com características físicas, genéticas ou hormonais que não se enquadram nas definições biológicas binárias masculinas e femininas.

Renascer foi escrita e criada pelo autor Benedito Ruy Barbosa. A primeira versão foi ao ar na Globo em 1993. Bruno Luperi é neto do novelista e responsável pela adaptação da saga rural que estreou no horário nobre em janeiro. O remake deve ser substituído por uma nova trama de João Emanuel Carneiro em setembro.


Inscreva-se no canal do Notícias da TV no YouTube e assista a vídeos com revelações do que vai acontecer em Renascer e outras novelas.


Resumos Semanais

Resumo de Renascer: Capítulos da semana da novela da Globo - 20 a 29/6

Quinta, 20/6 (Capítulo 130)
Buba não gosta da reação de José Inocêncio. Damião ameaça Du ao ver o rapaz prestes a ferir Pitoco. José Inocêncio exige que Du escolha se fugirá ou permanecerá na fazenda com Teca e a criança. ... Continue lendo

Mais lidas


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.