Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

SAIBA COMO USAR

Conheça o Amazon Prime Channels, a nova TV por assinatura disponível no Brasil

DIVULGAÇÃO/HULU

Encostada em uma janela com uma cortina cobrindo a luz do sol, Elizabeth Moss se esconde em The Handmaid's Tale

A atriz Elisabeth Moss em The Handmaid's Tale, série vencedora do Emmy que pode ser vista no Prime Video

JOÃO DA PAZ

Publicado em 2/9/2020 - 13h12

Disponível no Brasil, o Amazon Prime Video Channels é um serviço que oferece aos usuários do Prime Video a possibilidade de assinar outros streamings dentro da própria plataforma. O lançamento, feito nesta quinta (2), conta com cinco opções: Starzplay, MGM, Looke, Paramount+ e Noggin. Os preços variam de R$ 19,90 a R$ 9,50 por mês.

É a nova TV por assinatura. O Amazon Prime Video Channels repete o que ocorre em território norte-americano. Por lá, até produções da HBO podem ser vistas pelo Prime Video, o que por enquanto não é possível para o cliente brasileiro.

Juntar streamings diferentes em uma única plataforma facilita a vida do usuário, pois com um único acesso (login) ele tem como assistir as mais sortidas atrações. As assinaturas são simples de serem feitas, bastam três cliques usando o aplicativo do próprio Prime Video. Logo na primeira página aparece um link ao Channels, para o cliente navegar e montar o pacote que quiser. Há testes gratuitos durante sete dias.

Assim, o Prime Video aumenta o volume de produções disponíveis. Como The Handmaid's Tale, que pode ser vista usando o Paramount+ (R$ 19,90/mês). O serviço da ViacomCBS ainda oferece a série sensação Yellowstone e a comédia Schitt's Creek (2015-2020), indicada ao Emmy. Em um catálogo com mais de 2 mil títulos ainda constam o drama For Life, a inédita e divertida Pen15, filmes da Paramount Pictures e atrações da MTV (como De Férias com o Ex).

O Starzplay (R$14,90/mês) tem feito uma campanha para chegar ao maior número de pessoas possíveis. A plataforma entra no Prime Video após fechar uma parceria com a operadora Claro. Séries do nível de The Great, The Act (2019), P-Valley, Normal People (2020), Power (2014-2020), Vida (2018-2020), The Girlfriend Experience ficam à disposição do assinante.

O inédito MGM (R$ 14,90) traz os clássicos do cinema feitos pelo estúdio tradicional de Hollywood (aquele que coloca um leão rugindo antes da trama começar). O conteúdo é imenso e vai desde Legalmente Loira (2001) a Mississippi em Chamas (1988), passando por O Silêncio dos Inocentes (1991) e Rocky: Um Lutador (1976).

Outra novidade é o Noggin (R$ 9,50/mês), com atrações infantis do Nick Jr., que vão de Dora, a Aventureira a Os Anjinhos. O streaming brasileiro Looke (R$ 16,90/mês) completa o quinteto, com um vasto catálogo com cerca de 6 mil títulos.

O Amazon Prime Video Channels traz um serviço similar ao que o Globoplay lançou nesta semana. A plataforma passa a oferecer aos assinantes canais da Globosat, a maior programadora da TV paga no Brasil. Com uma assinatura de R$ 49,90/mês, o usuário poderá assistir ao conteúdo de canais como Multishow, SporTV e GNT. Chamado de Globoplay + Canais Ao Vivo, esse produto já está disponível. 

Leia também


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

O que você achou do Disney+?