Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

O Cravo e a Rosa: Edmundo cai em armadilha e leva culpa por tragédia

REDAÇÃO

redacao@noticiasdatv.com

Publicado em 1/7/2022 - 18h05

Leia a seguir a transcrição do vídeo de O Cravo e a Rosa. Nos próximos capítulos da novela, Joana vai ficar entre a vida e a morte:

Aliada de bandidos, Berenice vai causar uma tragédia em O Cravo e a Rosa. A lavadeira vai planejar um assalto à casa de Joana, crente de que poderia encontrar as apólices de Catarina e nadar em dinheiro. Mas o plano dará errado, e os criminosos darão um tiro na cabeça da mulher pobre. Dá o play pra saber mais detalhes sobre os próximos capítulos da novela da Globo. E não se esqueça de já deixar seu joinha e se inscrever no canal!

A vizinha de Fátima já mostrou que não tem escrúpulos para ganhar um dinheirinho. Ela já chegou a espionar a própria "amiga" pra faturar um trocado de Marcela. Convicta de que foi Joana a responsável pelo roubo da herança de Catarina, ela vai colocar a própria vida em risco ao correr atrás de mercenários.

Os homens serão tão ruins que até se aproveitarão de Edmundo. O professor, que estará morando nas ruas após uma armação de Marcela, ficará tão desesperado para comer que topará participar do plano suspeito. Ele, no entanto, não saberá se tratar de um assalto. 

O amado de Bianca só vai descobrir no que terá se metido quando for tarde demais. Pra piorar, ele não fará ideia de que só foi convidado pelos homens para assumir a culpa pelo crime. O objetivo dos bandidos será entregá-lo à polícia e fugir com a grana. O intelectual até vai acabar na cadeia, mas o principal motivo do assalto irá por água abaixo. 

Joana, afinal, não roubou as apólices da enteada. Por isso, os criminosos vão revirar a casa, destruirão os móveis e até arrombarão as paredes, mas não vão encontrar absolutamente nada. Isso tudo, aliás, com Joana, Fátima, Jorginho e até Batista na casa. 

A família inteira será feita refém. Desesperados, eles vão implorar por suas vidas e jurarão não terem dinheiro, mas não vai adiantar nada. Os homens só ficarão mais furiosos com o falatório. Um dos bandidos, então, furioso com o fracasso, vai decidir dar cabo das quatro vítimas. 

Edmundo até vai acabar entrando no assalto, mas não conseguirá matar. O professor vai se colocar diante das crianças, mas não conseguirá salvar a lavadeira --que levará um tiro na cabeça. Catarina e Petruchio ouvirão o disparo de longe. Eles estarão a caminho da residência para visitar a família pobre, mas se surpreenderão com o barulho alguns metros antes de chegarem.

O desespero da feminista será com os irmãos. Quando o fazendeiro invadir a casa, os bandidos já terão fugido pelos fundos. Mas o caos vai se instaurar quando todos perceberem que Joana está muito mal. Ela vai ficar pálida, com a voz por um fio, os olhos trêmulos.

"Ajuda! A Joana levou um tiro, está sangrando e precisa de ajuda", vai implorar o banqueiro. Petruchio terá de certeza que a mulher morreu. A feminista, então, gritará com os parentes e vai ordenar que a levem para o hospital. Ao menos, o berreiro do homem chamará a atenção da vizinhança. Os moradores ajudarão a mulher, que será encaminhada ao hospital. 

A lavadeira fará uma cirurgia e conseguirá sobreviver ao atentado para felicidade de seu "periquito". Já Edmundo vai passar um bom tempo na cadeia. Ao menos, com a ajuda de Bianca, ele vai conseguir ser inocentado no tribunal. Que sufoco, né? Fique ligadinho aqui no Notícias da TV para não perder nenhum detalhe de O Cravo e a Rosa. Até a próxima, tchau! 


Assista também

Web Stories

+
Jesuita Barbosa tem namorado? Ator de Pantanal vive relacionamento sem rótulosResumo de Além da Ilusão: Matias cai em armadilha e confessa ter matado ElisaJô Soares morre aos 84 anos: Artista fez história em Globo, SBT e RecordDeborah Secco traiu todos os namorados: Com quem ela já ficou? Saiba tudo!Tragédia em Pantanal: Filho de Tenório morre nas mãos de capanga do pai; saiba mais

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas