Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

DECISÃO PROFISSIONAL

Marcos Mion rompe contrato com a Netflix pela Globo: 'Humanamente impossível'

REPRODUÇÃO/GLOBOPLAY

Imagem de Marcos Mion no Caldeirão

Marcos Mion no Caldeirão; apresentador rompeu contrato com a Netflix para seguir na Globo

REDAÇÃO

redacao@noticiasdatv.com

Publicado em 8/11/2021 - 18h14
Atualizado em 8/11/2021 - 18h30

Efetivado na grade da Globo para 2022, Marcos Mion decidiu romper o seu contrato com a Netflix. Nesta segunda-feira (8), o apresentador afirmou que seria "humanamente impossível" conciliar o trabalho nas duas empresas com o mesmo empenho.

"Com o convite para estar à frente das tardes de sábado da Globo em 2022, tornou-se inevitável reconsiderar alguns compromissos assumidos, pois seria humanamente impossível cumprir todos eles com o envolvimento, a energia e a qualidade que invisto em tudo o que faço. Além de preservar minha saúde. Foi com essa honestidade que procurei a Netflix para revermos o que tínhamos acertado", disse Mion em nota enviada à imprensa.

"O convite e os projetos com a Netflix pontuaram um momento importante da minha trajetória e significaram muito para mim. Porém, precisei ouvir meu coração e tomar a decisão de me entregar por completo a um sonho da vida inteira que, finalmente, está acontecendo. À Netflix agradeço imensamente a parceria e a compreensão. Estendo meu agradecimento a cada um dos profissionais que conheci na Netflix, entre os melhores que já vi", complementou o contratado da Globo.

"Existe uma única condição que imponho a mim mesmo diante de todo e qualquer projeto em que eu esteja: entrar por inteiro, de corpo e alma, com dedicação extrema. É uma característica pessoal e um dever meu com o público que me acompanha há tantos anos", justificou Mion sobre a decisão.

Procurada pela Notícias da TV, a Netflix confirmou o desligamento de Mion. "Por conta de seus novos compromissos profissionais e consequente incompatibilidade de agenda, o apresentador Marcos Mion não seguirá com seus projetos na Netflix. Desejamos muito sucesso em sua nova empreitada", afirmou a plataforma de streaming.

Futuro na Globo

Além do Caldeirão, o apresentador comandará o Túnel do Amor, novo reality show do Multishow, com estreia prevista para a segunda quinzena de abril. A atração segue a linha dos programas de pegação da MTV, como o De Férias Com o Ex e o Rio Shore.

No reality, 20 amigos serão convocados e ficarão em duas casas, que são separadas apenas por um túnel escuro. Caso alguém se apaixone por outra pessoa, os encontros só podem ocorrer neste local. Não existem limites para quem quiser se apaixonar por pessoas da mesma casa ou vice-versa. A ideia é causar discórdia pelo sentimento mais nobre que existe.

O objetivo do Multishow com o novo formato é segurar a audiência conquistada com os desdobramentos do Big Brother Brasil, exibido no primeiro trimestre do ano. Além de flashes ao vivo do reality, o canal fechado produz conteúdos inéditos sobre a casa mais vigiada do país e entrevistas com os eliminados.

E a Netflix?

Mion foi contratado pela gigante do streaming após a sua demissão da Record. Na plataforma, ele atuaria no núcleo nacional de produtos de não-ficção. Entre os projetos cotados para o ex-titular de A Fazenda estava a nova temporada do The Circle Brasil.

Além disso, um documentário sobre autismo também estava nos planos, tendo em vista que a temática é defendida pelo apresentador por causa do filho, Romeu, que tem o transtorno do espectro autista.


Leia também

Enquete

Qual a melhor novela no ar atualmente?

Mais lidas


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.