Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

REJEITADA NO BBB21

Globo grava série sobre Karol Conká, e família promete não passar pano

REPRODUÇÃO/TV GLOBO

A cantora e participante do BBB21 Karol Conká em entrevista ao Fantástico em 28 de fevereiro

Karol Conká em entrevista ao Fantástico em 28 de fevereiro; cantora estrelará série documental

REDAÇÃO

redacao@noticiasdatv.com

Publicado em 30/3/2021 - 8h43

Entrevistados para a série documental do Globoplay sobre Karol Conká, familiares e amigos da cantora prometem não passar pano para a recordista de rejeição da história do Big Brother Brasil. A artista foi eliminada do BBB21 com 99,17% dos votos e passou por uma sabatina em vários programas da Globo, na tentativa de aliviar um pouco a imagem negativa que construiu no reality.

De acordo com a coluna de Patrícia Kogut, do jornal O Globo, uma equipe do serviço de streaming da Globo já foi até Curitiba (PR) entrevistar família, amigos e ex-colegas de Karol para a série documental sobre a vida dela. A expectativa da produção é que ninguém faça vista grossa para os problemas da dona do hit Tombei. 

Após a passagem polêmica pelo Big Brother Brasil 21, a curitibina de 34 anos adotou uma estratégia para lutar contra o cancelamento: assumir os erros, pedir desculpas e seguir a orientação dos assessores. No reality, Karol marcou presença ao perseguir e humilhar Lucas Penteado e brigar com Carla Diaz por ciúme de Arcrebiano Araújo --seu crush na casa.

As filmagens para a série já começaram, conforme contou Fabiana Bruno, CEO da Suba, a agência especialista em marketing de influência, que tem orientado a rapper no processo de recuperação de sua imagem.

"Têm sido dias intensos de filmagens, e o time da Globo tem explorado diversas facetas da Karol, desde sua história de vida antes do BBB até como está acontecendo esse processo e esse enfrentamento dela com todas as questões que a fizeram ter os comportamentos que teve dentro da casa --revelou Fabiana em entrevista ao jornal O Globo no dia 21.

Entrevistas

A atriz esteve no palco do Domingão do Faustão e foi entrevistada pelo Fantástico após deixar o confinamento. Ela pediu desculpas pelas atitudes cometidas na casa. "Fiquei mergulhada na soberba", pontuou a artista.

"Falei: 'Cara, devo ter causado muito choque com as minhas atitudes'. Pensei isso na hora [que fui eliminada]", contou Karol para a repórter Ana Carolina Raimundi. "Muita gente questiona: 'Nossa, a Karol não chora, parece que não se arrependeu'. Você é sempre assim?", perguntou a jornalista.

"Sempre, toda vida. Fui ficar assim com 13, 14 anos, quando o meu pai morreu. Consegui fazer uma [blindagem], eu sou isso. Estou achando péssimo estar chorando agora, já vou cessar. Não pode cair [a lágrima]", respondeu a cantora emocionada enquanto segurava o choro.

Questionada pela repórter sobre os motivos para controlar a emoção, Karol disse: "Tenho que estar sempre forte, vi a minha mãe fazendo muito tempo isso ou porque a fraqueza está ligada à vulnerabilidade, mas não consigo me sentir forte vendo o que fiz na casa. Depois que a gente sai e vê as imagens, elas são muito pertubadoras".

Após brincar que seria a vilã do reality, Karol voltou atrás e confessou: "Não me sinto uma vilã. Sinto que sou uma pessoa que cometeu erros, que teve um deslize e ficou achando que aguentaria. A única coisa que tenho a dizer é pedir perdão para todo o Brasil mesmo. Realmente, não sou essa pessoa aqui fora".

A cantora também afirmou que existem muitas notícias falsas em relação à sua carreira após o reality. "Tem coisas que nao fazem sentido do que está rolando na internet", destacou.


Leia também

Web Stories

+
De vício em games a indicação ao Emmy: Como estão os atores de A ViagemVômito, narrador ridículo e ‘xerecada’: Cinco momentos engraçados das OlimpíadasBárbara, Kelvin e Medina: Atletas brasileiros se envolvem em tretas nas OlimpíadasAna ou Manuela? Saiba quem fica com Rodrigo no final de A Vida da GenteComo Rayssa Leal e Douglas Souza: Cinco atletas das Olimpíadas que você deve seguir

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

Qual a melhor cobertura dos Jogos Olímpicos de Tóquio?