Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

MUDANÇAS

Disney demite seis repórteres em reformulação do Fox Sports; veja nomes

REPRODUÇÃO/FOX SPORTS

Fernando Caetano, ex-repórter do grupo Disney, em reportagem

Fernando Caetano durante reportagem; ele e outros cinco profissionais foram dispensados do Fox Sports

REDAÇÃO

redacao@noticiasdatv.com

Publicado em 3/12/2020 - 17h28
Atualizado em 3/12/2020 - 18h08

A Disney deu continuidade ao processo de reformulação em seus dois canais esportivos, ESPN e Fox Sports. Como parte da análise de 50 contratos de talentos que vencem neste mês, a gigante de comunicação dispensou seis repórteres, entre eles Fernando Caetano, um dos profissionais mais experientes, mas acertou a permanência de cinco jornalistas.

A informação foi divulgada inicialmente pelo UOL Esporte e confirmada pelo Notícias da TV com a Disney. Além de Caetano, também foram demitidos Bruna Carvalho, Álvaro Loureiro, Flávio Winick, Flávio Amendola e André Cavalcante.

Caetano é o nome mais conhecido entre os profissionais que não tiveram seus contratos renovados e estava no canal desde a sua estreia no Brasil, em 2012. Ele era setorista dos principais clubes da capital paulista e ontem (2) esteve na transmissão de Palmeiras 5 x 0 Delfín, junto de Nivaldo Prieto, Edmundo e Carlos Simon. No ano passado, o comunicador foi responsável pelas reportagens da final da Libertadores, disputada entre Flamengo e River Plate, no Peru.

Em contrapartida, a Disney renovou o vínculo de outros cinco jornalistas: os repórteres Gustavo Berton e Vinícius Nicoletti, o comentarista Felippe Facincani, o apresentador William Tavares e o narrador Fernando Nardini. Os dois últimos são dos canais ESPN.

Haverá mais mudanças nos próximos dias. As situações estão sendo analisadas individualmente e as condições para renovar os contratos variam de acordo com cada profissional.

Em comunicado, a gigante de comunicação explicou que  o "pilar de esportes está passando por um processo de transformação para oferecer um conteúdo ainda mais variado e qualificado para a audiência do Brasil" e reforçou que o momento atual é de reformulação.

Renovações

Na lista dos nomes que vão renovar seus contratos devem estar Mauro Cezar Pereira e Benjamin Back, dois dos jornalistas que mais dão audiência para a empresa.

Polêmico e com opiniões contundentes, o comentarista participa das transmissões de jogos da Premier League e de programas de debate como o Linha de Passe. Além disso, também passou a comentar partidas da Libertadores e a fazer parte de atrações do Fox Sports. Nas redes sociais, Mauro Cezar soma quase 2 milhões de fãs, considerando Twitter, YouTube, Instagram e Facebook.

O que pode dificultar as negociações com as duas de suas principais estrelas são as condições impostas pela Disney. Em alguns casos, haverá a proposta de redução de 20% a 40% nos vencimentos e, além disso, os jornalistas terão de aceitar trabalhar com exclusividade para a empresa do Mickey, sendo impedidos de terem blogs em outras empresas e até mesmo canais no YouTube.

Mauro Cezar é colunista do UOL e de dois jornais, além de manter um canal no YouTube e participar de lives; já Benjamin Back fechou recentemente com a emissora de Silvio Santos, onde comanda o Arena SBT.

Fusão

Depois de permitir a fusão da ESPN com o Fox Sports, em maio, o Cade (Conselho Administrativo de Defesa Econômica) impôs como condição para a Disney manter na grade ao menos o Fox Sports 1, com o padrão atual de qualidade, incluindo programas ao vivo e a transmissão dos jogos da Copa Libertadores da América, até 1º de janeiro de 2022.

Depois dessa data, a marca Fox Sports deixará de existir no Brasil ou poderá ser comprada por qualquer outro grupo ou investidor que se interesse.

Para cumprir as condições do órgão governamental, nos últimos seis meses, a empresa do Mickey passou a compartilhar os direitos entre os dois canais e fazer intercâmbio de profissionais, como narradores, apresentadores e comentaristas. 


Leia também


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

Qual reality show você acompanhará após o fim do BBB21?