DOMINGO SHOW

Como programa da Globo fez Ceará mudar de ares e ser contratado pela Record

LUCAS MENEZES/RECORD

Wellington Muniz, o Ceará, ao lado de Sabrina Sato no estúdio do Domingo Show

Wellington Muniz, o Ceará, ao lado de Sabrina Sato; ele foi contratado para cantar no Domingo Show

GABRIEL PERLINE - Publicado em 15/03/2020, às 05h25

A participação no Show dos Famosos, reality show do Domingão do Faustão, despertou em Wellington Muniz, o Ceará, a vontade de mudar de ares na carreira artística. Após 30 anos trabalhando com humor e imitações, ele se descobriu cantor. Montou uma banda e viajou o país em turnê. E agora foi contratado pela Record para cantar todas as semanas no Domingo Show, apresentado por Sabrina Sato.

Ceará fará parte do Cantada, quadro de namoro que estreia neste domingo (15). Em vez de surgir na pele de algum personagem e fazer esquete de humor com seu catálogo de personagens, ele aparecerá de cara limpa e cantando, sem mesmo apelar para suas famosas imitações.

"Tinha acabado de participar do reality e veio o convite da Record. Foi na hora certa. Pra mim é uma honra fazer parte deste projeto. A gente tem que estar sempre em movimento. Sou muito inquieto e faço coisas diferentes. Decidi nesse momento da minha vida fazer algo diferente com a minha banda. Não vou deixar de fazer humor, mas quero um dia apresentar um programa. Gosto de trabalhar, me apresentar. São mais de 30 anos vivendo disso", disse ao Notícias da TV.

No reality, cinco participantes disputarão provas de cantoria para conquistar o coração de um único pretendente. A cada rodada, os chamados "encantadores" terão que cantar uma música para convencer o "encantado" de que realmente merece seguir no jogo. E a cada semana, um participante deixa a competição.

Ceará e sua banda irão auxiliar os concorrentes e os ajudarão em suas performances. Em seus 17 anos trabalhando na TV, essa é a primeira vez que ele assina um contrato com uma emissora para se apresentar integralmente de cara limpa e sem ter suas funções atreladas ao humor.

"No ano passado eu montei a banda Ceará Baile Show, logo depois do Show dos Famosos. É um show musical, onde eu canto ao vivo com músicos profissionais. O legal desse show é o conflito e o dilema, porque eu imito esses cantores e essas vozes há mais de 30 anos, só que fazendo humor. E o dilema é: qual é a minha própria voz cantando? E isso eu descubro no palco. E a Sabrina adorou o projeto e me convidou para o programa dela", comentou.

Embora afirme ter recebido convites da Globo para novos trabalhos, ele optou pela Record por considerar a oportunidade como algo fora do comum em sua trajetória, e também por causa de Sabrina Sato, com quem havia trabalhado por dez anos nos tempos do Pânico.

"É uma amizade de quase 20 anos. A Sabrina foi minha madrinha de casamento, nossas famílias são muito próximas. Esse reencontro profissional está sendo muito positivo", comemorou.

Leia também

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site. Também não serão aceitos comentários com links e propaganda de produtos, serviços e dietas.

Enquete

Qual é seu programa favorito gravado na quarentena?

Últimas notícias

Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook