Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

ELISA VEECK

Apresentadora da CNN aparece fazendo coraçãozinho em transmissão de Bolsonaro

REPRODUÇÃO/CNN BRASIL

A jornalista Elisa Veeck, com camisa social branca, aparece fazendo coraçãozinho com a mão no CNN Novo Dia

A jornalista Elisa Veeck aparece fazendo coraçãozinho com a mão no CNN Novo Dia desta quinta (30)

REDAÇÃO

Publicado em 30/4/2020 - 14h04

A jornalista Elisa Veeck apareceu fazendo coraçãozinho com as mãos ao vivo na manhã desta quinta-feira (30) na CNN Brasil, durante um discurso de Jair Bolsonaro. Por um erro no switcher (sala de comando e corte de imagens), a ex-atriz de Chiquititas apareceu no vídeo durante três segundos com o gesto de carinho.

A falha ocorreu durante uma reportagem exibida no CNN Novo Dia, que ela tem apresentado juntamente com Reinaldo Gottino e Taís Lopes de segunda a sexta, das 7h às 10h. O presidente reclamava da decisão do ministro Alexandre de Moraes, do STF (Supremo Tribunal Federal), que suspendeu a nomeação de Alexandre Ramagem para o comando da Polícia Federal.

No meio da fala de Bolsonaro, a imagem foi cortada para o estúdio do telejornal e exibiu Elisa fazendo a declaração de amor com as mãos. Rapidamente, o vídeo do presidente voltou à tela. Ao fim da reportagem, a apresentadora continuou apresentando o jornal como se nada tivesse ocorrido.

Confira a falha:

No Twitter, internautas entenderam o gesto de Elisa tanto como um deboche em relação à fala de Bolsonaro quanto como uma aprovação ao discurso do presidente. Segundo a CNN Brasil, no entanto, a jornalista estava se dirigindo ao editor-chefe do Novo Dia, que havia passado para ela uma orientação sobre posição das câmeras.

Mais falhas

Não é a primeira vez que a CNN Brasil sofre com problemas técnicos. Logo em sua estreia, em 15 de março, ela teve falhas de áudio nos vídeos promocionais do canal de notícias. Com a entrada de Monalisa Perrone e Evaristo Costa ao vivo, o som ficou baixo demais, quase inaudível.

O canal noticioso também enfrentou erros graves de informação. Na primeira semana, por exemplo, a comentarista Basilia Rodrigues teve um lapso e afirmou que Chile e Equador não faziam parte da América do Sul. Depois, nas redes sociais, ela se corrigiu e disse que pretendia dizer que não faziam fronteira com o Brasil.

Em 22 de março, quando completou uma semana no ar, um boletim urgente anunciou que o COI (Comitê Olímpico Internacional) havia adiado os Jogos Olímpicos de Tóquio. A informação era falsa --o órgão apenas estudava mudar a data do evento até então. A confirmação só saiu dois dias depois, na segunda (24).

Leia também


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

Você já tem seu favorito em A Fazenda 12?