Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

A PARTIR DE 8 MIL

Nova linha de TVs OLED LG tem modelos de 48 a 83 polegadas e preço salgado

FOTOS: REPRODUÇÃO/LG

TV OLED de 65 polegadas pendurada na parede com bela imagem na tela

TV Evo, de 65 polegadas; segunda geração da tecnologia OLED tem mais brilho

EDUARDO BONJOCH

edubonjoch@gmail.com

Publicado em 23/6/2021 - 14h36

A tecnologia OLED, que utiliza pixels orgânicos para formar as imagens, continua sendo a maior aposta da LG em 2021. Oito das novas TVs apresentadas pelo fabricante nesta quarta (23) são deste tipo, com telas de 48 a 83 polegadas. Os preços são altos: a partir de 8 mil. Outro lançamento é a linha QNED MiniLED, que traz painel de pontos quânticos com nanopartículas e mais pontos de iluminação para aumentar a variedade de cores e o brilho.

As TVs OLED são diferentes das outras porque dispensam iluminação interna (backlight) para gerar imagens e cada pixel orgânico consegue emitir a própria luz. Por isso, são imbatíveis na reprodução de pretos profundos em cenas escuras.

Com resolução 4K, as novas TVs OLED foram divididas em três séries, com destaque para a G1 Evo, de 65 polegadas. Modelo de segunda geração desta tecnologia, permite atingir até 20% a mais de brilho, segundo o fabricante, resultando em mais cores, profundidade e aproveitamento de conteúdos HDR, já disponíveis nos serviços de streaming.

TV OLED de 48"; desenvolvida para games

Menor tela OLED do mercado, o modelo de 48 polegadas foi desenvolvido para o público gamer. Vem com quatro entradas HDMI 2.1, que seguem o padrão de transmissão de dados 4K dos novos consoles, oferecendo taxa de atualização variável (VRR) e frequência de 120Hz HDR com modo automático de baixa latência (ALLM) e tempo de resposta inferior a 1ms.

Todas estas características, aliadas ao suporte às tecnologias FreeSync, da AMD, e G-Sync, da Nvidia, diminuem travamentos e instabilidades, proporcionando um melhor sincronismo quadro a quadro durante os jogos. Recomendadas pelos próprios gamers, as TVs OLED estão entre as preferidas para quem investiu nos novos consoles PlayStation 5 e Xbox Series X.

Com a linha QNED MiniLED, a LG substituiu os LEDs tradicionais, indispensáveis para a iluminação do painel nesta tecnologia, por um número muito maior de miniLEDs. A inovação, que permite iluminar a tela de forma mais precisa e uniforme para melhorar a qualidade da imagem, foi vista pela primeira vez em maio, quando a Samsung apresentou as TVs Neo QLED para o mercado brasileiro.

Embora a LG também associe os miniLEDs à tecnologia de pontos quânticos para obter cores mais reais, assim como seu principal concorrente, as novas TVs adicionam uma película de nanopartículas sobre o painel, exclusiva das TVs NanoCell. O objetivo é filtrar a luz excedente, controlando as diversas tonalidades de cor.

Para ter acesso à novidade, o preço é bem alto. A linha QNED MiniLED chega com quatro modelos, dois com resolução 4K (65 e 75 polegadas) e dois com definição 8K (75 e 86 polegadas). Os preços sugeridos variam de R$ 18 mil a R$ 35 mil.

Smart Magic; teclas para assistentes de voz 

Controle remoto mudou

O novo controle remoto Smart Magic, que integra grande parte das TVs LG 2021, traz teclas para serviços de streaming e assistentes de voz. O consumidor vai encontrar botões para Netflix, Prime Video, Disney+ e Globoplay, além de acesso direto para Google Assistente e Amazon Alexa, já integrados ao aparelho.

Os televisores também são compatíveis com Apple HomeKit e AirPlay e podem comandar vários produtos de uma casa inteligente. Alguns modelos permitem ainda que o telespectador chame a Alexa sem precisar do controle remoto.


Leia também

Web Stories

+
Vômito, narrador ridículo e ‘xerecada’: Cinco momentos engraçados das OlimpíadasBárbara, Kelvin e Medina: Atletas brasileiros se envolvem em tretas nas OlimpíadasAna ou Manuela? Saiba quem fica com Rodrigo no final de A Vida da GenteComo Rayssa Leal e Douglas Souza: Cinco atletas das Olimpíadas que você deve seguirTraição de Pyong Lee e treta de Nadja Pessoa: Ilha Record promete estreia acalorada

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

Qual a melhor cobertura dos Jogos Olímpicos de Tóquio?