Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

MADE IN CHINA

Conheça três marcas de TVs que estão em alta no mundo, mas você não vê no Brasil

FOTOS: REPRODUÇÃO

TV Xiaomi em sala com visual futurista

TV da marca Xiaomi tem design moderno e preço baixo, mas não é encontrada nas lojas brasileiras

EDUARDO BONJOCH

edubonjoch@gmail.com

Publicado em 29/8/2021 - 6h30

Algumas das marcas de TV mais populares do mundo não são vendidas no Brasil. Na lista, estão a Xiaomi, líder no mercado chinês; a Hisense, que está em vários continentes e reforçou sua participação nos países europeus com o patrocínio da Eurocopa; e a Insignia, que é da rede de lojas Best Buy e está entre as campeãs de vendas no ranking da Amazon nos EUA.

Em comum, estas marcas têm o DNA chinês e a política agressiva de preços, prato cheio para o consumidor que quer gastar pouco e busca recursos básicos na hora de comprar uma TV. Se estivessem no Brasil, certamente, ajudariam a tornar o mercado mais competitivo, provocando uma inevitável queda no custo destes aparelhos.

Além das TVs mais simples, as marcas chinesas também oferecem opções sofisticadas, com resolução 4K, tecnologia de pontos quânticos e até painel OLED, de pixels orgânicos. Em todos os casos, os preços costumam ser inferiores aos dos concorrentes, estimulando uma verdadeira guerra que atrai o consumidor. Veja mais detalhes a seguir:

Xiaomi

Conhecida aqui no Brasil na área de celulares, pulseiras fitness e dispositivos para streaming, a gigante chinesa Xiaomi lançou a primeira Smart TV em 2013. Desde 2019, a empresa lidera as vendas de televisores na China. Ela se tornou uma das marcas mais populares do setor, especialmente nos mercados asiáticos.

Para crescer, a marca adotou a mesma estratégia que tinha dado certo nos celulares: aposta em produtos com design moderno e recursos semelhantes aos dos concorrentes, mas com custo inferior. No ranking da Amazon na Índia, que é atualizado diariamente, as duas Smart TVs mais vendidas são da Xiaomi, com telas de LED de 32 e 43 polegadas.

As TVs rodam o sistema Android TV e aceitam comandos de voz pelo controle remoto compatível com Google Assistente. Contam ainda com Chromecast integrado, que facilita o espelhamento com a tela do celular. A tela maior oferece resolução 4K com tecnologia HDR, que deixa as cores mais vivas e brilhantes.

Nas telas a partir de 55 polegadas, a Xiaomi segue os passos da LG e tem apostado nas TVs OLED, com tecnologia de pixels orgânicos, que é imbatível no contraste. O destaque é o modelo de 77 polegadas (foto acima), com recursos especiais para gamers e certificação da Microsoft para uso com os consoles Xbox Series X e S.

Hisense

Patrocinadora da Eurocopa, a marca chinesa investiu pesado em publicidade durante o evento, que terminou em julho com a vitória da seleção italiana. O objetivo era aumentar a participação no mercado europeu, criando filiais nos principais países e estratégias locais para melhorar as vendas.

Pensando no torneio, a marca lançou a linha de TVs 4K U7 (foto), composta por modelos de LED com painel de pontos quânticos a partir de 50 polegadas e preços competitivos. Esta tecnologia, adotada por várias marcas no Brasil, proporciona maior pureza e volume de cores. A divisão interna destas telas em zonas de iluminação independentes com maior número de LEDs, característica das TVs Local Dimming Full Array, eleva o brilho e o contraste.

O fabricante utiliza a plataforma Smart Vidaa, encontrada nas TVs Toshiba à venda no Brasil --a marca é do mesmo grupo. A integração com comandos de voz via Alexa e a compatibilidade com Dolby Vision e Dolby Atmos também estão presentes. Mais avançadas, as linhas U7G Pro e U8 trazem altas taxas de brilho, baixo tempo de resposta e taxas de atualização de 144 Hz e 120 Hz para deixar as imagens mais fluidas em games e cenas em movimento.

Insignia

Pense em TVs baratas à venda no mercado americano e logo você vai chegar nos modelos da Insignia, uma marca da Best Buy, tradicional rede de eletrônicos dos EUA. Em uma visita ao site da loja, há opções de 19 polegadas a partir de US$ 80 ou de 32 polegadas pelo dobro do preço.

No ranking americano da Amazon, as duas TVs mais vendidas são da linha Insignia com Fire TV, aquele dispositivo que compete com o Chromecast, embutido. São modelos básicos de 32 e 24 polegadas com resolução HD, que custam US$ 170 e US$ 140, respectivamente.

As primeiras telas Insignia a integrarem os serviços da Amazon chegaram ao mercado americano em 2018. De lá para cá, a parceria se fortaleceu e, este ano, chegaram quatro modelos com resolução 4K e tecnologia de pontos quânticos. São TVs de 50 a 70 polegadas com controle remoto que aceita comandos de voz via Alexa --elas custam a partir de US$ 600.

Há um certo mistério sobre a produção das TVs Insignia. Embora esteja claro que elas são fabricadas na China, especialistas do setor acreditam que a Best Buy tenha mais de um parceiro produzindo estas telas. De qualquer forma, a Hisense parece ser a fabricante principal por trás da marca.

TUDO SOBRE

Smart TV

TV 4K


Leia também

Web Stories

+
Harmonização facial e lente nos dentes: Veja antes e depois dos peões de A Fazenda 13Ex de Anitta e rei da pegação: Gui Araujo é o primeiro fazendeiro de A Fazenda 13Elenco, estreia e bastidores: Saiba tudo sobre o reboot de Um Maluco no PedaçoAgressão e barraco em festa clandestina: Veja histórico dos peões de A Fazenda 13Vereda Tropical no Globoplay: Veja por onde andam cinco atores sumidos da novela

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

Você gostou do elenco de A Fazenda 13?