Recap S10E01

Rick ganha status de mártir e Negan vira boa-praça no 10º ano de Walking Dead

Divulgação/AMC

O ator Jeffrey Dean Morgan sorri em cena da primeiro episódio da décima temporada de Walking Dead

Jeffrey Dean Morgan, o Negan, trabalha em horta na estreia da décima temporada de Walking Dead

JOÃO DA PAZ - Publicado em 06/10/2019, às 23h06 - Atualizado às 23h11

[Atenção: este texto contém spoilers]

A primeira temporada de Walking Dead sem Rick Grimes (Andrew Lincoln) ainda não se desgarrou do xerife. Na estreia do décimo ano da série, na noite deste domingo (6), ele foi citado catorze vezes e ganhou status de mártir. Na outra ponta, o domesticado vilão Negan (Jeffrey Dean Morgan) virou boa-praça e conselheiro.

Intitulado de Lines We Cross (Linhas Que Cruzamos, em tradução livre), começou bem depois do inverno que chegou no final da temporada passada. O sol bateu forte, e o grupo de sobreviventes foi para a praia, perto da comunidade de Oceanside, pescar uns peixinhos e treinar ataques contra mortos-vivos.

As crianças do apocalipse zumbi estavam na viagem e viram o mar pela primeira vez. Lá, um papo entre os filhos de Rick, Judith (Cailey Fleming) e RJ (Antony Azor), revelou como o xerife é lembrado na série.

Mais madura da dupla, Judith contou para o irmão a história fantástica de um Homem Corajoso (Brave Man) que salvou dezenas de pessoas de "milhões de zumbis que o seguiram em uma ponte. Para salvar seus amigos que estavam do outro lado, ele explodiu a ponte e todos os zumbis caíram na água. Todos os amigos dele ficaram livres dos zumbis. O fim". Assim, Judith resumiu o que aconteceu no quinto episódio da temporada passada, fato que ganhou espaço na vinheta de abertura.

Judith disse para RJ que o Brave Man morreu e foi para o Céu. "Ele vive dento dos nossos corações e nos faz corajosos também", explicou a menina para o irmão. Michonne (Danai Gurira), mãe de RJ, ouviu tudo de perto e concordou com a versão dos fatos de Judith, que transformou Rick em um tipo de salvador.

É importante pontuar que Rick não morreu. Os personagens da série têm isso como verdade porque nunca mais o viram desde a explosão. Na verdade, ele foi raptado por Jadis/Anne (Pollyanna McIntosh) e levado para outra comunidade. Rick será o protagonista de três filmes da franquia The Walking Dead.

Como o xerife, uma outra personagem ausente foi também muito citada na estreia da décima temporada, Maggie (Lauren Cohan). A atriz deixou a série para protagonizar o drama Whiskey Cavalier (2019), já cancelado.

Como era esperado um retorno de Lauren, os roteiristas não mataram Maggie. A volta da atriz foi confirmada ontem (5) na New York Comic-Con, junto com a renovação da série para mais uma temporada. Maggie está zanzando por aí no mundo do apocalipse zumbi e se comunica com os sobreviventes por cartas.

Vilão domesticado

A volta de The Walking Dead traz uma nova versão do sanguinário Negan. Após passar meses dentro de uma cela improvisada em Alexandria e tentar fugir da comunidade, ele surgiu bonzinho, comportado e trabalhando em uma horta de tomates. O vilão até jogou conversa fora com os moradores do complexo.

Propositadamente, a série cria um suspense acerca dele, não deixando bem claro se esse novo Negan é sincero ou só uma camuflagem. É completamente justificável acreditar na segunda premissa, devido às barbáries que ele cometeu no passado. Essa postura de Negan pode ser uma miragem de algum plano maligno que ele porventura esteja tramando.

Com direito a porta da prisão aberta, Negan trocou uma ideia com o padre Gabriel (Seth Gilliam), chegando a aconselhar o religioso para resolver um problema. Negan incentivou o padre a mentir, como não poderia deixar de ser.

reprodução/amc

A vilã temida Alpha (Samantha Morton) olha para Carol (Melissa McBride); e aí, vai encarar?


Vilã aterrorizante

A vilã Alpha (Samantha Morton) só apareceu no final do episódio, encarando Carol sem piscar os olhos. Antes disso, os Sussurradores não entraram em cena, mas estavam mais do que presentes nos diálogos.

O grande ponto de conflito foi uma fronteira delimitada por Alpha. Basta não cruzá-la que nada acontecerá entre os Sussurradores, grupo liderado por ela, e os sobreviventes. A linha, porém, precisou ser cruzada, pois um satélite soviético (sim, um satélite) caiu em chamas na floresta, bem do lado de lá.

O fogo começou a espalhar e os sobreviventes tomaram a decisão de atravessar a fronteira e apagá-lo, antes que atingisse Oceanside. Eles conseguiram cumprir essa tarefa, mas será que Alpha entenderá isso como um bom gesto ou como afronta? Resposta que fica para os próximos capítulos.

Leia também

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site. Também não serão aceitos comentários com links e propaganda de produtos, serviços e dietas.

Enquete

Você está curtindo o programa Se Joga?
Sim, é divertido e leve.
22.27%
Não é horrível, mas também não é bom.
26.34%
Não, achei muito ruim, uma vergonha.
27.00%
Prefiro A Hora da Venenosa.
24.40%

Últimas notícias

Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook