Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

CARINHO

Netflix redobra cuidado na edição de cenas de abuso com Klara Castanho em série

DIVULGAÇÃO/NETFLIX

Klara Castanho está de frente para Reynaldo Gianecchini em cena de Bom Dia, Verônica

Em Bom dia, Verônica, Klara Castanho será estuprada pelo personagem de Reynaldo Gianecchini

CARLA BITTENCOURT E LUIZA LEÃO

carla@noticiasdatv.com

Publicado em 28/6/2022 - 7h00

Ainda sem data de estreia definida, a segunda temporada de Bom Dia, Verônica terá Klara Castanho no papel de uma jovem estuprada pelo próprio pai, interpretado por Reynaldo Gianecchini. Mas apesar de ser um trabalho inédito, a atriz assinou com a plataforma em julho e gravou a série no início de setembro, antes de ter sido vítima do crime que tornou público no último sábado (25).

Na história, Klara, que virou estrela da Netflix com vários projetos na plataforma, será Ângela, uma menina abusada pelo próprio pai, um líder religioso acima de qualquer suspeita.

Matias é respeitado, casado e pai de uma jovem de 18 anos, interpretada por Klara. O religioso, no entanto, é o grande vilão da série. O personagem abusa da mulher, Gisele (Camila Márdila), e da filha sem levantar nenhuma desconfiança em sua comunidade. Na verdade, ele é uma espécie de herói para seus fiéis.

Klara, no entanto, não gravou nenhuma cena explícita de estupro. As sequências são todas sugeridas. A série já teve uma primeira edição feita, e a finalização ainda está pendente. Fontes ouvidas pelo Notícias da TV disseram que a Netflix --que está dando total apoio a Klara antes mesmo da publicação da carta aberta da atriz-- vai ter ainda mais cuidado na edição das cenas que envolvam a personagem e na forma de divulgação da trama.

Na história, Gisele descobrirá que Matias abusa das mulheres, inclusive a própria filha. Somente no fim da história, a mulher conseguirá se livrar do marido. Para isso, ela terá a ajuda de Verônica (Tainá Müller).

A personagem, que no fim da temporada passada forjou a própria morte, ressurgirá com vários disfarces e investigará Matias, assim como fez com Brandão (Eduardo Moscovis) na primeira leva de episódios. Ela armará uma emboscada para ele e conseguirá provar os crimes sexuais.

Elogiada pela crítica e presente no Top 10 da Netflix durante semanas após seu lançamento, Bom Dia, Verônica teve oito episódios iniciais, em que a escrivã vivida por Tainá ajudou na investigação de dois casos.

O primeiro foi o de um psicopata interpretado por Sacha Bali que aplicava golpes virtuais. Depois, do serial killer Cláudio (Eduardo Moscovis) que transformou a mulher, Janete (Camila Morgado), em uma prisioneira no próprio lar. As duas histórias terminaram mal, com as vítimas mortas em situações trágicas.


Saiba tudo que vai acontecer nos próximos capítulos das novelas com o podcast Noveleiros

Ouça "#107 - Madeleine volta em Pantanal? Novela dá pista" no Spreaker.


Inscreva-se no canal do Notícias da TV no YouTube e assista a vídeos com revelações de Pantanal e outras novelas:


Leia também

Enquete

Qual o personagem mais chato de Pantanal?

Mais lidas


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.