Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

BOM DIA, VERÔNICA

Após papéis fortes, Camila Morgado sofre para ser vítima em série da Netflix

Fotos: Suzanna Tierie/Netflix

Sentada no chão, em posição quase fetal, Camila Morgado segura um celular contra o rosto e um papel na outra mão

Camila Morgado fica acanhada em cena que sua personagem pede socorro na série Bom Dia, Verônica

LUCIANO GUARALDO

luciano@noticiasdatv.com

Publicado em 30/9/2020 - 7h00

Esqueça Olga Benário, a militante do filme Olga (2004), ou a determinada Manuela, de A Casa das Sete Mulheres (2003). Em Bom Dia, Verônica, série que a Netflix estreia nesta quinta (1º), Camila Morgado interpreta Janete, uma mulher vítima de violência doméstica que esquece a própria identidade e devota sua vida ao marido. Acostumada a papéis fortes, a atriz de 45 anos sofreu para se anular em cena.

"Fazer a Janete foi muito difícil, para falar a verdade, por conta de toda a carga emocional dela. É uma pressão constante, ela e o Brandão [Eduardo Moscovis] vivem numa tensão, quase que um filme de terror. Interpretar a vítima, o tempo inteiro, é um processo complicado. Fisicamente, é um lugar ruim de se ocupar", admite a artista em entrevista ao Notícias da TV.

Na trama nacional, baseada no livro homônimo escrito por Raphael Montes e Ilana Casoy (que assinaram a obra sob o pseudônimo de Andrea Killmore), a escrivã Verônica (Tainá Müller) decide investigar um golpista que engana várias vítimas na internet e acaba descobrindo um serial killer que mantém a própria mulher como prisioneira em sua casa.

A protagonista precisa convencer Janete a prestar queixa contra Brandão, mas encontra dificuldades pelo fato de a personagem de Camila Morgado acreditar que é responsável por todas as violências que sofre, porque ela é incapaz de gerar um filho que traria felicidade (e paz) ao marido.

"Eu precisava que essa história fosse contada de uma maneira que passasse por todos os estágios da vítima. Ela tinha de ser bem retratada, verossímil. Tem o momento de vergonha, de culpa, de responsabilidade... A Janete não compreende que aquilo é uma agressão. Até começar a ser acolhida, entender que não é responsável, e sim vítima, ela passa muito tempo sendo manipulada pelo agressor", desabafa a atriz.

Camila também precisou explorar o passado da personagem para entender como ela foi parar em uma situação tão ruim. "É uma menina do interior que chega em São Paulo com a esperança de que o mundo vá ser muito legal com ela. Cheia de sonhos, quer um casamento legal, acredita que o Brandão é o príncipe encantado dela. E esse mundo desaba, a realidade não é essa. Ela vira propriedade dele, em um cativeiro. Ele a chama de 'passarinha'", explica.

"Até ela conseguir sair dessa situação, essa mulher é muito silenciosa, está em um mundo à parte, vive trancada em casa. A companhia dela é a palavra cruzada, a TV, o silêncio... A vítima tem uma opressão tamanha que começa a se distanciar de quem ela é. Eu queria até que ela fumasse, porque o cigarro seria um companheiro. Tentei trazer uma fisicalidade, a postura dela ao ver TV não é tão comum, chega a ser engraçada. O mundo dela é só aquilo."

Camila e Eduardo Moscovis: relação doentia e sentimento de posse

Alerta necessário

As cenas intensas de violência contra a mulher mostradas em Bom Dia, Verônica podem chocar parte do público, mas Camila considera que a série vai provocar uma reflexão importante na sociedade --e, em especial, nas vítimas. "Por meio da ficção, a gente pode falar de um tema bem real, e as mulheres que passam por isso talvez se identifiquem com a situação que veem na TV. Porque não é só a violência física, tem o abuso psicológico também", ressalta.

"Eu acho fundamental a gente falar de um tema tão urgente. Tem que pressionar a sociedade, abrir para reflexão. A violência doméstica aumentou muito durante a pandemia, a gente percebe o quanto o machismo é estrutural. A sociedade normatiza essa questão, mas precisa ser falado, tem que dar nomes. O nome disso é violência doméstica, e ela tem que ser denunciada."

A primeira temporada de Bom Dia, Verônica conta com oito episódios. O elenco ainda inclui Silvio Guindane, Cesar Melo, Antônio Grassi, Elisa Volpatto, Adriano Garib e Sacha Bali, entre outros. Confira o trailer:


Leia também


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

O que você achou do Disney+?