SERÁ QUE VAI?

Game of Thrones se arrisca no Emmy com pior episódio de toda a série

Divulgação/HBO

Emilia Clarke (Daenerys) e Kit Harington (Jon Snow) no último episódio de Game of Thrones - Divulgação/HBO

Emilia Clarke (Daenerys) e Kit Harington (Jon Snow) no último episódio de Game of Thrones

REDAÇÃO - Publicado em 11/06/2019, às 12h33

Ganhadora de dois Emmys de melhor roteiro em série de drama, Game of Thrones terá a difícil missão de levar uma terceira estatueta para casa neste ano. É que os produtores David Benioff e D.B. Weiss decidiram inscrever na categoria apenas o episódio derradeiro da atração, The Iron Throne, que recebeu a pior avaliação dos fãs em toda a história.

No IMDb, um dos bancos de dados da indústria cinematográfica mais completos e conceituados da internet, o último capítulo recebeu nota 4,3 (de um total de 10). É um desempenho muito aquém dos episódios que foram premiados em anos anteriores: Battle of the Bastards, que levou a estatueta em 2016, tem uma avaliação quase perfeita, de 9,9; já Mother's Mercy, vencedor em 2015, recebeu 9,1.

O curioso é que os produtores de Game of Thrones, se quisessem, poderiam ter inscrito todos os seis roteiros da última temporada para concorrer ao Oscar da TV. Afinal, as regras do prêmio não impõem um limite de nomeações: a animação Bob's Burgers, por exemplo, indicou 11 de seus 22 capítulos; já o drama Better Call Saul mandou sete episódios (de dez) para a avaliação dos votantes.

Um dos (poucos) pontos a favor da finale de Game of Thrones é sua audiência: 13,6 milhões de pessoas assistiram ao fim da saga dos Stark nos Estados Unidos, o maior público da série de fantasia da HBO em suas oito temporadas.

Se a escolha dos produtores se mostrar um erro e GoT ficar de fora dos indicados a melhor roteiro, será apenas a segunda vez na história que a série não concorrerá ao prêmio: ela só foi esquecida em 2012, por sua segunda temporada.

E o Emmy de melhor drama?

A revista Hollywood Reporter fez um levantamento que mostra que Game of Thrones também precisará vencer as estatísticas para levar para casa o seu quarto troféu de melhor série de drama. Em 70 edições do Emmy, apenas nove atrações venceram nas categorias principais por suas últimas temporadas.

A vitória mais recente foi com Breaking Bad, em 2014, que teve um desfecho aclamado pela crítica. Séries com finais que dividiram o público, como Seinfeld (1989-1998) e Friends (1994-2004), foram derrotadas em seus últimos anos. Já as detonadas Lost (2004-2010) e Dexter (2006-2013) sequer conseguiram indicações.

Para a publicação especializada, GoT só deve entrar na disputa porque a competição deste ano está fraca: séries como The Handmaid's Tale e Big Little Lies não podem concorrer, e queridinhas como Killing Eve, This Is Us e Better Call Saul não são tão populares quanto o drama de fantasia.

Leia também

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site. Também não serão aceitos comentários com links e propaganda de produtos, serviços e dietas.

Enquete

Você gostou da escolha de Maju Coutinho para o Jornal Hoje?

Últimas notícias

Notícias da TV
Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook