Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

ATÉ CHOROU

José Loreto já foi segurança em Hollywood e barrou Leonardo DiCaprio em festa

REPRODUÇÃO/GNT

José Loreto em entrevista para o Que História É Essa, Porchat?, do GNT, em 29 de setembro de 2020

José Loreto em entrevista para o Que História É Essa, Porchat?, do GNT; ator já foi segurança em Hollywood

REDAÇÃO

redacao@noticiasdatv.com

Publicado em 29/9/2020 - 0h04
Atualizado em 29/9/2020 - 23h53

Antes de ser famoso, José Loreto já foi segurança em Hollywood, nos Estados Unidos. E quem diria, o ator teve uma experiência inusitada justamente com Leonardo DiCaprio durante o Réveillon de 2003. Responsável pela área VIP de uma festa, o brasileiro barrou o galã por ele não estar com a pulseira de acesso ao local.

Entrevistado no Que História É Essa, Porchat?, do GNT, desta terça-feira (29), Loreto entregou detalhes do fato. Ele era estudante de Economia nos Estados Unidos. No entanto, já de olho na carreira artística e disposto a conhecer o mundo do entretenimento, aceitou trabalhar como segurança em Hollywood.

"No Réveillon, me chamaram para um evento, uma festa de celebridades. E aí você pode dar sorte ou azar no lugar que vão te colocar porque são 30 seguranças. Me botaram para tomar conta da área VIP. Eu só tinha que checar a pulseirinha", iniciou.

"Eu tinha 20 anos e estava ganhando meus dólares. Falei: 'Vou ser profissional. Quero surpreender e subir de cargo aqui'. Perto das 22h chegou uma galera. Eis que surge quem? Leonardo DiCaprio e Gisele Bündchen", continuou. Os dois eram um casal na época.

Ele confessou que ficou animado ao ver o artista já consagrado do cinema. No entanto, percebeu que o ator estava sem a pulseira de convidado VIP. "Quando ele foi entrando, eu só botei a mão no peito e falei: 'Desculpa, você não pode passar'", relembrou.

Acompanhado de seus próprios seguranças, DiCaprio não tomou conta da ação de Loreto. "Leonardo nem notou que eu tinha barrado ele, de tão rápido que foi aquilo", divertiu-se.

Porém, os responsáveis pela festa observaram a situação e puniram o brasileiro. "Não me demitiram, mas me botaram na pior área da festa. Barrei ele [DiCaprio] às 22h. Às 22h01 eu já estava na porta da área de fumantes, lá longe", detalhou.

Sozinho e do lado de fora da festa, o artista contou que passou a virada de ano mais triste de sua vida. "Todo mundo lá dentro, fogos dentro do salão, todo mundo pulando, e eu na área de fumantes sozinho. Só escutava a contagem [para a hora da virada] lá dentro da festa. Escorreu uma lágrima", admitiu.

"Acabou o trabalho e meus amigos todos animados, pois cada um ficou em uma área legal. Até hoje não contei esse episódio porque era triste. Passei o Réveillon mais triste, fiquei com saudade da minha mãe e do meu pai. Falei: ‘O que estou fazendo aqui?’", relembrou.

Veja participação de José Loreto no Que História É Essa, Porchat?:


Leia também

Enquete

Você gostou da escolha de Tadeu Schmidt para o BBB22?

Web Stories

+
Outubro Rosa: Conheça cinco famosas que venceram o câncer de mamaAlém de José de Abreu: Sete atores brasileiros que se aventuraram na políticaApós derrota em eleição, Victor Pecoraro perde mais uma votação e deixa A Fazenda 13Deixaram saudade: Conheça cinco atores de O Clone que já morreramEsqueceram de Mim ganha novo filme no Disney+; veja como está o elenco original

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas