Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

MIMADO

Ti Ti Ti: Com dor de corno, Renato aproveita chifre e se vinga de Edgar; descubra como

FOTOS: REPRODUÇÃO/TV GLOBO

Guilherme Winter em cena de Ti Ti Ti: caracterizado com Renato, ator olha para fora com expressão de seriedade

Renato (Guilherme Winter) ficará irritado com sessão de fotos na Moda Brasil em Ti Ti Ti

Com dor de corno, Renato (Guilherme Winter) aproveitará para "chifrar" Edgar (Caio Castro) em Ti Ti Ti. O empresário tirará a revista Moda Brasil de circulação por ela ter um ensaio do fotógrafo com Marcela (Isis Valverde). A censura do mimado doerá no bolso da editora da família Sampaio, e a empresa correrá o risco de perder seus anunciantes. 

O filho de Giancarlo (Mauro Mendonça) tomará a decisão cruel nos próximos capítulos da reprise do Vale a Pena Ver de Novo. O ato do rapaz se espalhará, e Suzana (Malu Mader) e Gustavo (Leopoldo Pacheco) o peitarão pela escolha.

"Quem você é para fazer um absurdo desses? O chefe da censura nacional na época da ditadura?", dirá a jornalista. O herdeiro de Stela (Mila Moreira) retrucará: "Eu sou o dono da editora e faço o que bem quiser com a minha revista", afirmará. Já o marido de Bruna (Giulia Gam) esquecerá a educação:

Essa editora não é só sua, eu quero essa revista de volta na banca agora, do jeito que você encontrou quando ela saiu da distribuidora, ou eu acabo com você. A editora não é nenhum brinquedo para você fazer o que quiser, seu irresponsável! Eu não sei como você vai fazer, mas eu quero que você ligue agora na distribuidora e dê uma contraordem!

Gustavo e Suzana enfrentarão Renato 

Péssimo chefe 

O pai de Paulinho (João Pedro Biggi) explicará suas condições: "Amanhã não vai dar. É claro que a revista vai voltar às bancas, só que sem o ensaio da Marcela e do Edgar", decretará. A chefe de Help (Betty Gofman) duvidará que os jornaleiros aceitem a edição.

Já o parente de Edgar se preocupará com os anunciantes: "Você acha que eles vão entender sua dor de corno? Vão querer ser ressarcidos pelo prejuízo que tiveram. Você tem noção de quanto vai custar isso?", gritará. 

Marcela vai se intrometer na conversa e dará a sugestão de Renato devolver as publicações do jeito que estão, mas o empresário explicará que não é possível. Suzana ficará possessa com a imaturidade do chefe e se demitirá.

"Suzana, vamos conversar. Eu tenho profunda admiração pelo seu trabalho!", dirá o personagem vivido por Guilherme Winter. Mas a jornalista o ignorará, e Gustavo debochará: "Você tem ideia do tamanho da burrada que fez? Isso é só começo, hein?", adiantará o veterano, no caminho para sair da casa do rapaz. 

"Satisfeito, doutor Renato Villa? Viu o que você conseguiu com a sua prepotência?", arrematará Marcela, com vergonha da situação promovida pelo próprio marido. O rapaz não saberá o que fazer.

O folhetim que a Globo reprisa à tarde na sessão Vale a Pena Ver de Novo é uma releitura de duas novelas clássicas de Cassiano Gabus Mendes (1929-1993): Ti Ti Ti (1985) e Plumas e Paetês (1980). Originalmente exibida entre julho de 2010 e março de 2011, a trama foi escrita por Maria Adelaide Amaral e Vincent Villari.


Saiba tudo sobre os próximos capítulos das novelas com o podcast Noveleiros

Ouça "#64 - Luna vai do céu ao inferno em Salve-se Quem Puder!" no Spreaker.


Inscreva-se no canal do Notícias da TV no YouTube e assista a vídeos com revelações do que vai acontecer nas suas novelas preferidas!

Prêmio NTV Melhores do ano


Últimas de Ti Ti Ti


Outras Novelas

Leia também

Enquete

Quem foi o(a) melhor jornalista/comentarista esportivo do ano?

Web Stories

+
Mansão nova, presença VIP e publis: Saiba tudo sobre a carreira de Deolane BezerraÚltima temporada de La Casa de Papel: Após o fim, série já tem spin-off confirmadoFicção virou realidade: Casa de Esqueceram de Mim é aberta ao público; veja fotosDivórcio, tragédia e treta: 5 notícias que peões de A Fazenda 13 não sabemJuan Paiva rouba a cena em Um Lugar ao Sol; conheça a história do ator

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas