processo em família

O Tempo Não Para: Samuca fica revoltado ao descobrir golpe e enfrenta o pai

Reprodução/TV Globo

Samuca (Nicolas Prattes) levantará o pai pelo colarinho em acerto de contas em O Tempo Não Para - Reprodução/TV Globo

Samuca (Nicolas Prattes) levantará o pai pelo colarinho em acerto de contas em O Tempo Não Para

REDAÇÃO - Publicado em 06/12/2018, às 07h21

Samuca (Nicolas Prattes) descobrirá que sua empresa está sendo processada por Livaldo (Nelson Freitas) e reagirá revoltado em O Tempo Não Para. O malandro decidirá reivindicar a autoria do adubo que fez a Samvita virar um empreendimento de sucesso, e o jovem sentirá o golpe. O rapaz irá atrás do pai para confrontá-lo e cortará relações.

Vanda (Lucy Ramos) é quem dará a notícia do processo para o dono da Samvita. "SamucaCarmen [Christiane Torloni]... Eu nem sei como dizer isso. A patente original, não a que você registrou, mas uma mais antiga, de mais de 20 anos atrás. Tá em nome de Livaldo Tácito Faria", revelará a advogada com os documentos em mãos.

"Meu pai? Não é possível... Me acusar de quebra ilegal da patente do adubo? Eu desenvolvi a fórmula!", reagirá Samuca, sem acreditar que o pai agiu pelas suas costas. "Ele tem um registro anterior", informará Vanda.

"Isso não vale nada! É só um esboço!", argumentará o mocinho, que rasgará o papel. "Mas tem valor legal. Até o nome é o mesmo", explicará a diretora jurídica da empresa. "O nome fui eu que dei. Samuca, o Livaldo tinha esse projeto na faculdade de química, mas nunca levou adiante... Eu jamais podia imaginar que ele tinha registrado", lembrará Carmen.

"Se ele soubesse o que fazer, tinha lançado o adubo. Essa fórmula é incipiente! Eu desenvolvi a fórmula!", disparará o par de Marocas (Juliana Paiva). "O nome é o mesmo", notará Vanda. "Foi minha mãe que batizou a fórmula", completará Samuca.

"Me desculpa. Eu devia ter usado outro nome. Ele deve ter mencionado Vitae alguma vez. Eu não me lembro!", admitirá Carmen. "Não... meu pai nunca faria isso comigo", dirá o empresário. "Dói muito dizer isso, meu filho, mas esse é o tipo de coisa que o Livaldo faria", afirmará a executiva.

Samuca se recusará a acreditar e ficará muito abalado com a descoberta. "Isso não pode tá acontecendo!", dirá ele. "Como eu rezei pra estar errada em todas as minhas intuições, filho, no meu sexto sentido de mãe que gritava aqui dentro. Mas, pelo visto, infelizmente, eu tava certa", emendará a mãe do jovem empreendedor.

Samuca não engolirá a história e, ao saber que Livaldo está na pensão de Coronela (Solange Couto), irá atrás dele para um acerto de contas.

"Você planejou tudo desde o início, não foi? Você queria desviar a minha atenção com esse papo de pai e filho, de querer se reaproximar de mim. O que você queria era entrar na Samvita e quebrar com a empresa, como você está fazendo agora. Tomando pra você a patente do adubo Vitae. Você está fazendo isso tudo por dinheiro!", acusará Samuca.

Livaldo contará sua versão da história e afirmará ser o autor da fórmula. "Tudo que você tinha era uma ideia incipiente, um esboço sem valor nenhum", retrucará o filho. "Um esboço promissor. Tanto que deu origem ao adubo Vitae", emendará o malandro. "Quem desenvolveu o adubo fui eu. Com a ajuda e o investimento da minha mãe. Ela vendeu a única coisa que a gente tinha pra ajudar nas pesquisas, aquele carro velho", insistirá o mocinho.

O ex-marido de Carmen lembrará que o carro vendido por ela lhe pertencia. "Ainda assim você acha mesmo que é o dono do adubo", reagirá o personagem de Nicolas Prattes. "Eu sou... Eu registrei a primeira patente, antes da sua mãe me mandar embora!", dirá o golpista.

"O adubo é patente minha, está no meu nome. E eu liberei a fórmula pro mundo inteiro. Foi a melhor coisa que eu podia ter feito. Você não tem nada a ver com isso. Você sumiu no mundo", esbravejará o marido de Marocas.

"Quero provar pra você que eu não sou o bandido dessa história. A bandida de verdade é a Carmen!", acusará Livaldo. Samuca perderá a paciência com a acusação do pai e o agarrará pela camisa. "Você não vai falar assim da minha mãe!", disparará.

"Não quero acabar com você, muito menos com a sua empresa. Só quero o que é justo. A Carmen sempre me tratou como um lixo, nunca me deu o devido valor. Agora quero o que é meu por direito", justificará o malandro.

"Isso a justiça vai dizer", retrucará Samuca, com ódio no olhar. "Depois que isso tudo for resolvido... Eu quero o principal: recuperar a minha relação com você!", falará Livaldo. "Presta atenção... Esquece que eu existo, de verdade! Não quero nunca mais ter que olhar pra sua cara!", finalizará o mocinho.

As cenas estão previstas para ir ao ar a partir do dia 20 em O Tempo Não Para.

Últimas de O Tempo Não Para

Resumos semanais

Resumo da novela O Tempo Não Para: Capítulos de 10 a 22 de dezembro

Segunda, 10/12 (Capítulo 114)
Agnese diz a Marocas que não tem nada contra ela, mas se recusa a contar quem está por trás do atentado contra sua vida. Lúcio diz a Livaldo que o documento que furtou da casa ... Continue lendo

Outras novelas

Leia também

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site. Também não serão aceitos comentários com links e propaganda de produtos, serviços e dietas.

Enquete

O que é mais bizarro em O Tempo Não Para?
Duas mulheres com mais de 60 anos dizendo estar grávidas.
23.60%
Ninguém mandar nenhuma das 'grávidas' fazer teste em laboratório.
11.04%
Vilões que matam pessoas e continuam impunes.
11.55%
De uma novela que descongelou pessoas do século 19 se espera qualquer coisa.
53.81%

Últimas notícias

Notícias da TV
Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook